Macetes de Mãe – 5 anos. Muito a comemorar!

Ontem, o Macetes de Mãe completou 5 anos. Sim, ele é o meu filho mais velho, já que o Leo só completa 5 daqui a um mês e 20 dias.

E como ontem era o dia certo desse importante aniversário, eu bem que quis fazer esse post para entrar no ar ontem mesmo, mas cadê que me sobrou tempo? Então, ficou para hoje mesmo, um dia depois, mas com o mesmo significado e importância para mim.

No post de hoje, resolvi relembrar um pouco da história do Macetes de Mãe e  algumas coisas marcantes. Como o fato, por exemplo, dele ter nascido numa folha de papel e não num computador. Isso mesmo, o primeiro post do Macetes foi escrito numa  folhinha de uma caderneta que eu carregava na bolsa, no dia que fiquei presa para fora de casa e esperava o marido chegar para abrir a porta para mim (coisa de cabeça de grávida em fim de gestação).

Outro fato marcante é que ele nasceu da cabeça e das mãos de uma pessoa que nunca havia trocado uma fralda na vida. Logo ele, um blog sobre criação e cuidado de bebês e crianças. E por mais que todo mundo dissesse que era isso que eu deveria fazer – criar um blog para falar de maternidade – eu mesma jamais acreditei que isso seria possível.

Depois, outra coisa que me lembro vividamente na história do Macetes de Mãe é que a única pessoa que deixava comentários nos posts que eu escrevia era a minha sogra, acho que como uma forma de incentivo ou porque realmente lia tudo para ver se eu estava criando direitinho o neto dela. ahahah!

Depois, pouco a pouco, eu comecei a encontrar, no meio dos comentários da minha sogra, comentários de desconhecidas e isso foi me dando, cada vez mais, vontade de escrever, produzir, pesquisar e tentar ajudar outras mães que estivessem passando pelas mesmas dificuldades e desafios que eu passei na chegada do meu primeiro filho.

E assim, o Macetes de Mãe, que começou para dar dicas e ensinar macetes, para mostrar uma forma mais prática de fazer as coisas, para encurtar caminhos para as novas mães, foi se tornando também a minha válvula de escape, o meu porto seguro, o meu espaço de desabafo.

O que era para ser só um blog um tanto quanto impessoal, começou a contar também um pouco da nossa história, pois lá (opa, aqui!) eu abria o meu coração e me aliviava das dores que carregava. Dor essa de ter um bebê que chorava dia e noite, que não dormia, que tinha cólicas homéricas e que tinha “alguma coisa”, algum problema, problema esse que ninguém acreditava de verdade que ele tinha, pois achavam que ele era assim simplesmente porque eu estava “nervosa” (depois se descobriu que ele tinha APLV).

Enfim, pouco a pouco, o blog, que foi criado para ajudar outras mães, ajudou, acima de tudo, a mim mesma. Pois, aqui, eu desabafava o quanto a maternidade poderia ser difícil, o quanto nem tudo era um mar de rosas, o quanto existia sim um lado B dessa experiência incrível que quase ninguém falava. E aí, mais e mais, as pessoas foram se identificando com o Macetes, foram encontrando ajuda nele, foram seguindo-o por onde quer que ele fosse.

E ele foi. Ele deu seus passinhos e seguiu adiante. Cresceu, aprendeu, se desenvolveu. Depois do blog, veio página no Facebook, veio Instagram, veio Pinterest e, por fim, veio o Canal no Youtube.

O Macetes de Mãe, quando estava completando 1 ano de vida, também deu o empurrãozinho que eu precisava para realizar um sonho antigo: empreender. Eu sempre sonhei com isso, mas também sempre me faltou coragem. Mas aí, quando o Macetes estava completando 1 ano, o Leo também estava completando 1 ano. Período esse que eu havia definido como prazo certo para voltar ao trabalho, para retomar minha carreira. Mas agora eu tinha dois filhos em casa, e eu não tinha coragem de abandonar nenhum deles.

Post que compartilhei no meu perfil pessoal do Facebook no dia que o Macetes completava 1 ano

Post que eu compartilhei ontem, quando o Macetes completava 5 anos

Eu sabia que trabalhar fora significava deixar o Macetes de Mãe de lado, pois eu não poderia dar conta do meu trabalho, da minha família, da minha vida pessoal e ainda produzir conteúdo de qualidade para alimentar o blog. E assim, então, um belo dia, eu chamei meu marido para uma conversa séria. Expliquei para ele que eu estava feliz, realizada, completa, como nunca em toda a minha vida profissional eu havia estado. Disse também que tinha encontrado no Macetes uma forma de realizar um sonho antigo (empreender) e de também realizar algo que há pouco tempo eu havia descoberto como sendo importante para mim (ajudar os outros através da comunicação). E por fim, que através do Macetes de Mãe, eu tinha encontrado uma forma de acompanhar de perto o desenvolvimento do Leo, algo que, para mim, também tinha se tornado muito importante. E aí, eu perguntei se ele poderia me apoiar, se poderia segurar as pontas por mais um tempo, até que o Blog se tornasse uma fonte de renda de verdade e eu pudesse voltar a contribuir com a casa.

Meu marido, vendo que eu realmente estava realizada como nunca, me apoio. Ele segurou as pontas por muitos e muitos meses, me incentivou e inclusive investiu financeiramente no Macetes de Mãe. Graças a ele, eu pude realizar esse sonho, me realizar e fazer o Macetes existir da forma que eu gostaria que ele existisse: com qualidade, com conteúdo relevante, com carinho e alma em tudo que era produzido (Otávio, meu eterno agradecimento por ter permitido a realização desse sonho! Sem você, nada disso teria acontecido).

E enfim, a partir daí, vem toda a história do Macetes (e da nossa família) que, quem está por aqui desde o começo, conhece bem: Leo se curou da APLV, as redes sociais cresceram, criei os grupo fechados Macetes de Mãe e o Desapegos Macetes de Mãe no Facebook (que depois de 1 ano e pouco optei por desativar), mudei o blog de plataforma (Blogger para WordPress) e criei uma identidade visual nova para ele, lancei uma loja online de sapatilhas Mãe e Filha (que fechou, como grande parte dos negócios no Brasil, menos de um ano depois de criada), mudamos de casa, lancei um aplicativo educativo (Macetes Kids), mudei o layout do blog (mais de uma vez), o Caê nasceu, veio o Canal Macetes de Mãe e tantos outros detalhes da nossa história que agora nem consigo recordar (e que também não vou colocar aqui porque esse post já está imenso!).

Mas uma coisa que eu quero fazer, antes de encerrar, é compartilhar com vocês alguns comentários que eu recebi ao longo desses 5 anos e que, com muito carinho, eu guardei. Ao todo, só no blog, até o dia de ontem, foram 30.001 comentários, então, aqui, está uma mínima parte de tudo que eu recebi, li e que tocou fundo no meu coração.

E antes de deixá-las com esses lindos comentários, quero agradecer por tudo. Por todos os posts lidos, todos os comentários, todos os likes, todos os compartilhamentos, todo o incentivo. Vocês são a razão do Macetes existir. Muito obrigada!

Oi Shirley, tudo bem? Espero que sim, encontrei seu blog em uma das minhas muitas pesquisas na internet e sinceramente eu amo ele, a maneira que você escreve e os temas que você aborda. Na realidade nem sei se o seu e-mail, ou falar disso pra uma pessoa que não conheço, é o ideal. Mas acho que com o passar da leitura desse desabafo, você vai entender o porque eu precisava falar com alguém, e depois de tanto ler o seu blog me sinto assim meio intima de você! Um aviso que provavelmente isso vai se tornar um e-mail longo, talvez nem tenha respostas pra tudo, mas eu sinceramente precisava falar com alguém. Laila B.

Ola Shirley, td bem? Pesquisando algumas coisas na internet eu encontrei seu blog MARAVILHOSO! Parabens!!! Assim como vc sou mae de primeira viagem de uma menina de quase 10 meses e lendo seus posts me identifico muito com seu jeito de ver e encarar as coisas e situacoes. Adoro o jeito q vc escreve… simples, direta, sincera, divertida, amorosa e principalmente autentica (verdadeira). Vc descreve muito bem o q e ser mae na vida real! Moro nos Estados Unidos e tive minha filha aqui, como estou longe das amigas Maes no dia-a-dia para conversar e compartilhar experiencias, ter o seu blog pra ler e compartilhar as experiencias e tirar duvidas tem sido otimo e muito prazeroso! Tenho aprendido bastante (e algumas vezes me divertido tb! Rss). Parabens pelo seu lindo trabalho e pela dedicacao! A gente percebe q vc faz tudo com muito amor e carinho… bem “cara” e jeito de mae mesmo! Nao e a toa q seu blog e um super sucesso!!! Desejo casa vez mais sucesso e felicidades pra vc e sua familia! Priscila Nakayama Nisidozi

Oi, Shirlei. Bom dia! Passo aqui para deixar os parabéns pelo post da mãe das gêmeas. Acompanho o blog e gosto bastante, mas hoje foi muito emocionante. Também tenho gêmeos e sei das olheiras que você comentou. Depois de seis meses tentando eu, como você, tive alternativa e deixei o trabalho fixo para dar um jeitinho e cuidar mais deles (um se chama Leo, como o seu, só que sem acento), mas até aí foi muito choro, muita culpa.  Por isso nem quis comentar direto lá. Parece que cada vez que alguém faz isso as outras mães se sentem ainda pior por não fazer. Enfim, beijo grande e mantenha a humanidade! Cinthia

Oi Shi, Chamei de Shi porque já me sinto íntima por seguir seu Blog. Hoje acordei com vontade de te agradecer. Há um tempo atrás te enviei o endereço e o texto do meu Blog que estava começando a escrever naquele dia. Tinha muita vergonha de escrever e esse era um grande sonho.Você me respondeu com rapidez, me ajudou e me apoiou mesmo sem nem me conhecer. Foi de uma generosidade enorme em me dar algumas dicas! Enfim, quero te agradecer por isso, te parabenizar pelo dia das mães e te desejar tudo de melhor no mundo, por ter me ajudado e ajudado tantas mães!  Ariane Pereira (www.20minutospratudo.blogspot.com.br)
Sou leitora do seu blog e acompanho diariamente seu instagram/facebook tb, mas sabe como e vida de mae ne… os filhos nao podem ver a gente com celular ou tablet na mao que ja querem tomar da gente, entao quase nunca consigo passar so das curtidas para fazer uns comentarios, por isso quis pegar um tempinho enquanto minha filha esta dormindo para te escrever… rss. Primeiro, quero dar os parabens pelo seu segundo filho! Desejo sinceramente e de coracao que a familia desfrute de ainda mais alegrias, descobertas, aprendizados amor e muita, muuuuita felicidade! Tenho certeza que o Leo sera um irmao super atencioso e que vai ajudar a cuidar e proteger o irmaozinho. Vai ser uma nova experiencia e tenho certeza que maravilhosa!!!! E muito bonitinho quando vejo irmaozinhos brincando e cuidando um do outro… da ate vontade de ter o segundo filho… rss. Quero tb aproveitar e agradecer mais uma vez (este e o segundo email que te mando) por vc ser esta pessoa atenciosa e que se faz tao proxima de nos leitoras, que parece que temos uma relacao com vc ha anos…. rss. Adoro ler seus posts e nas ultimas semanas em especial ele tem ajudado uma amiga que acabou de ter uma filha e que esta passando por alguns “perrengues” de mae de primeira viagem. Indiquei o blog pra ela durante a gravidez, mas acho que so agora ela virou leitora mesmo e ela me disse que tem sido otimo ler seus posts! Fiquei feliz e queria que vc soubesse que com seu jeito de ser, compartilhando suas experiencias de forma tao sincera e real, mas sem deixar de mostrar o amor e as maravilhas da maternidade, vc incentiva e auxilia muitas maes!
Mais uma vez, parabens e muito obrigada! Admiro muito vc e sua dedicacao neste lindo trabalho de encorajar milhares de maes e demais leitores que te acompanham! Priscila Nakayama Nisidozi, 
Há exatos 4 meses nascia o meu Léo e com ele veio um turbilhão de emoções que eu nunca imaginava poder sentir. Quantas vezes eu chorei, me culpei por ter chorado, me questionei se isso ou aquilo eram coisas normais para o bebê, me desesperei…mas também sorri com as conquistas dele, os sorrisos, o aprendizado de cada dia. E todos esses momentos foram vividos acompanhando seu trabalho e lendo ali muita coisa que eu estava passando. Sempre pensei em te agradecer pelo tempo que você dedica a compartilhar suas experiências com todos nós  (pais de primeira, segunda e outras viagens rs) e hoje passei aqui para fazê-lo. Muito obrigada, que Deus te abençoe!  Bjs Alice. Alice Turihara
Um pouco da nossa história e da história do Macetes de Mãe em fotos:

Nascimento do Leo

1 ano do Leo

Nascimento do Caê

Festa de 1 aninho do Caê

Macetes entre os top 10 blogs de maternidade da Revista Crescer

Macetes no programa Hoje em Dia, da rede Record.

Eu com a linda e simpática Ana Hickmann

Confira alguns posts especiais e que fizeram sucesso no Macetes de Mãe:

APLV – um problema nem sempre fácil de identificar (esse post é especial para mim porque, através dele, eu desabafei contando todo o meu sofrimento com a APLV do Leo e através dele também muitas mães acabaram descobrindo a APLV dos seus filhos.)

Querer amamentar x conseguir amamentar (nesse post eu fiz um desabafo sobre não ter conseguido amamentar o Leo. Muitas mães comentaram e me escreveram agradecendo pelo apoio, pois estavam passando pelo mesmo).

Lado B da maternidade – por que se fala tão pouco sobre ele (um dos primeiros posts que eu fiz desabafando sobre nem tudo ser rosas na experiência da maternidade).

Mais respeito, por favor (um dos posts mais lidos, compartilhados e curtidos da história do Macetes – mais de 86mil curtidas).

5 comentários

  1. Paula Cachiba

    Oi Shirley!
    Amo o Macetes de Mãe, e sempre me inspiro nas festas que vejo aqui… gostaria muito de mandar as fotos da festa de 2 anos da minha filha… eu fiz quase tudo, inclusive as fotos e decoração… como faço pra te mandar?
    Parabéns pelos 5 Anos!!!
    Um grande beijo….

    1. Macetes de Mãe

      Olá, Paula!
      Envie para contato@macetesdemae.com
      Bjss

  2. Mi Piazza

    Oi Shirley, parabéns! Adoro seu trabalho! Sempre trazendo informações, dicas e desabafos úteis e interessantes. Acompanho o blog desde a minha gestação (4 anos), quando comecei a pesquisar sobre o tema maternidade, e desde então não abandonei mais (acompanho tudo)! Sempre indico pras novas mamães, com a recomendação de não deixar de acessar! Suas dicas e reflexões são sempre muito ponderadas e sensatas, com intuito de refletir e agregar informação e senso crítico, jamais com a finalidade de criar polêmica ou chamar atenção. Mais uma vez parabéns e sucesso nessa jornada!

  3. Vanessa

    Oi Shirley,
    Acompanho vááááários blogs de maternidade e, na minha humilde opinião ;-) o seu é o mais completo: atualizado diariamente, textos pessoais e bem escritos, matérias com temas diversos e interessantes, lay-out organizado e bonito, enfim…. muito bom de acompanhar. Parabéns por seu belo trabalho! :o)

  4. Ana Paula

    Parabéns pelos 5 anos do Blog!! Sigo seu blog desde que meu filho nasceu, hoje com 2 anos e 5 meses…….. Eu adoro a forma verdadeira e real com que você trata os assuntos e a vida materna…
    Que venham muitos e muitos anos de blog pela frente!!

Comentários fechado.