10 curiosidades sobre os 10 primeiros dias do Caê

Acho bacana a gente deixar registrado algumas coisas vividas nos primeiros dias de nascimento do bebê pois, é fato, vamos esquecer muita coisa.

É claro que o que houve de mais importante é inesquecível, mas detalhes se apagam da memória conforme o tempo passa.

E foi por isso que eu fiz o post de hoje, meio com cara de relato, meio com cara de diário. Com o intuito de recordar, daqui um tempo, um pouco da experiência que vivi nos últimos 10 dias.

Foto do primeiro passeio. Ida ao pediatra.

Foto do primeiro passeio. Ida ao pediatra.

Nem tudo que eu conto aqui foi bacana. Com algumas coisas vocês vão até se chocar. Mas acho que também vale recordar para a gente ter sempre em mente que o difícil, ruim e dolorido também passa.

10 curiosidades sobre os 10 primeiros dias do Caê

  1. Caê nasceu no dia 08 de fevereiro, às 00:47, de parto natural, pesando 3.335kg, medindo 49cm e com APGAR 10/10.
  2. Na primeira noite no quarto comigo e com o pai dele, ele se engastou mamando. Por sorte, havia uma enfermeira no quarto aquela hora (havia ido levar medicação para mim) e me ajudou a socorrê-lo. Se não fosse esse anjo lá, na hora certa, não sei o que poderia ter acontecido (ele ficou bem em seguida, mas o susto foi enorme).
  3. Caê fraturou as duas clavículas no parto. E antes que vocês se apavorem, isso não é tão raro de acontecer em partos normais e naturais. O machucado é pouco indolor e não há medida de tratamento a ser adotada (só cuidar para não mexer demais os bracinhos e tentar mante-los a maior parte do tempo em formato de “L”, como se estivessem em uma tipóia, na frente do corpo). A “cura”, ou seja, calcificação, ocorre em torno de 3 a 4 semanas. E não ficam sequelas.
  4. Na sua primeira noite em casa, Caê já dormiu no seu bercinho. E eu dormi no quarto com ele (sigo dormindo).
  5. O primeiro passeio do Caê foi até o pediatra, com 5 dias de vida. O segundo foi até uma pracinha próxima à nossa casa, com 7 dias.
  6. Nos dois primeiros dias fora da maternidade Caê ganhou 134g. Orgulho da mamãe! :-)
  7. Caê é uma criança calma e tranquila. Chora pouco (mesmo com o bracinho machucado) e dorme bastante. Ele parece ser doce. Eu babo por ele a cada vez que o olho.
  8. Caê conquistou o amor do irmão. E despertou o seu ciúme também. Leo vive com ele uma relação de amor e ódio. Risos! Ao mesmo tempo que quer cuidar dele e fazer carinho, tem crises com a sua presença.
  9. O primeiro banho em casa foi dado pelo papai. Na verdade, até hoje, dia 19 de fevereiro, todos os banhos foram dados por ele. Hoje será a minha primeira experiência.
  10. Caê é guloso e mama bem. Deus o mantenha assim!

 

4 comentários

  1. Élem

    É nessa hora que eu volto pra ver o post do parto… Não era pra “apavorar” com o machucado da clavícula mas apavorei. Sare mais rápido que a média pequeno Caê! ♡

  2. Sâmia

    Mil vezes um PN – o qual não tive o privilégio de ter – a passar por cesárea – a qual passei 3 vezes.
    No facebook deixei lá todo meu percurso nessa ultima cirurgia. Pra não entrar em deprê penso que estou viva (GRAÇAS A DEUS, SOMENTE) e meu baby está super sadio.

  3. Alessandra Dias

    Caê, nasceu no mesmo peso e apgar da Marcela, a diferença deles foi que ela nasceu com 48,5 cm ,.., mas não sabia da clavícula no parto, Marcela foi normal com episitomia, o que facilitou… essa foi uma informação nova pra mim. Que bom que ele está bem e mamando muito… beijos nesses lindões!

  4. Elis Regina Vasco

    Que bom que estão bem. Fiquei feliz por ele estar mamando bastante :)

Deixe seu comentário