Amamentação pega incorreta: 8 sinais que você deve observar

Talvez, no início da nossa vida de mãe, ali nos primeiros dias, uma das coisas que mais nos preocupamos é com a pega correta do bebê. Ou seja, se o bebê está ou não pegando corretamente o peito para mamar.

E por que isso? Porque essa pega correta é muito importante. Isso porque é ela que irá garantir que o bebê conseguirá “ordenhar” corretamente o leite, sugando uma quantidade suficiente para satisfazê-lo e também irá evitar que o bico do peito fique machucado.

Então, hoje, passo para vocês 7 dicas que indicam quando a pega do peito não está correta e tem que ser corrigida.

Photo Credit: SiamEye Flickr via Compfight cc

Dica 1: queixo e nariz do bebê em posições erradas

Se o queijo do bebê não estiver tocando o seio da mãe e, em contra partida, o narizinho do bebê estiver “afundado” no seio da mãe, isso é um sinal de que a posição do bebê está errada. O correto, é a cabeça do bebê ficar levemente inclinada para trás, ou seja, o queixo toca o seio e a testa se afasta. O nariz fica mais próximo do seio que a testa, mas não fica afundado nele.

Essa é a posição correta (cabeça inclinada para trás):

Dica 2: o bebê não está barriga com barriga com a mãe

Se o bebê estiver na posição mais tradicional da amamentação, ou seja, deitado no colo da mãe, ele tem que estar na posição barriga com barriga com ela e não com o corpo virado para cima enquanto a cabeça está virada para o lado para pegar o seio.

Imagem do bebê barriga com barriga com a mãe (cabeça e corpo do bebê na mesma posição, virados para a mãe):

Dica 3: boca do bebê não está suficientemente aberta e no formato peixinho

Para mamar com eficiência o bebê tem que estar com a boca bem aberta na hora de abocanhar o peito da mãe. Ainda, algumas vezes a boca do bebê até está aberta, mas não está no formato de peixinho, ou seja, lábios virados para fora. Se não estiver dessa forma ele irá abocanhar o peito da mãe de forma errada, não irá sugar o leite eficientemente e irá machucar o bico.

Essa é a pega correta, boca bem aberta e em formato de peixinho:

Dica 4: o lábio inferior está virado para dentro

Muitas vezes, o lábio superior até está no formato de peixinho, abocanhando o peito da mãe viradinho para fora, mas o de baixo está virado para dentro. Isso atrapalha muito a sucção do leite e machuca demais o bico do peito. Muito cuidado.

Dica 5: vê-se uma grande parte de aréola

Se você conseguir enxergar uma grande parte da sua aréola para fora da boca do bebê é sinal de que a pega está errada, de que ele está pegando apenas o bico do peito na hora de sugar e não o conjunto todo, ou seja, bico + aréola.

Dica 6: percebe-se esforço das bochechas

Se você perceber que na hora de mamar as bochechas do bebê afundam, ou seja, entram para dentro a cada sugada, isso é sinal de que há algo errado com a pega.

Dica 7: escuta-se estalidos (como beijinhos)

Se você escutar barulhos como estalidos enquanto o bebê mama, como se fossem beijinhos, também é sinal de que pega está incorreta.

Dica 8: dói

Uma grande dica para saber se a pega está incorreta é a mãe sentir muita dor no bico do seio e ele ficar rapidamente com fissuras e machucados, inclusive, sangrando.

Curta e compartilhe esse post nas redes sociais:
Pinterest