Inmetro alerta pais sobre riscos de cordões de cortinas e persianas ao alcance das crianças

Como pais, acreditamos que as crianças sempre estão mais protegidas dentro de casa, mas, infelizmente, nem sempre isso é uma verdade. Devido à curiosidade e ingenuidade dos pequenos, eles acabam mexendo onde não deveriam e correndo até risco de vida, para desespero da família. Outro “problema” comum entre as crianças é que elas misturam a fantasia com a realidade para brincar e aí, qualquer descuido pode resultar em uma tragédia.

E foi justamente por causa desses riscos, que o Inmetro resolveu fazer um alerta e uma campanha sobre o perigo de fios de cortinas e persianas para os nossos pequenos.

perigo cordoes cortinas

Sim, esses “detalhes” da decoração de nossas casas, que passam normalmente despercebidos por nós, são um perigo iminente às nossas crianças, como mostra muito bem esse vídeo abaixo.

>>> Confira também o post: perigos escondidos em casa

Mas além de alertar sobre os riscos, o Inmetro também vem orientando os pais sobre como procederem para garantir a segurança das crianças com relação a fios/cordões de cortinas e persianas. E a sugestão deles é a seguinte:

  • Verificar se os cordões são acessíveis a crianças e se possuem laços que permitam que ela fique presa pelo pescoço, correndo risco de estrangulamento.
  • Cortar os cordões que possuem laços ou amarrá-los numa altura que as crianças não alcancem.
  • Certificar-se se o fio pode ser alcançado caso a criança esteja no berço, em cima da cama ou do sofá e, neste caso, deixá-lo ainda mais curto.
  • Agora, se for possível – principalmente se os fios se tornaram um atrativo para eles – trocar as cortinas por outros modelos.
  • E, por fim: não dá para descuidar! Ou seja, é preciso manter as crianças sempre sob supervisão já que um estrangulamento por cordões é muito rápido e silencioso.

E um lembrete final que o Inmetro repasse é o seguinte: esconder o fio na parte de traz da cortina não é uma boa opção, pois os pequenos são curiosos a ponta de encontrarem qualquer coisa.

Bom, achei bacana compartilhar com vocês esse alerta e as dicas do Inmetro porque imagino que o perigo de cordões de cortinas e persianas não é algo que esteja claro para todo mundo. Eu, pelo menos, nunca tinha pesado nisso como um risco e agora, cada vez mais, vou ficar alerta a isso.

Por fim, como parte da campanha, material informativo com dicas de prevenção será divulgado no site do Inmetro e nos das entidades parceiras (ONG Criança Segura e o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor). Para mais informações, acesse: www.inmetro.gov.br.

 

 

Deixe seu comentário