Acabaram as ideias de brincadeiras, e agora?

Vida de pai e mãe tem desafios que você só se dá conta quando se vê diante deles. Um dos maiores que já vivi – e continuo enfrentando e sei que ainda vou passar por eles um monte de vezes com o Leo e o Caê – é ficar sem ideias para brincadeiras e programas com as crianças. Admiro quem tem criatividade para inventar o que fazer no dia de chuva, no trânsito, nas manhãs de frio… Claro que tem pessoas que tem mais ou menos talento para essa coisa toda da brincadeira, mas duvido que tenha alguma mãe ou pai não tenha se visto em um momento com as crianças entediadas e um ponto de interrogação gigante em cima da cabeça do tipo “que eu faço com eles agora?”.

E a gente sabe: brincar é fundamental, brincar livre, mais ainda. Já comentei aqui também da iniciativa da OMO no movimento #LivreParaDescobrir, que traz, além das pesquisas e de dados muito legais sobre a brincadeira na infância, o site Se Sujar Faz Bem – verdadeira mão na roda nesses momentos em que a gente precisa de um sopro de lâmpada mágica para dar aos nossos filhos a diversão e o aprendizado que eles tanto precisam.

criancas-brincando

Leo e Caê brincando.

No site, há uma área que dá ideias de brincadeiras para fazer em diversas situações, como naquele dia que está uma chuva torrencial e você não pode sair de casa. Não faltam ideias para fazer brinquedos com itens que a gente tem fácil em casa ou inventar jogos e passatempos que não precisam de mais que um pouco de empolgação. Mas, se estiver calor, por que não deixar as crianças saírem para brincar na chuva mesmo? Pular em poça de água, imitar o filme Dançando na Chuva, abrir a boca e deixar as gotas caírem fresquinhas na língua? Deixe umas toalhas te esperando para diminuir a lambança na volta pra casa e aproveite para relaxar e se divertir com eles!

O mais legal é que as brincadeiras podem ser filtradas por idade, por local, ou tipo de atividade que você deseja fazer. Isso facilita muito na hora de achar algo que se encaixa com a sua necessidade. A minha dica é não ter medo ou vergonha na hora de inventar: você pode ser um péssimo desenhista, mas um ótimo montador de cabanas de almofada, ou o corredor mais engraçado da corrida do saco. E se você se divertir, certamente seus filhos vão se divertir muito mais.

Uma outra área muito útil do site é a ferramenta de busca de eventos. Escolhendo a cidade ou região – e tem mais de 30 localidades! – dá para encontrar feiras, festas, encontros, gincanas e diversos eventos direcionados ao público infantil que ajudam a fazer um fim de semana diferente, organizar um passeio novo e aproveitar outras brincadeiras e a interação dos seus filhos com outros ambientes e crianças.

Sobrando um tempinho, também recomendo ler a área em que eles explicam os motivos pelos quais “se sujar faz bem”. Lá, estão todos os detalhes do que é o movimento #LivreParaDescobrir com acesso à pesquisa completa “Valor do Brincar Livre”, contendo dados sobre o assunto, coletados através de entrevistas com mais de 12 mil pais em 10 países ao redor do mundo. Afinal, conhecimento nunca é demais, não é mesmo?

Confira aqui mais informações sobre o movimento #LivreParaDescobrir e salve já esse link para consultas futuras?

 

Deixe seu comentário