20 verdades sobre ter 2 filhos

20 verdades sobre ter 2 filhos


26 de Abril de 2016

No post de hoje, algumas verdades que só quem tem dois filhos irá entender. Um pouquinho da realidade de mãe de dois. Uma realidade recheada de desafios, mas muita, muita alegria e realização. Confira e identifique-se.

1. Você não tem para onde correr. Quando se tem só um filho, você e o pai se dividem e cada um cuida um pouco. Assim, dá para ter uns minutinhos de folga. Quando são dois, é cada filho para um. A gente percebe isso claramente em viagens, passeios, etc…

foto post
Foto de arquivo pessoal. Sua reprodução não está autorizada.

2. Mas também, não é trabalho em dobro. Muita gente fala: ter dois filhos é trabalho em dobro. Não é não. É claro que o trabalho aumenta, mas não dobra. A gente tem mais experiência e aí se vira bem melhor (Leia: O segundo filho é realmente mais fácil?).

3. Nasce o segundo, o mais velho cresce. Assim que o segundinho chega, parece que o mais velho cresce uns bons anos. De uma hora para a outra, ele deixa de ser o bebê e a gente o vê como uma criança bem mais independente. Mas não é bem assim, e temos que tomar cuidado com isso.

4. Prepare-se para as crises de ciúmes. Não que seja regra, mas é bem comum. O irmão mais velho tende a ter muito ciúmes do mais novo nos primeiros meses. E aí, prepare-se para enfrentar memoráveis birras, brigas e exemplos de um comportamento não tão admirável.

5. Você se tornará uma mãe bem mais relaxada (no bom sentido). Se com o primeiro filho você queria fazer tudo perfeito e se preocupava com tudo, com a chegada do segundo você relaxa. Sabe que nem sempre será possível dar conta do recado com 100% de perfeição.

6. Uma hora você deixará pelo menos um dos dois chorando. Se você é daquelas mães que não suporta a ideia de deixar o filho chorar, quando chegar o segundo você aprenderá a conviver com isso. Isso porque é impossível atender todas as demandas ao mesmo tempo. Chega uma hora que alguém vai ter que esperar e aí é certeza que o berreiro vai começar.

7. Você vai perceber que reclamava de barriga cheia. Lembra quando você reclamava que não tinha tempo para nada? Pois bem, agora sim você vai entender o que é não ter tempo para nada (não consigo imaginar o que seja ter 3 ou 4 filhos. Ahahaha!).

8. O que já era difícil pode ficar ainda mais complicado. Lembra quando você pensava que tendo o segundo filho eles se fariam companhia e deixariam você mais livre? Pois bem, saiba que você estava errada. Em vez de um correr atrás do outro, os dois correm atrás de você. Pelo menos nos primeiros anos.

9. Você vai entender melhor o conceito de sustentabilidade. Sim, sustentabilidade, reciclagem e reaproveitamento viram palavras de ordem. Você vai querer aproveitar tudo (ou quase tudo) do primeiro para o segundo. Afinal, economia é sempre vem vinda.

10. Você irá se perguntar onde está indo parar o seu dinheiro. Os gastos aumentam, e muito, com a chegada do segundinho. Mesmo reaproveitando muita coisa, o dinheiro vai embora, escorre por entre os dedos.

11. Bem antes do que você imagina, eles já vão brigar pela TV. Desde muito cedo eles já tem os seus programas favoritos e vão disputar o controle da TV, da Net, da Apple TV e até a posse do iPad.

12. Eles tenderão a ter comportamentos opostos. Já viram alguma mãe dizer que seus filhos tem personalidades completamente diferentes? Pois é, isso é bem normal. As crianças tendem a querer se destacar e chamar atenção dos pais, por isso, evidenciam características que o irmão não tem.

13. Eles podem ser muito, muito unidos. Principalmente se for para fazer alguma coisa errada. Um arquiteta o plano e o outro vai lá e executa. Isso é tão comum!

>>>> Confira aqui 10 razões para ter o segundo filho.

14. Eles vão sempre, ou quase sempre, querer o brinquedo que está com o outro. O brinquedo pode estar lá, largado por dias, mas é só um irmão pegá-lo que lá vem o outro e também quer. E aí a briga começa.

15. Eles vão disputar a sua atenção. Assim como acontece com o brinquedo, é só um chegar perto da mãe ou do pai que lá vem o outro e pula no colo. E aí começa a treta.

16. O segundo aprenderá a fazer as coisas bem mais rápido. Observando o exemplo do mais velho, o segundinho fará tudo muito, mas muito mais rápido que o primeiro fez. E vai deixar você de cabelo em pé.

17. Não é regra, mas a tendência é que o segundo seja mais “despachado”, mais dado e mais extrovertido. Escuto de muitas mães que o segundo filho é bem mais “resolvido”, independente, dado e extrovertido que o primeiro. Talvez um pouco da explicação esteja aqui nesse post.

18. Você terá muito mais segurança para deixar seus filhos com outras pessoas. Quando a gente tem um filho só, morre de dó de deixá-lo aos cuidados de outras pessoas (tipo deixar com os avós para dar uma escapadinha no final de semana). Quando são dois, você sabe que um fará companhia para o outro e aí se arrisca a ficar distante por algumas horas ou dias.

>>> 6 Dicas para organizar a chegada do segundo filho. Confira!

19. Você irá amá-los na mesma intensidade. Você pode admirar mais algumas características de um e mais outras características do outro. Um deles poderá te dar mais trabalho e o outro bem menos. Mas a grande verdade é que em se tratando de amor, não haverá diferenças. Você irá amá-los na mesma intensidade. E desesperadamente.

20. Você verá nascer e crescer um dos sentimentos mais belos que pode existir. Amor, admiração e companheirismo entre irmãos é uma coisa linda de se ver. E você terá o prazer de testemunhar esse elo e essa união se formando com o passar dos anos. Alegria maior não pode haver. Com certeza, está entre os maiores prazeres de ser mãe.