Feira de Troca de Brinquedos – programa para as férias

Captura de Tela 2014-07-01 às 11.49.44Está sem programação para as férias de inverno dos pequenos? Então, que tal participar de uma Feira de Troca de Brinquedos? Eu achei a ideia super bacana e, com certeza, vou dar a minha passadinha por lá.

Durante todo o mês de julho, aos sábados, o Instituto Alana e o Museo de Arte Moderna de São Paulo (MAM) promovem a sua tradicional Feira de Troca de Brinquedos, dessa vez no Parque do Ibirapuera. Uma ótima opção para vocês se divertirem, ensinarem conceitos de sustentabilidade para os pequenos e, ainda, darem uma “reciclada” nos brinquedos que tem em casa.

Veja como participar:

Onde: Parque do Ibirapuera – São Paulo (em frente ao painel dos artistas “Os Gêmeos”) – Endereço: Avenida Pedro Alvares Cabral, s/n°, Portão 3, São Paulo – SP

Quando: todos os sábados do mês de julho

Horário: das 10 às 12h

O que levar: o brinquedo que será trocado (pode levar mais de um)

A Feira de Troca de Brinquedos é mais do que um momento em que as crianças trocam um brinquedo por outro. Tudo começa em casa, quando pais e filhos escolhem juntos quais itens estão em bom estado e que serão trocados por outros. Depois, na feira, é quando os pequenos analisam o que há disponível e tomam a decisão de fazer a troca.

Nós vamos participar. E vocês?

Não perca essa oportunidade. Essa é uma iniciativa muito bacana que traz diversão e valiosos ensinamentos.

FeiraDeTrocaDeBrinquedos

Organize Feiras de Troca de Brinquedos na sua cidade também:

Organizar uma feira de troca de brinquedos é simples. No site http://feiradetrocas.com.br/organize-a-sua, o Alana disponibiliza um passo a passo para ajudar pais e entidades a realizar sua própria feira. Os organizadores podem enviar as informações para o Alana e, assim, compor o grande mapa de feiras em todo o país.

As feiras já acontecem nos estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Brasília, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Paraíba, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe e São Paulo.

Deixe seu comentário