Carrinho para gêmeos – Review do Baby Jogger City Select

Há alguns dias, lancei um desafio no Insta Stories: pedi que seguidoras me mandassem reviews dos carrinhos de passeio que utilizam com seus filhos. Fiz isso, porque muitas mães me pedem informações e opinião sobre carrinhos, mas eu só me sinto confortável para falar daqueles que uso. Então, levei a questão para as minhas seguidoras, que nunca me decepcionam, e já estou aqui com o primeiro review para vocês.

Dessa vez, o review é de um carrinho para gêmeos, algo que não tinha ainda aqui no blog. O review da seguidora Juliana Velasques de Melo Oyama (uma querida) está impecável! Completo,  organizado, super explicativo. Impossível melhor!!!

Bom, espero que curtam as dicas que ela tem para dar. Com certeza, tem tudo que vocês precisam saber sobre esse carrinho.

Carrinho para gêmeos – Review do Baby Jogger City Select

Por Juliana Velasques de Melo Oyama

Quando engravidei, e descobri que eram gêmeos, comecei a procurar loucamente um carrinho bom e relativamente barato. Após muita procura, achei o City Select. Antes de tomar a decisão, como morava em Orlando, fui a loja ver pessoalmente o carrinho. Testei como abria, fechava, se era fácil de empurrar, material, etc. Com certeza ele foi uma ótima opção. Meus gêmeos (Amanda e Pedro) estão com 1 ano e sete meses, e ainda utilizo muito o carrinho, pois tenho a minha mais velha de 3 anos e 10 meses, a Sofia, e quando preciso sair com eles, sem a ajuda de ninguém, o carrinho é que me salva. Ademais, quando eles eram menores, usava o carrinho com o bebê conforto no lugar dos assentos.

 

Espero que a review ajude outras leitoras.

Marca: Baby Jogger

Modelo: City Select

Baby Jogger City Select

  1. Tamanho: Quando comecei a procura por carrinho de gêmeos, logo imaginei aqueles carrinhos enormes que nunca iriam caber no porta malas do carro e passar pelas portas. Assim, quando encontrei o modelo da Baby Jogger, esse meu medo acabou, pois ela passa tranquilamente por qualquer porta, entra em elevadores, é totalmente desmontável (inclusive é fácil retirar as rodas) facilitando o encaixe em qualquer porta-malas. As dimensões do carrinho:
  • Aberto: (C x L x A) 110,5 cm x 65,40 cm x 97,80 cm
  • Dobrado com rodas: (C x L x A) 83cm x 65cm x 32cm
  • Dobrado sem rodas: (C x L x A) 67cm x 53cm x 29cm

Figura 1: Dimensões do carrinho (Fonte: http://www.babyjogger.es/pt/cochecitos/city-select/#)

2. Peso: por ser carrinho para gêmeos, ele é naturalmente mais pesado. Porém como as rodas são grandes, é fácil empurrá-lo até mesmo na subida. Porém, conforme os bebês crescem, empurrar o carrinho na subida e na descida é praticamente uma malhação…rs

3. Praticidade para abrir e fechar: Para desmontá-lo é necessário levantá-lo do chão e é preciso utilizar as duas mãos. O modelo que tenho não trava sozinho após dobrado, sendo necessário utilizar a trava manual. O peso total é aproximadamente 15.4 kg, mas como retiro os assentos para desmontá-lo, o peso da estrutura do carrinho cai para 10kg aproximadamente.

4. Segurança:  O carrinho tem estabilidade e não pende para o lado que tiver maios peso (as vezes minha filha mais velha tenta sentar junto com um dos gêmeos no assento… SOCORRO). Ë bem firme, inclusive as rodas da frente podem ser travadas para facilitar a movimentação em terrenos mais difíceis (areia, pedra).

  • Ele não tem pontas, superfícies ásperas, etc
  • O cinto de segurança é de 5 pontos com ombreiras e ajuste de altura.

5. Freio: Freio de estacionamento ativado no guidão. Já testei em lugares super íngremes, e o freio é bem confiável.

  1. Conforto: O carrinho é confortável, o banco reclina em várias posições. Posso deixar os bebês dormindo tranquilamente, como também posso alimentá-los no carrinho quando sentados. O apoio para os pés e pernas ajustável (4 posições diferentes). O assento é acolchoado, porém o tecido é um pouco áspero.
  2. Regulagem da posição do assento: O carrinho permite mais de1 6 combinações para os assentos. Posso colocar um bebê de frente para o outro, ambos olhando para quem conduz o carrinho, ou olhando para a direção do passeio.

Figura 2: Configurações do assento (Fonte: http://www.cityselectstrollers.com/baby-jogger-city-select-double-stroller-2016-black-grey-combo-limited-edition-ships-now//)

  1. Espaço para carregar bolsas e outros objetos: O carrinho tem um enorme cesto embaixo (capacidade de 7kg) e cada assento tem um bolso na parte de trás para carregar pequenas coisas, como celular e chaves (capacidade 1kg).
  2. Possibilidade de acoplar bebê conforto e moisés: É possível acoplar até dois moisés. Em relação ao bebê conforto é necessário comprar adaptadores, e estes são compatíveis com diversas marcas de bebê conforto. No meu caso adquiri dois tipos de adaptador, uma para o bebê conforto Gracco e outro adaptador universal para o bebê conforto que era da minha filha mais velha
  3. Peças “destacáveis” que permitem lavagem: o tecido é bem resistente e fácil de lavar (pode ser lavado na máquina de lavar (Thanks God!!!). É necessário secar o tecido preso na armação do carrinho
  4. O carrinho tem sistema de suspensão em todas as rodas
  5. Largura e modelo das rodinhas: As rodinhas são grandes e largas, consigo andar e ultrapassar obstáculos sem grandes problemas. Suspensão em todas as rodas, e travamento de giro nas rodas dianteiras. Informações técnicas (Fonte site da Baby Jogger):
  • Rodas traseiras de doze polegadas e dianteiras de oito polegadas, com rolamentos selados.
  • Rodas dianteiras com sistema duplo de travamento e suspensão.
  1. Rodinhas dianteiras que giram 360 graus
  2. Assistência técnica no Brasil: Tem assistência no Brasil.
  3. Capota: Tem quebra-sol triplo retrátil, a criança fica protegida do Sol (porém meus babies já sabem abrir e fechar a capota). Oferece proteção UV 50+.
  4. Tamanho do assento: São assentos grandes e tem ajustes conforme a criança cresce. Capacidade máxima recomendada: 20,4 kg por assento.

Informações adicionais

– Plataforma para carregar o irmão mais velho (dobrável).

(Vídeo com review da Plataforma: https://www.youtube.com/watch?v=RKrfy8phcn4)

Figura 3: Plataforma (Fonte: Arquivo Pessoal)

– Pode ser utilizado com um único assento.

Prós do carrinho:

  • Passa por qualquer porta e entra em elevadores.
  • Plataforma para levar o filho mais velho em pé (pq eles se cansam super-rápido… ainda mais vendo os bebês sentados)
  • As capotas protegem bem do sol.
  • É bastante resistente (já enfrentamos algumas viagens de avião).
  • O pneu não fura pois é fabricado de borracha inflável.
  • Os assentos reclinam 100%
  • Barra de condução ajustável. Eu (baixinha) e meu marido (alto) conseguimos conduzir o carrinho tranquilamente.
  • Grande espaço para armazenar objetos.
  • As 4 rodinhas podem ser retiradas com facilidade, auxiliando na limpeza e otimizando o espaço do porta-malas quando o carrinho é fechado.

Contras do carrinho

  • A trava de segurança não é automática para manter o carrinho dobrado. (parece que nos novos modelos a trava é automática).
  • A bandeja para refeições é vendida separadamente.
  • Necessário utilizar as duas mãos para fechar o carrinho.
  • É pesado, e tem que tirar a estrutura do chão para fechar.

Vídeo com Review em inglês: https://www.youtube.com/watch?v=2g75pts-XgQ

Fonte Informações Técnicas: http://babyjogger.com.br/product/city-select

1 comentário

  1. Debora

    Tenho esse carrinho e amo. Não tenho gemeos, mas o escolhi pensando em ter logo o segundo filho (aloka).
    Apesar de ter sido o carrinho do meu coração antes mesmo de engravidar tenho algumas ressalvas a fazer. Meu bebê tem 9 meses e algumas coisas me incomodam nesse carrinho.
    – O assento, apesar de reclinar totalmente, não fica a 180° totalmente, porque as pernas sempre ficam um pouco pra cima (mesmo tendo ajuste para pernas). A única forma do bebê ficar deitado a 180º é desabotoando o assento (tem um botãozinho nas laterais que faz com as pernas fiquem sempre em posição “sentada”), porém apesar de já ter feito isso não acho muito seguro. Faço porque meu bebê é bem leve.
    – Comparando com a maioria dos carrinhos de gemeos (que os assentos são um ao lado do outro), realmente esse carrinho passa em “todas as portas”, mas comparando com carrinho “single” ele é um trambolhão, as rodas de trás são ENORMES (que eu amo!), e não passam em qualquer porta. Na porta dos quartos da minha casa por exemplo ele não passa se não retirar pelo menos uma roda de trás. As rodas saem muito fácil, mas pra uma pessoa sozinha é um transtorno. Ele também não cabe no meu porta-mala (HB20), precisamos retirar pelo menos uma roda de tras para ele caber, ou retirar a tampa da mala e coloca-lo “em pé”.
    – Ele pode ser fechado com um (apenas UM) assento encaixado, desde que ele esteja virado pra frente, porém, com os assentos de gemeos é necessário retirar um assento pra fechar o carrinho.

    Penso em comprar um carrinho um pouco menor para levar em viagens, pois esse é realmente um transtorno na hora de viajar. Teve um aeroporto que passamos que o elevador estava quebrado e o carrinho não cabia na escada rolante. Tivemos que fecha-lo. Mas mesmo assim não irei me desfazer dele porque é amor mesmo.
    Apesar dos problemas com o tamanho, eu amo o porte dele.
    E vale ressaltar também que ele é próprio para corridas (jogger), justamente pelo tamanho das rodas que dá muita estabilidade e NÃO TREPIDA (esse é um ponto fundamental aqui nas ruas do RJ). Já corri com ele e amei.
    Outro ponto super positivo é a cesta que é a maior que eu já vi em todos os carrinhos. Cabe a mochila gigante do meu bebê e mais um moooooonte de tranqueiras que sempre levo rs

Deixe seu comentário