Tem horas que só a Galinha Pintadinha salva

A dica do post de hoje é, na verdade, para as mamães que estão chegando agora nesse desconhecido e encantador universo da maternidade, pois, se você já é mamãe com um pouquinho de experiência, ou seja, tem um bebê lá pelos três ou quatro meses, já deve ter descoberto (e se rendido) aos poderes da mais nova popstar nacional: a Galinha Pintadinha.

Arrisco-me a afirmar que essa mocinha e sua turna são para nossos pequenos o que os Menudos foram para a geração adolescente dos anos 80: um ícone, uma paixão, uma loucura, um vício.  É incrível o poder que essa penosa tem sobre as crianças, até aquelas bem novinhas, que mal e mal entendem o que se passa ao redor delas ficam vidradas, sem tirar os olhinhos da TV.
 
Até o Léo nascer, confesso que nunca tinha ouvido falar dessa tal de Galinha Pintadinha, que de pintadinha não tem nada, já que ela é todinha azul. Mas aí o meu bebezudo deu as caras e, logo cedo, percebi que tenho uma concorrente à altura, que arranca suspiros, sorrisos e olhinhos encantados na mesma intensidade que euzinha aqui.
 
Tô achando isso ruim? Que nada! Estou adorando. Essa concorrente à figura feminina de destaque na vida do meu filho tem salvo os meus dias em muitas situações. Sabe quando você está sozinha em casa, precisa preparar a papinha, lavar a mamadeira, ir ao banheiro, almoçar, mas o serzinho lá no tapete da sala insiste em abrir o berreiro e querer que você fique só sorrindo e fazendo cara de plácida ao lado dele? Pois é, é nessa hora que eu recorro à penosa. Coloco o DVD e vou lépida e saltitante resolver o que precisa ser feito, pois meu pequeno Léo está hipnotizado pela galinha e sua turma.
 
Já estou com os três DVDs da série comprados, mas por enquanto estou liberando em doses homeopáticas, para não perder a graça tão cedo. Assim, até o momento, o Léo só assistiu ao DVD 1 e garanto que em somente em momentos cruciais do dia, quando é a última opção.
 
Porque digo que somente quando é a última opção? Porque não acho legal isso de deixar a criança solta na frente de uma TV e terceirizar para esse aparelhinho a “criação” dos nossos filhotes. Amo estar ao lado dele, brincar, atender as suas necessidade e tudo o mais, mas há horas que preciso atender as minhas. E se ele está naqueles dias ou horas difíceis, que quer porque quer que eu fiquei ali do ladinho, aí recorro sim a essa artifício, sem peso na consciência.
 
Acho que a Galinha Pintadinha é como a chupeta. Não é legal usar o tempo todo, mas tem horas que ajuda pacas!
 
Conversando com amigas que também tem filhos, percebo que a Galinha Pintadinha é unanimidade, então essa dica não é baseada apenas na minha experiência pessoal, mas de um séquito de mamães experientes na arte de criar filhos.
 
Ontem, por brincadeira, até postei lá na Fanpage do Macetes de Mãe a seguinte frase: “A Galinha Pintadinha anda rouca aqui em casa ultimamente. Tem horas que só isso salva (risos!). Com vocês também é assim?” E veja só quanto comentário engraçado apareceu:

Ahhhhhhhhhhhh sem dúvida!!! Não sei o que foi que essa franga fez pra enfeitiçar as crianças mas às vezes só posso agradecer!!! Rsss…

Deve ter alguma coisa nessa galinha q os adulto não conseguem ver. Como pode prender tanto a atenção dos nossos pequenos?

Minha filha só dorme assistindo a Galinha Pintadinha. Ela AMA. Tem 1 ano e 1 mês, tem vários brinquedos dela, roupa, e até a festa dela foi com esse tema…rsrs. Uma tremenda fã. Ee a mamãe aqui baba!!! Rsrs

Com certeza!!! Meu filho tem 6 meses e já é vidrado. Só pára pra comer se tiver Galinha Pintadinha!!!!

O pior é que o meu bebê só gosta de uma música. Lava a mão do DVD 3. Quando troca ele chora de sair lágrimas. (com esse comentário eu tive até que rir!)

A Galinha Pintadinha quebrou meu leitor de DVD!

É sim, e as músicas entram na boca da gente de tal maneira que às vezes me pego cantando.

 
Tá vendo só? Não sou só eu que falo. E garanto que não sou só eu que me pego cantando alto “Um, dois, três indiozinhos, … quatro, cinco, seis indiozinhos…”. Meu marido, jura que já se viu cantarolando a música tema da série em plena reunião de trabalho. Quer mico maior que esse?
 
Para as mamães que querem uns minutinhos de folga, seguem informações sobre a Galinha Pintadinha. Depois é só comprar os DVDs ou baixar os aplicativos para Iphone, Ipad e Android. Ah, e também tem todos os brinquedos e outras traquitanas dessa turminha. Mas esse é um tema para outro post.
 
Clique aqui para conhecer o site da Galinha Pintadinha com todas as informações necessárias para a sua sobrevivência (risos!).
 
Hahahah! A penosa tem até Facebook! Veja só! 
 
E com vocês… a Galinha Pintadinha!
 

Deixe seu comentário