Dicas de segurança para fotos de RN

foto rnQuem é que não baba e morre de amores quando vê uma daquelas fotos lindas e super produzidas de um recém nascido? Eu sou uma das que enlouqueço, com certeza! Só que tirar essas fotos de arrancar o fôlego não é tarefa simples. Para deixar o bebê ajeitadinho e com aquela carinha de paz e tranquilidade que vemos por aí, tem muita experiência, preparo e aparato por trás, porque, se não fosse assim, acabaria se tornando perigoso.

E tendo isso em mente, a importância da segurança na hora de fazer um ensaio fotográfico de recém nascido, convidei a fotógrafa Cinara Piccolo, sócia-fundadora da ABFRN – Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém Nascidos, para falar um pouco sobre o assunto.

Abaixo, Cinara tira algumas dúvidas sobre segurança e escolha de profissionais qualificados para esse trabalho e também dá dicas para quem quer fazer esse tipo de foto em casa (mas sempre com total segurança).

1. Qual o melhor momento para se fazer um ensaio fotográfico de recém nascido (dias de vida do bebê)?
As fotos de recém nascido são bem específicas e só conseguimos realizá-las nos primeiros dias de vida do bebê, o ideal é que o bebê tenha de 5 a 10 dias de vida, mas é possível realizar até 15 dias.

2. Quais as maiores dificuldades em se fazer esse tipo de ensaio?
O sono do bebê. O bebê precisa estar em um ambiente adequado e calmo para que a sessão seja realizada. A ansiedade das mães pode atrapalhar quando o bebê se encontra em um momento mais agitado, transferindo essa ansiedade para o bebê e assim dificultando o sono.

3. Que cuidados especiais os fotógrafos de RN tem que ter? O que muda das fotos de crianças em geral?
Um dos desafios da fotografia de RN é colocar os bebês em posições que ele ainda não fica enquanto está dormindo. Para isso é necessário todo um conhecimento da anatomia do bebê para que não seja realizado o posicionamento de maneira que o machuque. Além das poses, usar acessórios inusitados também é um ponto que deve ser observado, pois muitos são instáveis e podem colocar a segurança do bebê em risco.

4. Quais são os riscos de se fazer esse tipo de foto com um fotógrafo que não tem experiência ou de se tentar fazer um ensaio em casa?
O posicionamento do bebê não é fácil e exige muita paciência, pois tudo deve ser feito no tempo do bebê. Um fotógrafo bem preparado saberá quando fazer, o que se pode fazer e como fazer, respeitando os limites de cada bebê. Se a foto for feita por um profissional não preparado, poderá levar ao desconforto do bebê e até mesmo a alguma lesão física na hora do posicionamento.

5. E o estúdio? Ele deve ser especialmente preparado para fotos de recém nascidos?
Ele não precisa ser exclusivo para esse tipo de foto, mas deve ter alguns itens que garantam segurança e que favoreçam o conforto do bebê: puff, climatização a 27 graus, álcool gel, ambiente higienizado, banheiro e espaço de amamentação.

6. O que os pais devem levar em conta na hora de escolher um profissional que faz esse tipo de serviço?
Na área de fotografia de RN existem vários estilos, profissionais que não executam poses mais elaboradas, os que executam e os que até mesmo fazem interação mínima com o bebê. Os pais devem avaliar as fotos do profissional e pesquisar sobre a carreira dele. Um bebê bem posicionado, transmite nas fotos uma sensação de ternura e conforto, que reflete a experiência do profissional.

7. Onde encontrar esse tipo de profissional?
No site da ABFRN – Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém Nascidos – nós temos um banco de dados de profissionais cadastrados que pode ser pesquisado pelos pais. Apenas listamos profissionais membros que seguem as nossas normas de conduta.

8. Como e por que surgiu a ideia da ABFRN? Qual o papel e a importância dela?
No Facebook há grupos bem legais de profissionais que conversam muito sobre o assunto. Em 2012, um desses grupos começou a discussão da necessidade de uma Associação que zelasse pela segurança dos pequenos, pois tivemos um boom de profissionais atuando na área, mas sem muita preparação ou conhecimento para executar esse tipo de fotografia. Assim, a ABFRN foi criada para fazer o elo entre pais e profissionais. Nós avaliamos os nossos membros, e eles se comprometem a exercer a fotografia de bebês recém-nascidos seguindo as nossas boas práticas. No nosso site os pais podem encontrar uma lista desses profissionais. Os profissionais também carregam o nosso selo em seus sites, assim os pais podem ter uma maior segurança ao contratar o profissional.

9. Há iniciativas similares em outros países?
Sim, seguimos o modelo da NAPCP – National Association of Professional Child Photographers.

10. O que ela costuma regulamentar? Que regras tem que ser seguidas para fazer parte dela?
A fotografia não é uma profissão regulamentada no Brasil, por isso não podemos exigir cursos para que nossos membros façam parte, mas sempre sugerimos que façam workshops com fotógrafos competentes da área.
Nós também avaliamos a conduta dos fotógrafos no momento de fotografar. Por exemplo: higiene, materiais utilizados nas fotos (não admitimos o uso de materiais frágeis como vidro, louça e materiais semelhantes), segurança (não admitimos colocar os bebês em lugares altos, sem proteção, e quando os bebês são colocados nesse tipo de posição é necessário foto de making of que comprove a presença de uma pessoa segurando e amparando o bebê), entre outros. É importante ressaltar que muitas das poses realizadas são resultados de montagem, entretanto, alguns profissionais mal instruídos tentam realizá-las sem a montagem, o que coloca em risco a segurança do bebê. Nossos membros se comprometem a não realizar essas poses sem que a montagem seja feita.

11. E para os pais que querem fazer fotos de RN em casa, que dicas você dá?

Não estar sozinho na hora de fotografar. Sempre ter uma segunda pessoa para ajudar a zelar pela segurança do bebê.
Não fazer poses difíceis que exijam montagem, como: pose da mão no queixo, pose de frente, bebê pendurado, etc.
Nunca colocar o bebê em superfícies altas, como mesas, cômodas, etc., a não ser que tenha uma pessoa segurando o bebê o tempo todo.
Nunca colocar o bebê em recipientes frágeis ou instáveis.
Um bom local para fazer fotos do bebê é em cima da cama, no meio dela e no berço.
Utilizar a luz natural de uma janela.

 




2 Comentários

  1. Menina,
    quanta informação boa e eu nem sabia que existia essa uma associação.

    bjs

  2. Carla Durante disse:

    Muito bacana esse artigo! Informações bastante importantes e úteis para as mamães! :) Parabéns Cinara, pelo seu lindo trabalho e por esclarecer à todos as preocupações necessárias com a segurança do bebê! ♥

Deixe seu comentário