O que você precisa saber/fazer antes de ir ao pronto socorro

Outono é época de mudanças bruscas de temperatura e também época de aumentar o número de visitas ao pronto socorro. E isso não é “privilégio” da minha família, pois toda vez que dou uma passadinha por lá, vejo a emergência infantil lotada, cheia de crianças com viroses, alergias ou algum outro tipo de mal estar.

E como às idas ao pronto socorro costumam se intensificar nessa época do ano, achei legal fazer um post com dicas de cuidados a se tomar antes de ir ao pronto socorro, para garantir que tudo corra bem e que você possa tirar o melhor proveito dessa não tão bacana experiência. Se vocês tiverem alguma dica para acrescentar, é só deixar no espaço para comentários que eu atualizo o post.

pronto socorro

Photo Credit: Philippe Put via Compfight cc

O que você precisa saber/fazer antes de ir ao pronto socorro:

Documentos: não esqueça de levar os documentos da criança e a carteirinha do convênio. E leve sempre os documentos originais.

Febre: se você acha que seu filho está com febre, meça-a para informar exatamente no pronto socorro a temperatura que seu filho apresentou. Se possível, anote, no celular mesmo, todas as temperaturas que foram tiradas, para você passar essa informação bem detalhada na hora do atendimento (eles sempre perguntam isso).

Medicamentos que tomou: também leve anotado todos os medicamentos que a criança tomou e, se possível, os respectivos horários.

Roupas e itens necessários: antes de sair para ir ao pronto socorro, faça uma “malinha” bem completa com mudas de roupa e outros itens que seu filho costuma utilizar – mamadeira, leite, fraldas, brinquedinhos, manta, naninha, etc… Você nunca sabe quantas horas terá que ficar lá e, nessa época do ano, pelo fato dos pronto-socorros estarem lotados, o tempo de espera para atendimento costuma ser bem longo. Caso você ache que seu filho está em uma situação delicada, que talvez vai resultar em internação, já leve uma malinha para passar a noite e o dia seguinte. O seguro morreu de velho.

Lista de itens necessários para uma eventual internação: essa dica é difícil de se colocar em prática se você não for uma pessoa muito, muito, muito organizada, mas garanto que é bem útil. Eu já fui duas vezes para o pronto-socorro jurando que voltaria para casa depois de algumas horas e fiquei lá, por dias, pois os filhote teve que ser internado. Assim, minha dica é: deixe em algum lugar do quarto da criança uma lista com tudo que tem que ser levado ao hospital no caso de uma internação. Pois aí, o papai ou outra pessoa da família passando em casa para pegar essas coisas não terá que ficar adivinhando o que levar. É só pegar a lista e juntar os itens que constam nela.

Irmãozinho: se a criança doente tem um irmãozinho ou irmãzinha, veja com que ela poderá ficar antes de ir ao pronto-socorro. Não é legal levar uma criança sadia para o hospital, para o risco dela sair de lá com algum problema que não tinha quando entrou (nessa época do ano as viroses correm soltas). Veja também quem poderá ficar com ela no caso de uma internação ser necessária (pai, avó, babá, etc…). É bom já ter isso organizado de antemão para não sofrer um susto se as coisas não sairem como o esperado.

Comidas e bebidas: evite oferecer comidas e bebidas à criança doente. No hospital, alguns procedimentos exigem que a criança esteja de estômago vazio e aí, se tiver comido ou mamado, complica o atendimento.

Pediatra: muitas vezes, vale a pena ligar para o pediatra antes de ir ao pronto-socorro. Ele poderá dar uma orientação mais clara ou, até, pedir que você vá ao consultório em vez de ao PA atendimento (o que é mais seguro, visto que lá há menos crianças doentes para seu filho ter contato).

 

 

 

4 comentários

  1. Natália

    Olá! Adorei o post! Parabéns!
    Eu acrescentaria: levar os documentos do responsável (pai, mãe, avó…) que está acompanhando a criança. Normalmente eles pedem para efetuar o atendimento e se for preciso internar, será obrigatório!

  2. Renata

    Para registrar a febre e as medicações uso um aplicativo chamado Fever Track.
    É bem bacana!

  3. Patrícia bahia

    Shieley, tudo bom, adoro seus comentários e gosto mto do seu blog…acompanho ele há 3 anos. Gostaria de dar apenas uma sugestão no seu excelente post…mto útil e prático…sugiro que coloque essa ultima alternativa em primeiro lugar…já que é a primeira coisa que devemos fazer antes de irmos ao pronto socorro… ela ficou em ultimo lugar na lista!!! Grande beijo.

  4. Winie

    Ligar para o pediatra antes de qualquer coisa, ele poderá dizer se é realmente ir pra o PS já que expõe a criança a outras possíveis doenças.

Deixe seu comentário