Exercícios físicos no pós-parto: quando e quais fazer?

A gestação demora nove meses e durante todo esse tempo nosso corpo vai se transformando pouco a pouco, de várias maneiras. São os hormônios que mudam as sensações, a pele, o cabelo, o apetite, depois o bebê que vai cavando seu espaço e mexendo com o nosso físico. Depois do parto, leva um tempo para que todo o nosso corpo volte a ser como era antes – se é que ele um dia será, né? Antes nunca tínhamos amamentado, agora sim, essas coisas nos transformam! :-)

É importante respeitar esse tempo do corpo antes de querer voltar para o pique total da malhação e tem uma série de fatores que devem ser levados em conta quando falamos de exercícios físicos no pós-parto. Eu mesma, me exercitei a gravidez toda do Leo, mas depois que ele nasceu tive dificuldades para retornar às atividades e só fui fazer isso quando ele já estava com 1 aninho (e, infelizmente, não mantive a prática). Já com Caê, retornei um pouco antes, quando ele estava com 8 meses, e não larguei mais (aeeeee! Palmas para mim!)

Rissa

Imagem: https://www.flickr.com/photos/31821378@N00/16503642229/

Mas como esse é um assunto que gera interesse – muitas mães querem saber quando podem voltar a se exercitar – fiz uma pesquisa sobre esse tema e separei abaixo as principais coisas que você precisa saber sobre isso. Vamos lá!

  • Quando posso voltar a me exercitar?

Essa é uma pergunta que depende de muitos fatores, como por exemplo se você já se exercitava muito antes da gravidez, se continuou fazendo algo durante os nove meses ou não, se o parto foi normal ou cesárea. Mas dá para ter algumas ideias. Para quem teve parto normal, o mínimo de tempo para começar a voltar a se exercitar é de cerca de 15 dias. Para quem precisou fazer cirurgia cesariana, antes dos 30 dias não é recomendado que se faça exercícios (Importante: converse sempre com o seu médico antes. O meu mesmo só liberou os exercícios depois de 45 dias, mesmo eu tendo feito parto normal). Esses primeiros dias são importantes para a adaptação ao bebê, aos seus horários, à amamentação e devem ser exclusivos para isso e até para você se entender com o seu corpo de puérpera. De qualquer maneira, quem libera isso é o seu médico. Ele que vai dizer se pra você pode ser em 15, 20, 30, 60 ou 90 dias após o parto. Uma coisa que li e eu não sabia é que os esportes aquáticos, como hidroginástica e natação, precisam de um pouco mais de tempo, até que o colo do útero se feche por completo, para evitar infecções e outros problemas.

  • Quais exercícios são mais indicados?

No começo, o mais indicado são as caminhadas (esses que alguns médicos já liberam após 15 dias no caso de partos normais). Conforme for o caso, se você já fazia alguma atividade antes, se houve alguma complicação no parto, qual o seu estado de saúde geral, os médicos costumam liberar uma ou outra atividade. As mais comuns são corrida, abdominais, musculação leve, alongamento, ioga e pilates. O mais indicado nos primeiros meses é que você faça algo em casa mesmo, se tiver uma esteira ou bicicleta ergométrica, e também o alongamento e os abdominais são possíveis de serem feitos em casa. As caminhadas ficam mais gostosas depois que seu bebê estiver liberado para sair de casa, você pode ir com ele empurrando o carrinho ou segurando-o com o sling. Eu fiz isso muuuuuuittttooo com o Caê. Santo sling!

  • Quais devem ser evitados?

É importante deixar para depois exercícios de alto impacto ou risco, como jogos com bola, por exemplo, ou exercícios de acrobacia, escalada e outros do tipo. Mas mais do que um tipo de exercício a ser evitado – que o seu médico pode falar melhor conforme o seu caso – há cuidados importantes para serem tomados: sempre beber bastante água e não descuidar da hidratação, para não prejudicar a produção de leite. Usar sutiãs ou tops de alças largas e com reforço de sustentação, já que seus seios estarão maiores e mais pesados. Pegar leve na intensidade de tudo, pois sua energia deve ser voltada para a amamentação. Enquanto ele estiver mamando exclusivamente no peito pode ser complicado de ajustar os horários para ir a academia e completar séries ou aulas específicas, pois às vezes não vai haver tempo suficiente entre as mamadas. Por isso, pense em retormar essas atividades depois que ele completar seis meses e já puder comer papinhas além do seu leite. E busque também opções de exercícios e atividades que você pode fazer com seu bebê ou mesmo com seus filhos mais velhos. Pode ser uma delícia!

1 comentário

  1. Elis

    Shi adorei o tema que abordou. Atividade eh muito importante para nossa saude.
    Poderia chamar uma especialista para falar sobre esse tema… nos ajudaria!
    Falar sobre diastase porque muitas mamaes tem e nem sabem…
    E muito personal tb não sabe como orientar nem como ajudar.
    Além do médico precisamos ouvir alguma pessoa formada em educacao fisica especialista em grávidas e mulheres no pós parto.
    Bjos – adoro vc!

Deixe seu comentário