Refluxo oculto – entenda o problema

refluxoNunca falei sobre um assunto bem importante que transformou a minha vida e a do Léo num verdadeiro inferno por vários e vários meses: refluxo oculto. Pois é, o Léo teve refluxo oculto, reflexo da APLV que ele tinha, e isso causou um sofrimento enorme para nós dois.

Vou contar rapidinho a nossa história e depois explico direitinho o que é esse tal de refluxo oculto.

Quando o Léo tinha uns 15 dias de vida, mais ou menos, ele começou a chorar durante as mamadas. Ele começava a mamar bonitinho e aí, num determinando momento, largava o peito, jogava o corpinho para trás e começava a gritar.

Quando narrei isso para a pediatra, ela disse que era cólica. Que era normal, era assim mesmo e que com três meses de vida, mais ou menos, passaria.

Mas aí, a situação foi se tornando insustentável. Quanto mais o tempo passava, mais o Léo berrava quando eu o amamentava e menos mamava. Exatamente. Chegou um ponto que ele se negava a mamar. Ele mamava alguns poucos minutos e aí parava. Chorava, chorava, chorava e não aceitava mais peito ou mamadeira. Para eu fazer ele se alimentar, era uma verdadeira maratona. Começava dando o peito, quando ele não queria mais dava mamadeira. Quando ele largava a mamadeira eu esperava um pouco e tentava em outro lugar ou outra posição e isso fazia com que eu levasse, mais ou menos, uma hora e meia para dar de mamar para o Léo.

Gente, punk! Muito punk! Não gosto nem de lembrar. A minha vida, durante três meses, foi basicamente tentar fazer o Léo mamar abaixo de gritos e berros.

Mas quando ele estava com quase três meses, numa consulta de rotina, depois de eu muito insistir que não era só cólica, a pediatra resolveu ceder e conversamos seriamente sobre o que se passava com ele. Quando acabei de narrar tudo ela disse que ele tinha refluxo oculto e que por isso ele chorava tanto para mamar. Logo depois, no exame clínico (tirando a roupa e vendo uma manchinhas vermelhas pelo corpo) ela confirmou também a APLV. Ou seja, no caso do meu pequeno, esse tal de refluxo oculto era um sintoma da APLV dele.

Mas o que é, afinal, refluxo oculto, esse nome que anda tão na moda nos consultórios pediátricos ultimamente?

Para entender direitinho, resolvi trazer algumas informações a respeito do assunto. Vamos lá….

Qual a diferença entre refluxo fisiológico, refluxo oculto e Doença do Refluxo Gastro-esofágico?

Bom, o refluxo fisiológico em si não é uma doença. Ele é uma condição normal de 50% (ou mais) dos bebês recém nascidos e significa, simplesmente, regurgitar aquilo que é ingerido. No caso, leite.  Isso acontece porque o seu aparelho gástrico, assim que nascem, não está 100% formado. Ou seja, o sfincter, que é uma válvula que existe entre o estômago e o esôfago está ainda em formação e aí não consegue se fechar completamente assim que o líquido passa por ele a fim de impedir que volte (o líquido passa e acaba voltando porque a válvula não “fecha” direito. Em suma é isso.).

Assim, o refluxo fisiológico, não pode ser considerado um problema ou doença, mas uma situação comum a bebês recém nascidos e que tende a durar até eles completarem seis meses ou, em alguns casos, um ano de vida.

Por outro lado, existe a Doença do Refluxo Gastro-esofágico, que é quando o refluxo fisiológico torna-se patológico. Ou seja quando o refluxo acontece em grande quantidade e muito frequente e, assim, acaba causando dor e desconforto ao bebê. Essa dor e desconforto costumam aparecer porque junto com o leite volta também suco gástrico (quando o leite volta, passando pelo sfincter que não fechou direito, ele carrega junto suco gástrico, que é ácido e causa dor, queimação e, em alguns casos esofagite, que é a inflamação/irritaçãoo do esôfago).

E essa Doença do Refluxo Gastroesofágico pode existir tanto nos casos de refluxo “tradicional (aquele em que o líquido é regurgitado) quanto em casos de refluxo oculto. Ou seja, o que leva um refluxo a ser considerado doença é o mal estar, a dor e o sofrimento que causa. Se a criança simplesmente regurgita e não demonstra nenhum desconforto, está tudo bem (tem até uma expressão para isso: Golfador feliz. Ó que lindo!).

Bom e, por fim, há o refluxo oculto. Que é quando o líquido ingerido e o suco gástrico voltam mas não chegam a sair, não chegam a ser regurgitados. E esse é um grande vilão porque sem sair os pais acabam levando mais tempo para identificar o problema e a criança sofrendo mais.

Além disso, ele é bastante agressivo porque o suco gástrico que volta com o leite acaba queimando na subida e na descida. O que difere do refluxo “que sai” (o que não é oculto), já que este queima só na subida do líquido (depois ele sai e não volta queimando o canal).

Como distinguir um refluxo fisiológico da Doença do Refluxo Gastro-esofágico?

No refluxo patológico (Doença do Refluxo Gastro-esofágico) o bebê regurgita em grande quantidade e muito frequentemente. Além disso, muita vezes, não ganha peso e chora durante ou após as mamadas, curvando o corpo para trás (quase sempre). No caso do refluxo oculto, não existe a volta do leite, assim, um dos principais sintomas é o choro excessivo ao mamar (e o corpinho sendo jogado para trás).

Que outros sintomas podem indicar que o bebê tem refluxo oculto?

Como acabei de citar, o principal sintoma é o choro excessivo durante ou logo após as mamadas. Mas outros sintomas também podem aparecer e você deve ficar alerta: chiados no peito, otitites e sinusites frequente, tosse, irritabilidade e crises de apnéia.

Existe algum exame que confirma o refluxo oculto?

Sim, há dois exames que podem ser feitos para confirmar a existência de refluxo oculto. Um deles é o EED – Esôfago Estômago Duodenograma e o outro é a Endoscopia. Mas, normalmente, o diagnóstico é dado através de exame clínico, ou seja, através dos sintomas que são narrados para o pediatra, pois esses exames podem ser um pouco invasivos para o bebê (o primeiro porque o bebê deve ingerir um líquido específico  para fazer o exame – Bário –  e o segundo porque é introduzida uma câmera no aparelho digestivo dele).

E o que fazer para evitar ou amenizar o refluxo?

Seja oculto ou não, seja refluxo fisiológico ou patológico, para evitá-lo ou amenizar a sua incidência há alguns cuidados simples que podem ser tomados. Um deles é ficar com o bebê em posição ereta por, no mínimo, 15 a 20 minutos após as mamadas. Outro cuidado é usar travesseiros anti-refluxos em superfícies que o bebê costuma ficar deitado, como berço e trocador. Mais uma dica é, sempre que possível, em qualquer lugar que o bebê for colocado,  tentar deixa-lo com o tronco um pouco elevado (30 graus ou mais). Por fim, o que pode ajudar é fracionar a quantidade de líquido oferecida. Com o estômago menos cheio o líquido tende a voltar menos.

Travesseiro-Anti-Refluxo

Travesseiro Anti Refluxo

Existe medicação para o refluxo?

Sim, existe medicação. Mas ela só pode ser indicada pelo pediatra porque, como todo medicamento, pode ter efeitos colaterais.

E o refluxo oculto tem cura?

A grande maioria das crianças que apresentam refluxo, oculto ou não, tendem a ter uma melhora significativa do problema entre seis e 12 meses de idade (por conta do amadurecimento do sistema gástrico e também da ingestão de alimentos mais sólidos).

Leia mais:

Regurgitação ou Refluxo – Pediatria em Foco 

92 comentários

  1. Vivian

    Graças ao seu blog, em um dos relatos sobre aplv, consegui detectar o que havia de errado com minha filha (pq eu sabia que tinha algo errado, apesar de já ter rodado em pediatras que diziam ser comportamental). No dia seguinte fui na pediatra contando tds os sintomas e ela entrou com o tratamento pra refluxo oculto. 15 dias depois eu tinha outro bebê em casa. Obrigada

    1. welisson

      Estou com o mesmo problema com minha bebê.Ela já tem 9 meses e até hoje não dorme direito.Queria saber qual foi a medicação q vc deu pra sua bb?

    2. Elis

      Vivian qual o tratamento que a pediatra te passou, vc se lembra?????

  2. Vanessa

    Shirley, esse post de hoje caiu como uma luva pra mim…. Meu bebê (hoje com 9 meses) também tem refluxo. Descobri quando ele tinha 1 mês e meio…, embora ele não se negasse a mamar, ele chorava muitoooo e enlouquecidamente após mamar, nossas noites eram intermináveis acompanhadas de longos e profundos choros… o pediatra falava que era colo que ele queria, mas nada dava jeito de acalmá-lo. Com o passar dos dias, ele começou a regurgitar a longa distância, e o choro perdurava… (eu NUNCA tinha ouvido falar em refluxo em bebês, total perdida, rs…). Não aguentando mais a situação, procurei então outro pediatra, que assim que narrei nossos dias diagnosticou como refluxo (isso pelo telefone). Na consulta clínica, encaminhou meu bebê para fazer o EED, que reafirmou o diagnóstico dado por ele…. refluxo. Com isso, iniciamos o tratamento com a medicação adequada, e dois dias depois de confirmado o diagnóstico e iniciarmos com a medicação, na madrugada, meu bebê (de até então 1 mês e meio) regurgitou e ficou engasgado com o leite (ele estava no colchão anti-refluxo)… resumo: em decorrência do engasgo, a saturação dele ficou muito baixa e ele ficou na UTI (foram dias de pesadelo, choros incontroláveis agora da mãe). O pediatra então me aconselhou a não amamentar mais, pois o leite materno é muito leve, e introduziu o leite anti refluxo. Felizmente, meu bebê não nega comida, rs… (ele é super gordinho apesar de ter refluxo) e se adaptou ao novo cardápio rapidamente. Depois da UTI. ficamos mais 1 semana internados, pois ele continuava, mesmo medicado, engasgando e tendo dificuldades para respirar (o refluxo dele era forte e agressivo)…. Passamos por vários sustos nesses engasgos, os alimentos sólidos foram minimizando os engasgos…. Essa semana ele completou 9 meses, mas, ontem a noite ele estava brincando, e engasgou… foi notório que o alimentou voltou (vale ressaltar que ele havia jantado na escola as 17:30h e já passava das 21:00h), ele ficou alguns segundos engasgados, corpinho mole, e eu no desespero total… ele sozinho com esforço, conseguiu desengasgar…. conclusão: passei a noite acordada olhando pra ele, guardando seu sono tranquilo. Espero que isso passe, porque é um verdadeiro pesadelo, fico com o coração na mão, com sentimento de impotência que acaba comigo… tem horas que minha vontade é colocá-lo dentro da minha barriga de novo, para deixá-lo protegido de tudo isso…. bjão

  3. Luciana Duque

    Olá, Shirley! Excelente o seu post sobre esse tema. Gostaria de ratificar para as mamães a importância de seguirmos a nossa intuição. Eu e a minha Ana Júlia sofremos muito por 2 meses até a pediatra recomendar o tratamento contra o refluxo oculto. Eu sempre soube que tinha alguma coisa errada, mas a pediatra sempre dizia que era tudo normal e passaria aos três meses. Pesquisei tanto que consegui identificar que o que ela poderia ter era o refluxo oculto. No final, acabei convencendo a pediatra do diagnóstico e depois de um mês de tratamento, a Juju já era outra bebê, muito mais risonha, dorminhoca e feliz. Nossa vida mudou. Aprendi que sofrimento demais não pode ser normal e a gente tem que lutar até o fim para o bem estar do nosso bebê e da nossa família. :)

    1. Jhessica

      Qual foi o tratamento que vcs usaram? por favor!!!!!!!!!!!!1

  4. Lívia

    Adorei o texto!!! Tenho quase certeza que minha filha tem refluxo oculto.

  5. Fernanda

    Minha filha de 4 anos tem refluxo, começou com a primeira mamadeira, no peito ela estava bem, na mamadeira, vomitava. Desse dia em diante começou a nossa luta para conseguir cuidar dela e fazer ela melhorar.
    Chegou a fazer tratamento com um medicamento muito forte, caríssimo, que deixa ela com muita diarreia nos primeiros dias, mas aparentemente resolveu o problema, com 1 ano e 11 meses começou tudo de novo, isso eu tomando o maior cuidado com a alimentação dela, mesmo com opiniões ridículas a respeito, mas me mantive firme no tratamento, sabia o quanto minha filha sofria. Notávamos que alguns alimentos eram pior, leite o pior de todos, mas seus derivados não tinham problemas.
    Mudamos para o México em janeiro do ano passado e aqui encontramos por um acaso, ou minhas orações me ajudaram, um leite que não tem nada de lactose e uma fibra que auxilia na digestão e desde então ela só toma esse leite e estamos com o problema controlado, claro que tomando os cuidados de sempre, não sair com o estômago cheio, leite depois das seis da tarde nem pensar, entre outros cuidados. Mas assim estamos mais tranquilos com ela, pois não tem pior coisa do que ver aquele ser tão pequeno chorar de dor na garganta de tanto estar vomitando e o suco gástrico queimando sua garganta. Mas um problema que ela sofria era as espinhas que saiam em grande quantidade devido a má digestão, faziam ela chorar e mal conseguir dormir. Pai e mãe tb sem dormir claro.
    Enfim, fazemos tudo que podemos pelos nossos pequenos e sei que ela me agradece sempre de estar melhor!
    Adorei as explicações, simples e completas ao mesmo tempo.
    Bjs.

    1. Priscila

      Boa noite Fernanda!! Vi sua postagem e gostaria de conversar com você, minha bebe tem 7 meses e também sofre com refluxo. Me passa seu email por favor. Obrigada

    2. Tatiana

      Fernanda me passa seu e-mail para tirar umas dúvidas! Meu emailmé taty_macedo@hotmail.com
      Aguardo ansiosa seu contato

  6. Lina

    Shirley, no caso de refluxo oculto os sintomas podem nao aparecer sempre? Meu bebe parecer ter, mas ele nao apresenta os sintomas em todas as mamadas. Obrigada.

    1. Shirley Hilgert

      Lina, acho que sim. Mas só o pediatra pode confirmar. bjs

  7. Paola

    Oi Shirlei! Nossa muito importante voce tocar nesse assunto, adorei.
    Meu filho tem 3 meses e meio e com 40 dias diagnosticamos refluxo nele. Ele so mama leite materno exclusivamente e em livre demanda, quando descobrimos ele andava regurgitando parecendo um chafariz, além de mamar e jogar o corpo para trás chorando e empurrando o peito. Apesar disso sempre ganhou peso muito bem e nunca deixou de mamar. A pediatra receitou o Motilium 2x ao dia, de imediato controlou o problema, porem, apos uns 20 dias de uso, além de eu notar a enorme irritabilidade que o remédio causava ele tbm estava causando muito mais colica! Fora que como a dose era quase 1ml (na seringa tem marcação por peso tipo o tylenol bebe), ou seja, um volume razoável de remédio, ele passou a nao aceitar mais, e, quando aceitava (engolia) apos alguns minutos colocava pra fora!
    Então trocamos o Motilium pelo Digesan gotas. Trata-se de um remédio muito forte (ambos são fortes e com efeitos colaterais perigosos!!) e desse então o Digesan tem funcionado perfeitamente.
    Com medo desses efeitos colaterais e cansada de medicar meu bebe tao pequenino, procurei uma pediatra homeopata (muito bem recomendada) ha 10 dias. Ela prescreveu homeopatia concomitante com o “desmame” do Digesan. Foi so chegar na fase de reduzir o Digesan para 1x ao dia para o “chafariz” voltar…. Isso aconteceu hoje cedinho, um pesadelo, ver ele engasgando e com carinha de sofrimento por causa da acidez!
    Ufa que triste.
    E ainda minha mae me julga dizendo que eu que invento que meu filho tem refluxo…. Pode??!!
    Bom, a homeopata então mandou eu continuar com a homeopatia e postergar i Digesan 2x ao dia por mais uma semana…
    Um verdadeiro dilema, com remédio o refluxo fica 100% controlado, e sem o remédio que é tao forte e pode ser prejudicial, o refluxo reaparece podendo causar sérios danos. Vamos ver se com a homeopatia consigo controlar igual ao remédio.
    Bjs

    1. Thaise Hobold

      Já tentasse tratamento com Label e com Fágico? Eles são mais fracos do que o Motilium. Para a mina filha e parea o meu sobrinho fizeram efeito. O Motilium pro meu sobrinho só deixou ele irritado, qdo trocaram pro Fágico anenizou e muito o refluxo. Ele está com 4 meses. Converse com o seu pediatra e veja se não é o caso.
      É só uma sugestão! Boa sorte!

  8. Liza

    Meu filho tbm teve refluxo oculto e o pediatra dizia que era só cólica, mas mesmo sendo mãe de primeira viagem e totalmente inexperiente com bebes, eu sabia que tinha alguma coisa de errado com ele. Pesquisei muito na net e vi que ele tinha os sintomas, chiado no peito, chorava demais para mamar, torcia o corpo para trás, era muito irritado. As vezes perdia o ar por alguns segundos, mas logo voltava sozinho. Com cinco dias de vida tive que dar complemento porque ele estava perdendo muito peso, eu tinha bastante leite, aparentemente ele pegava o peito certinho, mas dormia rápido no peito e talvez isso colaborou pra ele não engordar. Depois acabou acostumando com a mamadeira e não queria peito mais. Amamentei somente até os dois meses porque meu leite foi diminuindo cada vez mais ele queria peito cada vez menos. Pra piorar ele tinha muuuitos gases, era o dia todo soltando pum, ele não tirava cochilos de mais de 20 minutos e já acordava levantando as perninhas e se contorcendo, e até descobrir o refluxo ele dormia em colchão plano o que piorava a situação do refluxo. Resultado: era o dia todo no colo e ainda assim choramingando e eu chorava junto de desespero, canseira e as vezes até fome rsrs, pq não tinha ninguém pra me ajudar (tinha mudado para outra cidade pouco antes de engravidar). Com mta insistência o pediatra deu o diagnostico de refluxo oculto e receitou Label e domperidona, além do Luftal que já tomava para os gases. Ele fiz uso até aos cinco meses. Com 15 dias tomando comecei a ver uma leve melhora, mas somente depois de um mês que melhorou significativamente. Hoje ele está com um ano, mas as vezes ainda vejo ele ter um arrotinho que volta na garganta, mas não vomita. Foi um sufoco o que passei e só não durou mais pq meu instinto materno dizia que tinha algo errado apesar do pediatra discordar. Mas graças a Deus tudo passou e hoje ele é muito sapeca e saudável, nunca teve nenhuma doencinha comum em bebes, nem resfriado.

    1. Myllena

      Oi juliana, vir seu comentário e neu filho tem os mesmos sintomas, estou desesperada, ja pesquisei tanto e agora finalmente acho q descobrir a causa de tanta sofrimento do meu bebê, me manda seu número, quero mt falar com você, que já passou por isso !

  9. LISI MATOS

    Oi Shirlei! Meu bebe de 3meses ( quase 4 faz dia 19/02 ) foi diagnosticado com APLV com 2 meses, qndo ele nasceu meu leite demorou 5 dias pra descer e no hospital mesmo deram formula pra ele, qndo vim pra casa continuei dando por indicação da pediatra que deu alta pra ele pois ainda não tinha leite.
    No inicio tudo bem, mas com o passar dos dias o Arthur mamava e logo depois chorava muito, um choro de desespero que me cortava o coração, então liguei pra pediatra dele e contei o que estava acontecendo e que suspeitava de refluxo, ela confirmou e disse que era normal pra eu ficar tranquila e dar Label pra ele.
    Comecei então a dar o remédio e nada de mudanças, tudo continuava igual pra meu desespero!!!!
    Resolvi levar ele no consultório e pedir mais explicações sobre o assunto, ela então me receitou domperidona que acabou por dar uma cólica horrível e muita agitação no meu Arthur… Affff eu já não sabia mais o que fazer!!!!
    Então uma amiga que também estava com os mesmos problemas com seu bebe, me indicou uma gastro pediatra muito famosa e cara também aqui em Porto Alegre onde moro Dra Cristina Traga, foi então que descobrimos a tal APLV, eu contei a ela tudo que acontecia com o Arthur e ela me deu 90% de chance de ser esta maldita APLV e me deu duas latas de Neocate pra eu dar só isso pra ele e voltar no fim da semana se ele estivesse aceitando bem o leite era certo a tal alergia!
    Quando fui a primeira vez ao consultório numa terça-feira ele pesava 4400 e qndo voltei na sexta ele estava com 4565 foi ai que ela confirmou a APLV, só que o Arthur nunca teve diarréia, nem sangue nas fezes, só ficou constipado 5 dias sem fazer coco.
    Depois disto ele mamou bem por um tempo só que o Label não fazia o efeito desejado, então pesquisei na internet e em um blog que não vou me lembrar o nome, uma mãe falava do tal refluxo oculto e do Losec Mups então la fui eu procurar a gastro novamente, pois o Arthur não queria mais mamar de jeito nenhum era uma briga pra mamar pra meu desespero, ai ela receitou o Losec e pediu o exame pra ver o tal refluxo REED o tal exame, mas a mãe aqui andava com a cabeça tão louca que qndo fui fazer o exame esqueci de levar o registro de nascimento e o hospital se recusou a fazer o tal exame… Bem comecei a dar o Losec Mups e a leva-lo numa fono que trata de problemas alimentares, então ele começou a mamar um pouco melhor e ganhar peso, mas agora com quase 4 meses esta novamente se recusando a mamar e esta ganhando pouco peso em 9 dias ganhou apenas 50 gramas hoje ele pesa 5350 eu sai preocupadíssima do consultório hoje pois a pediatra que esta tratando ele agora falou até em internação pra ele ganhar peso, imagina minha aflição!!!!!!!!!!!!!
    ,Mas lendo o teu post sobre o Leo, acho que o problema do Arthur não querer mamar e qndo mama é só 60ml as vezes 120, é o refluxo acho que só o losec não esta adiantando, mas apesar do pouco peso ele esta se desenvolvendo bem tem 62 cm e é bem ativo, já faz suas conversas enroladas e é bem esperto, amanha vou fazer os exames que a pediatra pediu e segunda tenho consulta com a gastro, estou ansiosa e preocupada.
    Ele se recusa a mamar, não consigo estabelecer uma rotina com ele, as vezes tem um sono agitado e qndo consigo fazer ele mamar logo depois da mamada ele chora um pouco e esses dias mamaou dois goles e começou a chorar muito, de repente vomitou e parou de chorar!!! Por isso acho que é o tal refluxo que esta incomodando ele!!!
    Gostaria de te perguntar como vc faz pra dar o losec mups pro teu filho, eu deixo o comprimidinho desmanchando em um potinho, será que estou fazendo certo?????
    Deixo dissolver bem por uma hora ai fica umas bolinhas roxas!!!!!
    Como vc faz ou fazia??
    Espero que possa me ajudar!!!! bjsss obrigada
    Lisiane, mãe do Arthur de Porto Alegre ;)

    1. Shirley Hilgert

      Lisiane, tudo bem? Eu desmanchava com um pouco de água e dava de seringa. Colocava no fundo da boca, no cantinho, e ia dando aos poucos. A melhora demora mesmo para aparecer, mas um dia chega. Se o tratamento estiver certo, pode ter certeza que as coisas melhoram. Confie no pediatra. Beijos e boa sorte!

      1. Rachel

        Ola Shirley estou desesperada com meu bebe ele tem quase seis meses e desde os tres meses só consigo faze lo mamar durmindo nao aguento mais ele ganha pouco peso porque mama pouco!
        Estou dando losec a 15 dias e nada de melhorarem as coisas ele tbm dorme muito muito mal mas nao é chorão!
        Ja dei label domperidona nada melhorou
        Demora pra fazer efeito o losec?

        Beijos

        1. Shirley Hilgert

          Rachel, faz tempo que o Leo tomou essa medicação. Infelizmente, eu não lembro mais dos detalhes. bjs

          1. Tatiana

            Shirley, boa tarde meu nome é Tatiana minha filha tem 3 anos e vem de uns tres meses pra cá com uma dor de ouvido constante e teve pneumonia recentemente tbm isso pode estar relacionado com o refluxo aculto ja que fiz varios tratamentos e exames pro ouvido e não tem nada tipo (bacterias ou algo pra dizer q ela tem esses problemas constantes com o ouvido) só q ela tbm tem chiado no peito e devido a dor de ouvido tem febre…

  10. Carla Patrícia

    Meu filho de 4 meses toma label 2xdia e motilium 3xdia. Melhorou bastante. Ele não tem cólicas, como citado em comentário anterior. O diagnóstico foi feito através dos sinais clínicos e ecografia de pesquisa de refluxo gastroesofagico, que não é um exame invasivo. Bjo

  11. Tatiana

    Nossa !!! Voltei no tempo… Está fazendo 11 anos que perdi uma sobrinha com 40 dias de vida que broncoaspirou. Não sabíamos, mas ela tinha refluxo e acabou broncoaspirando o leite, não resistiu e morreu.
    Meu filho de 6 anos só se livrou do refluxo aos 5 anos. Minha pequena de dois anos e meio ainda sofre… Não há fórmula mágica, só os cuidados muito bem explicados aqui.
    Nunca deixem a criança completamente deitada, a zero graus. Mesmo que o Refluxo seja fisiológico, manter os pequenos a 45 graus pode impedir que vire patológico.
    Só uma diferença do que vc falou, eu prefiro o colchão de refluxo. Daqueles que podem “desmontar” em dois pedaços e assim ele vai comigo aonde eu for.
    Cuidado mamães, pois uma coisa tão simples pode virar um problemao!
    Bjs Shi.
    Tati

    1. Shirley Hilgert

      Tati, tudo bem?
      Acredita que eu quase ia abusar da sua vontade e mandar esse post para você revisar antes de eu publicar. Sabe como é, não sou médica e aí morro de medo de falar alguma bobagem (sempre pesquiso muito antes de escrever, mas o medo persiste).
      Que bom que, pelo visto, dei as indicações certas. E obrigada pela dica do colchão. Muito válida.

      bjs

  12. Ana

    Da mesma forma que ler e se informar pode ajudar, pode também sem prejudicial, pois ficamos sugestionados com sinais e sintomas que muitas vezes nossos filhos não tem, mas no desespero de encaixa-los num diagnostico narramos pro pediatra um quadro talvez um pouco diverso do real. Cuidado com essas leituras no Google e afins. A melhor maneira de ajudar seu pediatra é manter uma boa observação do seu bebê, manter consultas frequentes no mesmo pediatra de confiança, pois ficar mudando de medico à procura de um diagnostico pode parecer bom, mas na maioria das vezes é preciso um tempo de observação e uma história clinica bem feita pra se chegar ao diagnostico, sobretudo na pediatria, que é uma arte.

    1. Shirley Hilgert

      Ana Lúcia, você acaba de falar algo muito lúcido e muito importante. Não adianta acharmos que o Google é o nosso pediatra e tentarmos nós mesmas fazer o diagnóstico dos nossos filhos. O que precisamos é um pediatra bom, de confiança, o qual nos ajudará a confirmar ou refutar qualquer suposição. Confiança nessa relação é a chave de tudo. Obrigada pela colocação. EXCELENTE! Abraços.

  13. Carol

    Meu filho tbém tem refluxo e alergia ao leite de vaca, estou em dieta total pra amamentar sem causar sofrimento ao meu bebê, cortei o leite e derivados da minha alimentação por causa da alergia, e comidas ácidas por causa do refluxo, além de medicação. Ele tem regurgitado menos mas ainda se contorce no peito as vezes. O médico me alertou que muitas mães não seguem a dieta corretamente, ja que é muito restritiva, e ai os bebês não melhoram mesmo só com os remédios. É um baita sacrifício mas a saude do meu filho vem em primeiro lugar

  14. Livia

    Meu filho tambem tem refluco. Aos dois meses e meio de vida, comecamos com o Neocate e o pediatra suspeita que ele tenha APLV. Hoje meu pequeno Willie esta com 6 meses, super saudavel e chegou a hora de comecar o teste de provocacao. Com o acompanhamento da gastro, comecaremos amanha a introduzir o Leite Aptamil junto do Neocate (de comeco) para ver a reacao dele. Confesso que estou angustiada, nervosa e co medo; pois meu bebe sofreu muito com refluxo e eu sempre muito apreensiva com as reacoes nada agradaveis do refluxo.
    Digo ja para as mamaes dar muita atencao a quantidade de leite que os bebes vomitam, e comecar a cuidar do reflexo da maneira correta. Pode ser um pequeno detalhe na alimentacao de alguns bebes, mas para outros pode ser muito serio e bem doloroso.

  15. Flavia

    Meu filho tem 15 dias e faz algo muito parecido com o relatado acima: não quer mamar no meu peito chorando muito e fica voltando o corpo para trás, porém com a mamadeira, ele fica calmo e mama tudo. No caso do refluxo oculto, o bebe volta o corpinho para trás e chora também com a mamadeira?

    1. Shirley Hilgert

      Flávia, o Léo mamava melhor com a mamadeira. Mas depois até com ela começou a apresentar dificuldades para mamar. bjs

  16. Rafaela

    Olá shirley, me identifiquei com seu post!
    Minha filha com uns 20 dias de nascida começou a ficar muito irritada, chorava muuuuito.. Colocava ela pra mamar e ela soltava o peito chorando, e fica nesse pega e solta no peito e chorando horrores.. O pediatra disse que poderia ser refluxo oculto.. Então, ele passou peridal e label, nos primeiros dias foi ótimo, ela ficou mais calma e dormiu super bem.. Só que depois ela vou ficando pior do que já estava, chorava tanto mais tanto que entrei em dessespero e liguei para o pediatra e ele pediu para tirar o label e mandar manipular omeprazol xarope, começar a dar só o peridal enquanto o omeprazol não ficava pronto, ela continuou do mesmo jeito, decidi tirar por conta própria o peridal também e comecei a dar só o omeprazol, aos poucos deu uma melhoradinha, mas bem pouco mesmo, ela continuou irritada mamando, mas não chorava tanto como antes.. Mudei de pediatra e ela pediu para dar junto com o omeprazol o fagico, mas não vejo melhora em nada.. É uma luta todo dia pra mamar, ela chora desesperadamente.. Comprei o travesseiro anti refluxo pra ela também, mas não vejo nada resolvendo.. Fico desesperada, já não sei mais o que fazer… E gostaria de saber como era essas manchinhas no corpo… Pois minha filha tem umas manchinjas também. Bjs

  17. Geisa

    Lendo esse post, quero compartilhar com vocês que no momento me encontro na mesma situação, hoje meu Arthur está com 40 dias e na segunda semana de vida comecei a notar uma mudança no comportamento onde todas as vezes que terminava de mamar regugitava e chorava muito eu achava que era fome e naquela pressão toda depois do parto todos diziam que não tinha leite e que o choro era fome e também os gases, pois no décimo segundo dia de vida introduzi a fórmula e ele mamou desesperado então concluí é fome !! Mas no segundo dia ele começou a engasgar, apareceu um chiado no peito, pigarro,nariz entupido, e ficava sem respirar (apneia) que pra mim era um desespero, ocasião em que fui parar na urgência pediátrica onde o medico mandou suspender a fórmula e receitou digesan, dois dias depois percebi uma pequena melhora. Não conformada levei a uma outra pediatra onde fiquei frustrada ela falou que era manha e ele queria colo e tinha acostumado ele no peito saí do consultório muito brava. Pois minha cunhada me indicou um gastropediatra que cuidou do filho dela pois ele me explicou tudo falou que meu filho tem refluxo mas com medidas posturais da para amenizar além de que diagnosticou de aplv que me deixou mais triste como ele alimentado exclusivamente no peito estou mudando minha alimentação excluíndo tudo que contenha leite e derivados que pra mim ta sendo difícil pois praticamente tudo que como contêm leite, ainda não percebi melhoras mas espero que com passar dos dias os sintomas acabem

  18. Sara Castilho

    Adorei a forma como você fez seu relato. Pode ajudar muitas pessoas a identificar o refluxo. No caso do meu bebê, minha prima identificou pesquisando na internet relatos de outras mães e me alertou: “Seu filho não tem cólica. Isso é refluxo!” E leu os sintomas do refluxo oculto para mim (Eu estava tão exausta e tensa que nem entrava na internet!) Liguei para o pediatra imediatamente, que confirmou que a suspeita poderia estar certa. Além de tomar os cuidados que você indicou, tem duas semanas que, seguindo a orientação do pediatra, estou controlando as mamadas, ele precisa esperar duas horas para mamar, para que o estômago não esteja cheio quando for mamar e assim encha mais ainda! Parece horrível, mas foi a partir dessa mudança que ele começou a melhorar, está outra criança. Me senti péssima em regular as mamadas, mas decidi tentar, porque notei que ele tentava mamar a cada hora ou a cada meia hora, mas em geral não conseguia e gritava com dor, então eu tinha que esperar e só depois de um tempo ele conseguia. Acabava dando as duas horas, mas era muito mais sofrido!
    Além disso, reduzi a quantidade de leite. Fiquei uma semana sem consumir leite ou nada que contivesse leite. Agora estou consumindo derivados e coisas que contém leite. Estou me preparando para testar o consumo de leite, iogurtes e etc… Estou com muito medo! Mas não queria fazer o exame de sangue para verificar alergia… Você sabe se o fato de ele estar tolerando bem que eu consuma derivados do leite e alimentos que contém leite já indica que ele não tem alergia ou intolerância ao leite de vaca? Nossa próxima consulta será só dia 24 e realmente quero evitar o exame de sangue!
    Ele fez um exame para verificar o refluxo que não foi muito invasivo, uma ultrassonografia. As mães que suspeitarem de refluxo ´podem perguntar ao pediatra.

    Obrigada!

    1. Shirley Hilgert

      Sara, não sei informar. Como não sou da área da saúde, não tenho conhecimento mais profundo sobre o assunto. Você teria que checar com o pediatra essa dúvida. bjs

  19. Islla

    OI Shirley, o meu bebê tem 3 meses e meio desde 1 mês percebi que o meu Gabriel chorava muito que dizer Gritava muito, fui a vários pediatras e todos me diziam que era cólica , mas sempre algo me dizia que tinha alguma coisa errada pois ele gritava tanto até ficar vermelho as vezes até engasgava esse chora durava cerca de 40 minutos chorava até dormi sempre no mesmo horário, quando ele fez 3 meses o choro piorou e os gritos eram todas as vezes na hora de dormi, que dizer ele ficava 10 minutos bonzinho depois era só choro nada que eu fazia ele parava, comecei a perceber que ele ficava cada vez menos no peito e a chiadeira no peito nunca sumia, eu não estava mais aguentando mais estava um pouco depressiva por que não aguentava ver o meu bebê chorando e sofrendo daquele jeito ate que ontem dia 09/06 fui a outra pediatra ela suspeitou do refluxo oculto comei o tratamento com label 2xdia e motilium 3xdia estou no segundo dia , estou muito aflita para ver se vai dar certo e com muito receio das reações , o seu blog me informou bastante,

    1. Daiane

      Olá td bem? Vendo seu comentário, minha bb está passando por momentos parecidos, e os remédios ajudaram?

  20. Thais

    Olá Shirly tem um problema eu tenho 10 anos e sinto isto a 1 ano e 8 meses é verdade que Crianças q tem refluxo quanddo tomam sustu se sentem cm mal estar

    1. Shirley Hilgert

      Thais, como vai? Nunca ouvi falar nada sobre isso. O ideal seria tirar a dúvida com um médico. Abs.

  21. gracy

    o meu bebe estava com esses sintomas mamava e depois começava a chorar desesperadamente …
    levei ao pediatra e ele trocou o leite para o NAM AR , foi otimo agora ele está bem mama muito

  22. Ana Lúcia

    Shirley ! Adoro seu blog, sempre acompanho, mas só hoje vi este post, que para mim, foi muito confortante! Ontem, em uma consulta de rotina ao pediatra, ele me disse que minha bebê de 4 meses pode estar com refluxo oculto, só que nela está afetando a parte respiratória, já evoluindo para uma asma. Fiquei apavorada, pois também tenho asma e sei o quanto é difícil !! Bem… Vou médica-la com a medicação de praxe (motilium + label), e após um mês, caso não melhore, passaremos a tratar APLV, pois seria a segunda hipótese. Mas o teu relato me ajudou demais a entender toda a minha dificuldade em amamenta-la. Infelizmente, só consegui dar o peito por dois meses e meio, pois a cada mamada era uma briga! Ela chorando de um lado deu de outro, me sentindo frustada, acabava dando a mamadeira devagar… Nesta toada, meu leite secou muito rápido ! Nunca passou pela minha cabeça ela ter refluxo ou APLV, e como isso prejudicaria a amamentação ! Bem… Já refeita do meu sentimento de culpa, agora entendo que fiz o possível ! Muito obrigada pelo seu relato! Abraços

  23. Aline

    Estou sofrendo com meu bebê. Em toda mamada ele gorfa. Quer dizer gorfa não pois não é aquele queijinho é bem líquido. Todos falam que é normal. Mas não vejo como normal voltar sempre que se mana. Ele só toma peito. Tem dia que gorfa menos mas a maioria e muita coisa. A pediatra mandou dar o Kabel e o Montillum mas estou indo procurar outras opiniões.
    Ultimamente ele anda bravo pois não anda dormindo nada. Sempre gordando muito.

  24. thaiane

    oi tudo bem Shirley , eu adimiro sua força de vontade sua fé pra seguir em frente com tds esses probleminhas … bom , meu bebe tem 4 meses e sou mae de primeira viajem eu ja nao suporto mas viver aassim , ele se recusa pra mamar , , mas eu vejo que ele esta com fome mas nao consegue mamar e fica chorando ,e ainda se joga p tras , eu fico com o coraçao na mao estou desesperada eu sou uma jovem que só tenho 21 anos , estou muito nervosa e agr apareceu umas manchinhas e algumas bolinhas nele e regurgita muito e eu disse pra pediatra que ele só mama quando estaa muito sonolento quando ele esta acordado ele fica chorando mas n é um choro de dor parece que ele esta se entalando mas agr n sei oque fazer se é a alergia ao leite e por isso pode ter dado refluxo meu mundo esta caindo ………………………

  25. Diana

    Shirley a minha filha tem 3 meses qnd estava com 1 mes e meio teve o refluxo fisiologico tomou remedio e melhorou…. mais agora em quase tds as mamadas ela chora muito se estica se joga para traz e fica td vermelha…. tenho quase certeza q ela tem refluxo oculto…. mais vou ter que proucurar outro pediatra pois o dela nao explica nada e é muito estupido….. obg vc me ajudou muito

    1. Macetes de Mãe

      Olá Diana!
      Estou torcendo para você encontrar um ótimo pediatra. Que bom que o texto te ajudou, fico mto feliz! :)
      Bjss

  26. Fernanda Évora

    Ola.shirley! Meu bebê Miguel tem hj 1 mes e 18 dias ma desde que nasceu apresenta irritabilidade entao desde o início a pediatra suspeitou de aplv pois ele chora va demais como com 15 dias de.vida nao tinha ganhado peso ela pediu para dar complemento com.LA no copinho.Nossa que luta a cada dia…ele gritava para tomar o.leite no copinho horrivel.Até que achei q ele nao estava com.uma boa pega no peito tentei ate usar uma sonda..enfim insisti muito para meu bebe mamar no peito mas por pouco nao desisti..foram momentos horriveis vê-lo gritar de ficar roxo..Enfim, com.quase um.mes ja tinha ganhado peso bem..aos poucos fui tirando o complemento e ficou so no peito ,com 1 mes comecou a mamar so.um.pouco no.peito e parava de mamar gritando mexendo o corpo para trás (desde15 dias de vida que nao dormia bem e sempre se contorcendo.muito) aí comecou o pesadelo a pediatra insitia em aplv mas do sintomas so tinha a irritabilidade experiementei dar LA comum e ele nao piorou…insisti com a pediatra sobre o refluxo e entao passei a dar label. ..depois de uma semama melhorou e voltou a mamar bem mas de uma hora para outra com.uns 10.dias piorou muito e passou a vomitar. ..ou seja alem de gritar de dor vomitava…por 2.dias.vomitou e eu ja por conta propria estou dando losec, hoje e o segundo dia..mas ja.marquei o gastro..ainda nao percebi melhora quanto a dor e os choros intensos pos.mamada e antes de dormir o sono continua pessimo.so dorme no colo por 1h no maximo andando com.ele em.qualquer outro lugar acorda gritando mesmo no colo se contorce muitoooooo…o vomito e em pouca quantidade e nem sempre ocorre o maior problema e a dor e o visível incomodo que sente o dia todo!! Uma pergunta em.quanto tempo percebeu melhora no seu bebe em relação ao sono e aos incomodos?? Um abraço

    1. Shirley Hilgert

      Fernanda, depois que começamos a tratar adequadamente vimos alguma melhora depois de 3 semanas. Mas para ele dormir bem, não demonstrar nenhum incomodo levou meses. Bjs

  27. Michelle

    Olá Shirley!
    Minha bb tem 3meses e tb toma Losec, mas é dificuldade para dar esse remédio, pois os granulos não se disilve todo. Se ponho na seringa percebo que fica um pouco parado no fundo e na colher qdo vou colocar na boca só desce a água os granulos fica parada na colher.Com vc não acontecia isso?

    1. Shirley Hilgert

      Acontecia isso sim. Eu dava desse jeito mesmo (seringa ou colher). bjs

  28. Priscila Leite

    Olá, gostei muito de sua publicação, minha filha tem 4 anos, hoje o refluxo oculto aparece com menos freqüência , mais ainda me deixa preocupada pois ela se engole bastante. No início sofremos muito pois ela com uma mês fez pegametria e tomava 3 tipos de medicamento , label, motilium e lozeque, era triste ter que dissolver um comprimido e dar para um bebê. Hoje ela não toma mais, porem ad vezes quando fica doente penso em dar novamente . ACho que ela terá para sempre esse refluxo isso tem cura VC saberia me dizer?

    1. Shirley Hilgert

      Priscila, algumas crianças ficam curadas do refluxo e outras não. Não saberia informar por que isso acontece. Teria que conversar com um pediatra.

    2. daniele

      Olá priscila gostaria de tirar uma dúvida. Seu filho tomava losec, motilium e label. O horário que ele tomava o label era antes do jantar ou antes de dormir? Obrigada

  29. Paula Falcão

    Um outro SINTOMA importante que pode indicar o refluxo oculto é quando o bebê BABA MUITO (nada relacionado ao nascimento dos dentinhos).
    Eu sei pq é o caso do meu bebê… =(

    PS: parabéns pelo blog! Mto bom!

    Bjos

  30. Ana Paula

    Minha filha acordava aos berros no meio da noite todos os dias até os três anos de idade. Por fim, resolvi tirar o leite de vaca e ver o que acontecia. Ela passou a dormir a noite inteira no mesmo dia!!!!

  31. Dory

    Meu bebê tem 2 meses e tem os mesmos sintomas, mas ele ganha peso e cresce normalmente. com alguém foi assim??

  32. Lailton Almeida

    Excelente, está troca de conhecimento.
    Me ajudou muito.
    Obrigado

  33. Nanda

    Olá mãezinhas, minha filha foi diagnosticada com refluxo oculto, começou o tratamento na quinta feira está tomando ranitidina, dps de qnt tempo vcs sentiram diferença ? Com a minha filha acontece o seguinte, ela chora o dia inteiro, quando ta acordada está chorando, nem brincar com ela eu consigo, ela tem um mês e meio, sabe aquele bebezinho no carrinho olhando as coisas, isso pra ela não existe, acorda, mama, e ai ja começa o choreiro até pegar no sono dnovo e parar de chorar, nem de casa com ela eu saio, pra ir no pediatra é uma coisa todo mundo fica olhando perguntando oq ela tem pq o choro não para e não é um chorinho de nenem, é grito! Na sexta feira eu notei que ela ficou mais quietinha, consegui conversar e brincar um pouco com ela sem que ela chorasse, coloquei no bebê conforto e fiquei brincando oq nunca tinha acontecido pq ela se esguelava de chorar, mas n foi por mt tempo foi coisa pouca mas pelo menos foi, o choro dela continua o dia todo só que não tava tão forte tava um choro mais normal, só teve uma crise de choro gritado e agoniado (isso na sexta). Hoje (sábado) ela ja chorou um monte , gritando, esperniando, mas também brinquei um pouquinho com ela hoje, então algum efeito o remédio está fazendo né?!
    Sou mãe de primeira viagem, nunca tive um bebezinho em casa, e com as pessoas que eu converso que tem bebês na mesma idade nenhum é como a Maria (minha filha), na quinta feira durante todo o dia ela chorou, mas não estava gritando ai fico pensando se ela estava sentindo dor só que menos doq quando ela chora gritando, ou se ela estava chorando por ser um bebê chorão. Algumas pessoas me falam que é normal o bebê chorar sem um motivo, eu smp olho fralda trocada, barriga cheia, nada na roupa incomodando, não ta com frio, não ta com calor e mesmo assim ta chorando fico sem saber oq fazer, n sei se é normal como algumas pessoas dizem, pq até onde eu sei se o bebê está chorando é pq tem algo de errado, claro que as vezes o bebê chora msm estando tudo certo, mas chorar todos os dias, sempre fico pensando que não é normal. Colo não é pq ela só vive no colo, e mesmo no colo chora não consigo acalmar ela. Será que mesmo esse choro que ela teve na quinta feira que não era um choro gritado e também não esperniava, só chorava, será que é pelo refluxo ? Será que com o tratamento esse choro também vai sumir ? To tão cansada, fico até triste queria mostrar os brinquedos pra minha filha, colocar na cadeirinha, estimular ela, queria ver ela acordada sem chorar por um bom tempo mas não vejo nada disso, fico pensando se vai passar :/
    ah, o bebê de vcs só choravam dps da mamada ? Pq assim, ela mama chora ai fico com ela no colo de pé tentando acalmar e ai qnd ela acalma e dorme no colo ela acorda minutos dps e continua chorando, as vezes se acalma e fica um tiquim acordada (no colo cmg cantando falando fazendo xiado) e ai do nada começa a chorar dnovo. E agr que estou começando a brincar com ela é a mesma coisa, ela mama ai eu brinco um pouco com ela e ai ela começa a chorar, ou seja não foi imediatamente após a mamada, levou um certo tempo. Desculpe pelo tamanho do texto, foi meio que um desabafo, estou tão perdida, tão cansada, não faço mais nada, só fico com ela no colo o dia todo, tentando acalmar fazer parar de chorar, e ainda saber que minha pequena está sentindo dor, mds que sofrimento!

  34. jane

    Adorei o texto e li tds os comentários meu bebe não mama mais no peito desde 2 meses so aptamil mas só mama quando está muito sonolento e durante o dia tenho muita dificuldade em fazer ele mamar. Geralmente mama às 5 da manha e depois por volta de 3 à 4 da tarde eu acho muito tempo mas levei a vários pediatras e dizem ser normal e que é da natureza dele mamar pouco. Mas depois de ler os posts vou providenciar pra ontem uma consulta no gastro. Fico pensando se for refluxo mesmo imagino o que tem sofrido Tadinho por isso chora de grito às vezes e agora chora pra tomar água imagino que alivie a queimacão.

  35. aline

    Ola
    Que felicidade foi encontrar esse post!!
    Levei minha filha na pediatra relatei alguns sintomas e ao auscultar percebeu que ela estava chiando, então ao conversarmos ela passou o losec para minha bebe e disse que tudo indica refluxo oculto, mais eu fiquei super na dúvida já que ela é uma BB gordinha e não tem crise de vômito por isso comprei o remédio e ainda não tinha dado então resolvi pesquisar e depois de ler várias coisas achei este post juntamente xom alguns comentarios de outras mamaes que caiu perfeitamente na minha situação estou mais tranquila em dar o remédio e rezo para essa fase passar logo e minha BB ficar super bem.
    Bjus a todos e MTA saúde para os bebês.
    Parabéns pelo blog

    1. Macetes de Mãe

      Olá Aline!
      Que bom saber :) Obrigada pelo carinho!
      Ela logo vai ficar bem, muita saúde para os bebês.
      Bjss

  36. keine

    Olá Shirley, o seu filho tomou o losec mups por quanto tempo?e quantas mg diárias?Minha filha tem 03 anos e tem refluxo oculto, toma 30 mg diarias há 30 dias, melhorou um pouco, as ainda queixa da barriga e o sono é agitado, com apnéias às vezes?

    1. Shirley Hilgert

      Keine, não lembro mais. De qualquer forma, a posologia de qualquer medicamento irá varia conforme o caso da criança. Tem que checar com o pediatra. bjs

  37. Mi

    Curei o refluxo do meu bebê com massagem. Uma pessoa que tem uma técnica que é passada de geração em geração em sua família. Faz massagem com óleo e ervas. Meu bebê tinha refluxo grave. Vomitava tudo que mamava e não dormia bem. Parecia que estava sempre sofrendo. Tadinho. Depois de 4 sessões era outra criança. Nem sinal de vômitos. Deixei até de dar os remédios receitados pelo pediatra. Foi um milagre.

    1. Adriana

      Mi, ensina pra gente essa massagem, por favor!!

    2. Ciliana

      Qual massagem ?

  38. Camila Janolli Lopes Romeiro

    Meu filho foi diagnosticado com refluxo antes dos dois meses. Como no refluxo oculto, ele não vomitava ou regurgitação, mas a cada mamada parecia sufocar em determinado momento. O mesmo acontecia durante o sono. Era bem desesperador. Eu acordava com o barulho de engasgo/sufocamento. No começo utilizei a rampinha que você sugeriu, mas desisti. A inclinação fazia ele escorregar para fora da rampa durante a noite. Eu enrolava lençóis, cobertores e colova no final da rampa para impedir, mas não funcionava muito bem. Foi quando eu descobri a Sogni D’oro, que fabrica um colchão próprio para crianças com refluxo. Segundo o site, o colchão foi desenvolvido por uma mãe cujo filho sofria de refluxo severo. Posso dizer que ele resolveu a minha vida naquele momento. Meu filho, que antes acordava chorando passou a dormir a noite inteira. Ele dormiu neste colchão até não caber mais. Hoje, com dois anos, ele já não tem mais refluxo. Parou inclusive com os remédios. Sempre indico o colchão porque sei como é difícil solucionar o problema de sono em crianças com refluxo. O site é sognidoro.com.br

  39. Kenya

    Descobri o refluxo oculto do
    Meu filho quando éele tinha 2 meses e engasgou 3 vezes em 5 minutos! Deus me abençoou e por instinto coloquei minha boca cobrindo sua boca e
    Nariz e puxei! Isso uma vez em casa e a outra já dentro do taxi a caminho do hospital!!!! Vi meu filho roxo mas hoje ele está com 11
    Anos e não tem mais nada graças a Deua!

  40. claudia araujo

    Bom dia mães desde os 2 meses meu filho sofria de refluxo depois de tanto experimento descobrimos que ele tem alergia ao leite de vaca.mas antes disso ele passou p uma trajetória de remédios, como dom pedido na, labelo, molihium, bromoprida e até pouco tempo losec mups.apesar de ter descoberto a causa o meu filho ainda sofria de refluxo diagnosticado grau 3 .ficava muito chateada pois nada resolvia.vomo pode estava fazendo tudo q era pedido ele tomando neocate leite especial, por minha conta acrescentei vitalon de arroz q n tem traço de lei e nada.enfim hj meu filho tem 6 meses cansada de dar tanta droga (remedios) e nada resolver pensei em fazer uma receita caseira faz uma semana que dou a ele batata espremida na mao eu ralo e extraio o sumo dou numa colher de chá em jejum, e durante o dia antes da mamadeira e papinhas.e claro que tive coragem de fazer isto agora pois ele já come papinha.olha meu filho melhorou muito .qt ao tratamento só continuo com motilium de 1 em 12 horas e este sumo da batata anti ácido natural que n causou efeito colateral como irritabilidade e outros..precisava compartilhar c vcs pois desde qd meu bebe nasceu eu recorria a esses fóruns em busca de solução. Semana que vem está marcado homeopata.um bj a todas qualquer dúvida estou aqui

  41. Glaucia

    Também sofri con meu primeiro filho por achar que era cólica o que o incomodava, nos cinco primeiros meses meu filho não conseguia dormir pelo refluxo oculto. Agora tenho gêmeas de dois meses que já estão tratando esse refluxo oculto e eu estou fazendo dieta de exclusão de leite e derivados e elas estão começando a dormir super bem.

  42. Flaviane Vila Nova

    Muito obrigada por compartilhar conosco suas experiências, agora eu sei, pelos sintomas que você descreveu, qual o tipo de refluxo que meu filho tem. Só me resta saber se ele tem o APLV já estou ligando para o médico para antecipamos a consulta. Meu Rafael tem três meses, nasceu prematuro com 34 semanas, passou 18 dias na UTI, iniciou complemento muito cedo. Ele passou ater os sintomas depois de uma gripe, Ele vomitava muito a cada mamada, inclusive em uma delas ele engasgou ficou todo roxo, mas graças a Deus nesse momento eu estava na emergência do hospital e ele dói socorrido, mas passou novamente dois dias na UTI e depois foi para o quarto. Tb tem baixo peso para idade, mas ganha peso bem. Apesar de todo desconforto ñ deixa de comer, mas fica muito irritado, mama melhor nanmamadeira, Está sendo difícil manter o peito, solta muito pum e as vezes até chora, o cocô é aguinha, não dorme direito, principalmente a noite e ultimamente só quer colo. Enfim espero poder diagnosticar o quanto antes para poder dar mais conforto ao meu bebê e que está fase passe logo. Beijos e obrigada

  43. Cris

    Olá! Minha bebê tem 3 meses e refluxo oculto. O médico mandou fazer com que ela durma sentada daqui pra frente sempre, mas achei judiação, como foi com vcs isso?

  44. Cris amaral

    Olá… Minha filha tem refluxo oculto. Além de eu estar com medo de dar o motilium pra minha filha o médico mandou que ela dormisse sentada. Que eu não a deitasse de forma alguma, porém estou com receito de deixá-la dormir só no bebê conforto. Ela tem três meses, e fiZemos o ultrasson e deu refluxo oculto. Vou no gastro daqui alguns dias, não sei o que fazer nem como passar os dias, pois ela chora muito! Estou desesperada

  45. Verônica

    Olá o meu filho tem 1 ano e 8 meses e há uns 5 meses foi diagnosticado com refluxo oculto ele nunca vomitou só descobri por que ele baba muito ai fui procurar um otorrino o qual fez exame e descobriu ,estou tratando com motilium
    É horrível meu baba muito tadinho vivi de babador e como as vezes acaba molhando a roupinha sem percebermos fica doente com facilidade
    Nunca vi ele com uma roupinha sem babador rs

  46. Juliana

    Engraçado lembro de ter lido este post logo que vc postou minha filha foi diagnosticada com refluxo um pouco tarde com 1 ano e 1 mês pois ela não apresentava os sinais clássicos só a tosse e uma laringite de repetição fez o tratamento durante um ano e parou a cerca de um ano…Agora ela está com 3 anos e 3 meses a 1 ano sem medicação mas teve outros casos de laringite de outubro pra cá e justamente hoje estamos realizando uma phmetria de 24 horas para ver como anda o refluxo e amanhã teremos o resultado…as vezes quero que dê positivo para que tenhamos uma explicação da recorrência das laringites pois pelo menos existe um tratamento…gosto de ler suas matérias pq aí não me sinto a única nessa luta…Amo muito ser mãe mas sofro quando eles sofrem…bjs, obrigada

  47. Maria

    Ou o meu nome é Maria e descobri que o meu bebé tem aplv. Ele mama muito pouco mas aqui em Portugal os pediatras não fazem caso do meu filho. Eu penso que ele seja como o Leo tem refluxo oculto e por isso se nega a mamar. Você podia dizer me o que o Leo tomou para o refluxo. Estou desesperada. Bjnho

    1. Shirley Hilgert

      Maria, não posso indicar medicamentos aqui no blog. Você tem que conversar com o seu pediatra. Abs.

  48. Vanessa

    Shirlei, depois do tratamento como ficaram as mamadas do seu Léo?!
    Eu tenho meu Léo, prematurinho de 26 semanas….
    Sempre foi difícil dar mamadeira para ele… Agora começamos com losec, depois dele passar um dia sem mamar e termos ido para o hospital… Antes tomava label , mas as mamadas eram difíceis igual … 30 , 40 minutos de briga literalmente, e ainda com galinha pintadinho , de pé é muito balanço..as mamadas do seu Léo melhoraram?

    1. Shirley Hilgert

      Sim, depois de um tempo as mamadas melhoraram. Levou um mês, mais o menos. bjs

  49. Karla

    Minha neta fou diagnisticada com refluxo oculto, mas ela não se joga pra trás Ela se dobra toda e eu estou assustada e achando que pode ser outra coisa

  50. Monyane

    Olá Shirley!
    Minha pequena tem 1 mes e 9 dias! A minha pergunta para você e para outras mamães que possam me ajudar com respostas é A seguinte:
    Seus bebes choravam com o efeito do Losac? Sentiam um pouco de dor e incômodo? Passou? Em quanto tempo?

    Minha pequena tem vários dos sintomas citados acima, porém ganha peso normalmente e tbm não chorava… ficava só bem agoniada, resmungando e jogando a cabecinha para trás.

    Estou no segundo dia de tratamento e ela chora bastante , se espreme..

    Me ajudem com suas respostas please?!
    Obrigada

  51. Bruna Naiara Felicio Lorrenzzetti

    Compartilhando experiência e desabafando. Para as mamães de plantão com bebês rn:
    Na primeira consulta do JG com 15 dias comentei com o médico que ele tinha muita colica. O dr disse que era normal e tudo mais. Mas a coisa foi ficando feia. Ele não conseguia dormir mais de 40 minutos. Começava a mamar 2 minutos e gritando. Não queria mais. Daí só quando colocava de pé no colo ele se acalmava. Eram horas para dar de mama e ele cochilar. Então resolvi pagar uma consulta particular com 30 dias porque mesmo com os remédios da colica não estava melhorando. (Detalhe estava sem tomar leite de vaca e fazendo uma dieta bem certinha). Foi então que a médica de cara percebeu que ele tem refluxo. Mas como se não volta leite? Descobri que existe o refluxo oculto. Abaixo tem um texto pelo qual me identifiquei. O remédio está fazendo efeito e graças à Deus colocando tudo inclinado já resolveu muita coisa. Agora consegue mamar sem chorar e dormir um pouco mais. Resolvi expor tudo isso porque muitas mães acham que é colica. O remédio dá uma amenizada porque é para dor. Mas o bebê fica lá sofrendo e não melhora. Em fim muitas mães demoram à descobrir. Espero ajudar outras pessoas também!

  52. Miriam

    Olá, como é importante conhecer o relato de cada mãe e poder ter novas experiencias para com meu filho. Hoj meu filho tem 4 anos mas nao esta livre do refluxo que tem desde recem nascido. Tudo começou ainda na maternidade no primeiro dia de vida ele começou a soltar pum bem altos e fedidos aí então no segundo dia veio a diarréia onde demorou 5 dias pra melhorar, depois disso começou os vômitos após as mamadas, os choros, ficava se empurrando sempre mamava tinha muita cólica e sempre acordava num choro incontrolável nas madrugadas. Quando ele tinha 17 dias de nascido após mamar ele vomitou e se engasgou quaze morreu ficou verde com cor de difunto imagine meu desespero, desde então começou meu tormento levei ele no pediatra onde recebeu o diagnostico de refluxo o qual indicou domperidona 3 x ao dia mas nao resolveu muita coisa, meu filho só perdendo peso tinha dias q ele passava o dia inteiro sem comer nada rejeitava tudo nao sabia mas o q fazer aí o pediatra recomendou o uso do Label junto com o domperidona mas foi uma luta muito longa as melhoras eram poucas batia o desespero d ver meu filho sem comer. Hoje com 4 anos ainda tem refuxo só q bem menos mas é claro com uma alimentação controlada, a cada dia descobrindo qual alimento não faz bem, geralmente quando ele come algo q não faz bem dá soluços com frequencia varias vezes ao dia se nao tratar vem o mau hálito e começa perder peso e é isso tô nessa luta não sei se um dia vai ter fim se alguém tiver uma solução serei muito grata bjos.

  53. Renata

    Olá! Está ocorrendo com o meu filho há um mês. Ele tem 2 meses.
    Não são todas as mamadas. O que percebi é que quando ele está mais sonolento, ele mama melhor, então tenho que ter várias estratégias para deixá-lo sonolento, como ninar, cantar, chupeta.
    Às vezes não dá certo.
    Ainda não tentei a mamadeira pq tenho medo dele não pegar mais o peito.
    O pediatra Tb acha Q eh cólica, ou gases.
    Eu já nem sei mais o que fazer. Toda mamada fico torcendo para ser tranquila.
    Tb demoro mais de uma hora para fazê/lo mamar.
    No seu bebê era em todas as mamadas?
    Renata

    1. Shirley Hilgert

      Nas mamadas que ele fazia dormindo ele mamava bem. Só acordado que era difícil.

  54. Renata

    Olá! Meu bebe tem 2 meses e desde que fez 1 mês, está de greve de fome. Antes mamava 10 min em cada seio, mas Qdo fez 1 mês começou a brigar com o seio, chorar fazer escândalo e com isso passou a mamar 5 min ( tirando e pondo a boca no peito). Ele só
    mama bem depois do banho (última mamada do dia) e de madrugada (mas mesmo assim uns 5-7 min no total).
    Nao parece ser cólica nem refluxo, algumas vezes ele nem chega a pegar no peito e já começa a chorar, a simples posição já o faz chorar.
    as vezes insistindo muito consigo fazê-lo mamar, mas tem algumas vezes Q ele fica ate 4-5 hrs do dia sem mamar.
    Me identifiquei com o seu relato pois o pediatra insiste que é cólica é que é normal.
    Ele ganhou peso, mas acho Q eh pela minha insistência já que fico o dia inteiro com o peito de fora para ele mamar 5 min…

  55. Juliana

    O que posso dizer é que temos que seguir nossa intuição com muita seriedade. É incrível a quantidade de pediatras que não percebem os sintomas como refluxo oculto. Meu filho teve refluxo com poucos meses, tomou motilium e label mas mascararam os sintomas. Ele continuou com refluxo oculto com baixo peso e baixa estatura até 1 ano e 4 meses. Eu sempre questionava se poderia haver outro problema mas a pediatra dizia que ele era pequeno porque eu também era pequena. Até que segui minha intuição e procurei uma gastropediatra. Hoje o tratamento é feito com Omeprazol e em 1 mês já foi notória a melhora.

  56. Alessandra

    Como está seu filho agora ? Minha filha tem 6 anos e está com diagnóstico de refluxo mas já tomou vários medicamentos e nada melhora !! Estou há 3 anos tentando descobrir o que é realmente pois nenhuma medicação surte efeito !! Estou nos EUA e Já fez todos os exames e está normal ! Se possível por favor entre em contato comigo . Obrigada !

    1. Shirley Hilgert

      Alessandra, o refluxo do meu filho passou com uns 9 meses, mais ou menos. ABs.

  57. Juliana

    Bom dia,mamães descobri ontem que minha bb de 7 meses tem refluxo oculto
    Ha dois meses troquei de pediatra por causa de uma dúvida que eu tinha com a minha filha,ela tem uma caseira e um chiado no peito e no primeiro dia com a pediatra nova ela me disse que poderia ser um refluxo e a segunda opção seria alergia
    Mais primeiro me pediu um RX do refluxo,ha princípio achei que ela tava louca mesmo sabendo que ela é umas das melhores e a mais procurada pediatra na cidade,fiz o RX e deu refluxo oculto
    E o da minha bb,o que não volta pro estômago ta indo gota a gota pro pulmão
    A pediatra disse que pode ocasionar um bronquite
    Mais se DEUS quiser não vai
    Comecei a medicação e a agora esperar a melhora
    Detalhe minha filha não chora devido o refluxo

  58. Roberta

    Oi Shirley.
    Tenho um bb de 3 meses a há um mês descobrimos a APLV, o refluxo e o que mais incomoda ele, terrível!
    Gostaria muito de saber qual foi o gastro que cuidou do Léo?
    Obrigada!

    1. Macetes de Mãe

      Olá, Roberta!
      Enviei o contato para seu e-mail. Melhoras para seu pequeno.
      Bjs

  59. Gilvanelma

    Boa noite, meu bebê tem 9 meses, nasceu prematuro de 35 semanas e desde os 6 meses não quer comer. Hoje cada vez pior, não come nada, nada. Ele tem ânsia de vômito só em sentir o cheiro das comidas ou de vê as comidas ou até de eu falar que ele vai comer. Botar ele na cadeira e por o babador já estar sendo uma tortura, começa a gritar, ficar bravo e balança a cabeça dizendo que não. Muito triste ver meu filho com fome e não comer e as vezes de tanta fome e botando galinha pintadinha pra ele comer, depois começa tossir e põe toda papa para fora, fico desesperada, ele não quer nem segurar na mão o que for comida, tipo pão, biscoito ele não pega, as vezes ele quer pegar mas em seguida solta , só põe na boca brinquedos. Me ajudem, pois só quer o peito e água, nem o suco da laranja ele não quer. Obg, abraços!

  60. Larissa Sabino

    Obg Vc me deixou muito mais tranquila depois q li isso pois minha prima (que eu considero muito)teve ssuspeita de muitas coisa até q chegou o resutado:REFLUXO
    na hora gelei mais ddepois q li isso me senti mais confortável
    o refluxo dela é o oculto ,mais nos descobrimos no começo…
    desde ja agradeço de todo o meu coração 😍😗

Deixe seu comentário