Como escolher o sutiã de amamentação

Depois da barriga, o que mais muda no corpo da grávida são os seios. Logo de cara, nos primeiros meses, a gente já percebe eles um pouco mais doloridos ou inchados. Muita gente inclusive descobre que está grávida por conta desse sintoma!

Aí, junto com o bebê crescendo no útero, vai aumentando também o tamanho do “fornecedor de alimentos” dele, os nossos seios. E lá se vão os nossos sutiãs de sempre. Começam a não caber, a incomodar e precisamos comprar modelos maiores.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Photo Credit: Daniel Peinado via Compfight cc

Depois que o bebê nasce, além do tamanho, é preciso pensar também na praticidade dessa peça tão fundamental do guarda-roupas de uma mulher que amamenta. E com a chegada do leite, chegam também uma porção de dúvidas: qual será o melhor sutiã? O que vai ficar mais confortável? Mais prático? Como eu vou saber qual comprar antes de o bebê nascer?

Para ajudá-las com essas dúvidas, separei algumas dicas que irão tornar a tarefa da escolha do sutiã mais fácil:

  • O sutiã que você usa no final da gravidez provavelmente não irá mais servir depois que o leite começar a descer. É bem capaz que aumente pelo menos um número.
  • Em vez de, logo de cara, comprar várias pecas iguais, tente ao menos dois modelos diferentes. Depois de usá-los, já amamentando, compre outros do que gostou mais.
  • Pense em ter no mínimo 4 ou 5 peças: uma para usar, e outras para reserva. Lembre-se que os seios podem fazer quando você está amamentando e aí você sujar mais de um soutien por dia.
  • Você vai precisar de mais suporte e sustentação, já que seus seios, além de maiores, estarão mais pesados. Observe as alças dos sutiãs, que devem ser largas, bem como as laterais, para conseguir suportar o peso dos seios
  • Conforto é tudo nessa hora: escolha tecidos macios, que você se sinta confortável ao tocar, que pareçam não ter fechos ou detalhes que machucam. Tudo o que você menos precisa é de alguma coisa te incomodando nessa fase da amamentação.
  • Observe a abertura: os melhores têm abertura frontal, por meio de um ganchinho ou peça de encaixe, e são bem fáceis de abrir e fechar com uma mão só, já que com a outra você estará segurando o seu bebê. Essa abertura é no próprio bojo, mas permite que o mamilo fique para fora e o resto do seio continue sendo sustentado pela parte de baixo do sutiã.
  • Muitos sutiãs vêm com medidas diferentes para a circunferência das costas e para o bojo, que podem ser combinadas entre si (costas 38, 40, 42… e bojo A, B, C e D). Ainda não são todas as empresas que trabalham com isso no Brasil, mas algumas sim. A vendedora da loja pode ajudar você a tirar essas medidas e facilitar sua busca pelo sutiã ideal.
  • Fique atenta a qualquer desconforto: se ao tirar o sutiã as alças ou a região embaixo do sutiã ficar vermelha ou irritada, a peça pode estar pequena. Se o seu seio ficar muito apertado no sutiã, isso pode afetar e mesmo dificultar a amamentação.
  • Dá para comprar as peças pela internet, mas para os primeiros é recomendável que você pegue na mão, sinta o tecido, veja como é o tipo de fechamento etc. Peça ajuda para as vendedoras, elas têm experiência, estão acostumadas e podem ajudar muito.

 

> Confira, nesse vídeo, 10 dicas para aumentar a produção de leite:

3 comentários

  1. Fabiana

    Ótimo texto, mas acho que não passarei mais por essa fase, já tenho dois rapazes, um de seis anos e outro de um ano e meio. Ah!!!Preciso dizer que adorei o novo formato do site! Parabéns!

  2. Vanessa

    Não sei se é o ideal, mas me adaptei melhor com top!! A sustentação é ótima e o tecido uma delícia… Comprei da marca LUPO.
    Beijosss e adoro o seu blog ?

  3. tamires

    Estou com uma dúvida se compro com ou sem bojo.

Deixe seu comentário