Desapegue do que não serve mais e ganhe uma graninha extra

Quando temos filhos, percebemos como a gente junta coisas que não servem mais. São as roupinhas que ficaram pequenas, os brinquedos que deixaram de atrair a atenção, os acessórios (carrinho, cadeirinha de carro, cadeirão de alimentação, etc…) que se perderam porque os filhos cresceram.

Eu, que tenho horror de deixar a minha casa cheia de coisas que não servem mais e sou super a favor da sustentabilidade e reciclagem, costumo dar um fim bem mais nobre às coisas que não tem mais utilidade: vendo por precinhos camaradas e faço uma graninha extra para comprar outras coisas que o meu pequeno está precisando.

E uma ótima forma de fazer isso, de vender o que não se usa mais, é através do site da OLX (“Desapega, desapega, OLX! Quem não conhece?”). Nele, é super fácil e prático tanto vender aquilo que está sobrando quanto comprar o que estamos precisando e que não precisa, necessariamente, ser novo (um berço desmontável, por exemplo, que é algo que normalmente se usa pouco, é ótimo de ser comprado de segunda mão, pois é um item razoavelmente caro e que, quando não compramos novo, mas em bom estado, sai por um preço bem mais em conta).

Eu comecei a utilizar a OLX e achei a plataforma muito fácil e prática, do início ao fim. Do tempo que acessei o site até o momento que o meu anúncio estava disponível foram, mais ou menos, cinco minutos.

Basicamente, eu fotografei o brinquedo que eu decidi me desfazer (Léo tem outros muito similares e eu estou sem espaço para guardar todos), entrei no site e cliquei em “Publicar Anúncio”, depois cliquei na categoria “Bebês e Crianças” e escolhi a opção “Brinquedos”. Os próximos passos foram dar um título para o produto, inserir fotos, colocar uma descrição detalhada do produto e informar o preço e fornecer algumas informações pessoais minhas para o comprador interessado poder me contatar (o telefone e endereço a gente divulga se quiser e o email que é informado não aparece no anúncio, mas através dele nós recebemos o contato dos compradores interessados). Veja aqui o passo a passo e como é simples:

1. Acesse o site www.olx.com.br e clique em “Publicar Anúncio”:

olx tela 1

2. Informe a categoria (Bebês e Crianças) e a sub-categoria (no meu caso era “Brinquedos):

olx tela 2

3. Insira as informações básicas do anúncio: título, fotos, descrição e preço do produto:

olx tela 3

4. Visualize como ficará o seu anúncio:

olx tela 4

Ainda, existe a possibilidade de anunciar produtos cadastrando-se ou não se cadastrando no site da OLX. Ou seja, quem está com pressa e quer fazer rapidinho, simplesmente cadastra o anúncio e pronto (e depois recebe um link no email para gerenciar o anúncio). Mas quem está com um tempinho livre, pode se cadastrar no site da OLX, criar uma conta e depois gerenciar todos seus anúncios através dessa conta. Eu fiz os dois. Primeiro cadastrei um anúncio individual e depois me cadastrei para ter uma conta no site da OLX e poder gerenciar mais fácil todos os produtos que colocarei para vender.

Achei o site da OLX muito bacana porque a transação toda é feita entre comprador e vendedor. O vendedor anuncia e o comprador, ao encontrar o produto de seu interesse, preenche um formulário curtinho para contatar o vendedor e iniciar a negociação (basicamente, informa seu nome, email, telefone – esse se quiser – e escreve uma mensagem rápida que o vendedor irá receber por email). A OLX, diferentemente da maioria dos outros sites de compra e venda de itens usados NÃO COBRA NENHUM PERCENTUAL DE COMISSIONAMENTO, e isso é ótimo! (já vi por aí sites ficarem com 30% do valor do produto, o que é um absurdo!).

Veja como o anúncio aparece para os compradores e como é o formulário de contato:

olx tela 5

E veja aqui, diretamente no site da OLX, o meu anúncio lindo, fofo e com preço imbatível. Hahá!

E o mais bacana de tudo! No mesmo dia que eu anunciei esse brinquedinho da Chicco, um comprador interessado já entrou em contato comigo. Vejam o email que recebi dele:

olx tela 6 nova

Bom, agora que vocês já descobriram uma forma simples, prática, rápida e segura de desapegar das coisas dos seus pequenos que não servem mais, é só entrar no site da OLX e começar a divulgar tudo que está parado por aí. Ah, e se preferirem, vocês podem fazer todo o processo que eu expliquei acima através do APP da OLX, que está disponível na loja da Apple (acessem a loja e pesquisem por OLX, ao encontrarem o app, que é gratuito, cliquem em “Instalar”. O processo de cadastramento dos produtos segue a mesma ordem que eu informei acima).

E não esqueçam que mais do que vender, vocês também podem comprar pela OLX. Como eu disse, lá vocês encontram muitos itens super úteis, em ótimo estado e a preços super camaradas (como o vendedor não paga comissionamento nenhum, pode vender por preços bem mais em conta).

Espero que tenham gostado da dica! Sempre tem leitoras me perguntando o que fazer para se desfazer das coisas dos pequenos, onde anunciar e como fazer uma graninha extra com aquilo que não serve mais. Bom, agora vocês já sabem! Ah! E uma ótima notícia!!! A categoria de bebês e crianças é uma das mais acessadas do site. Ou seja, não irão faltar interessados para visualizar o seu anúncio.

Por fim, deixo para vocês algumas dicas de como criar um anúncio bem bacana que irá ser encontrado com mais facilidade e irá atrair a atenção dos compradores. Confiram!

1. Crie um título curto, mas que seja claro e informativo. É importante que ele contenha o nome do produto e a marca. O título do meu anúncio é “Brinquedo de encaixar Casa dos Bichos – Chicco”. Coloquei o tipo de brinquedo (brinquedo de encaixar), o nome do brinquedo (Casa dos Bichos. Chequei em outros sites o nome direitinho pois não tinha mais a embalagem) e a marca (Chicco).

2. Na descrição, é legal você dar detalhes que não foram informados no título. Também é importante descrever o estado geral do produto (nunca usado, na caixa, com etiqueta, usado mas em estado de novo) e eu sugiro informar o preço dele novo, para o comprador poder comparar e ter uma ideia da economia.

3. Por fim, a minha sugestão é não exagerar no valor cobrado. Claro que cada vendedor precifica como quiser, mas produtos usados que tem um valor em torno de 50% de um novo costumam ter venda mais rápida.

 publi-incentivo

3 comentários

  1. luana

    heheehehe, adorei o post, estou louca pra vender umas coisas do meu pequeno que ele nao usa mais, tipo o bebe conforto, o berço e alguns brinquedos, mas como eu já penso no segundinho, vou esperar mais um tempo pra me desfazer, afinal, bebe conforto é tão caro de comprar novinho, e nem sempre dá pra comprar usado com 100% de confiança… vou esperar mais uns ano pra reaproveitar pro segundinho! hehehehe, beijos, adoro teu blog!

  2. Paula Marques

    Como fica a entrega e o pagamento? E como fazemos para verificar o preço para um determinado CEP? O preço do frete é pago por quem?

    1. Shirley Hilgert

      Paula, tudo bem? O pagamento e a entrega são acertados entre comprador e vendedor, diretamente, via email. Ou seja, você anuncia um produto, a pessoa interessada contata você e quer saber o valor do frete (normalmente eles perguntam isso). Aí vc tem que pedir o CEP dela, entrar no site dos correios e calcular. Aí vc passa o valor do frete para a pessoa, por email, e ela fica ciente do valor total a ser pago (normalmente o comprador paga o frete e o produto).
      Depois disso, vocês combinam como será feito o pagamento (que pode ser depósito na sua conta) e vc envia o produto por correio. O que eu tenho visto por aí é isso, mas vc estará em contato com o comprador (via email) e poderá definir diretamente com ele como vocês farão. bjs

Deixe seu comentário