6 meses de Caê | Macetes de Mãe

6 meses de Caê


10 de agosto de 2015

Neste sábado, dia 08, Cae completou 6 meses de vida. Fase que eu adoro, como já comentei na fanpage do MdM. Quando os bebês são bem novinhos, acho uma delícia, mas acabo ficando meio tensa, porque eles são muito sensíveis e frágeis. Só que aí, conforme o tempo vai passando, eles vão ficando mais fortinhos, mais espertinhos, mais interativos, e aí tudo fica mais fácil e mais gostoso.

Para mim, aquela máxima de que criança é igual a vídeo game (a próxima fase é sempre mais difícil) não faz sentido. Para mim, a próxima fase é sempre mais gostosa, mais cheia de delícias que eles nos presenteiam todo santo dia.

E para marcar e celebrar os 6 meses do Caê, fiz esse post com alguns marcos desse período que tanto curto.

cae destaque
Cae com 6 meses

Caê chegou aos 6 meses medindo 66cm e pesando 6.830g.

Caê não é um bebê grandão, mas fez a alegria da mamãe recuperando o peso que andava baixinho (2 meses doentes, mas no último mês ganhou 800g e eu comemorei muito).

Caê ficou 2 meses doentinho e isso quase fez parar meu coração. Ele teve uma bronquiolite aos 3meses e meio, ficou internado três dias e, depois que saiu, acabou tendo uma recaída e só melhorou depois de 40 dias de fisioterapia respiratória e muita medicação. Essa foi a fase mais difícil até agora. Eu fiquei péssima. Hoje, comemoro que isso ficou para trás e rezo toda santa noite para ficar bem longe.

Como Caê não estava ganhando muito peso nos últimos meses (em 3 meses ele ganhou apenas 700g), optamos por iniciar a introdução alimentar dele um pouquinho antes dos 6 meses. E para a minha alegria, correu tudo bem. Cae aprendeu a comer rapidinho e hoje já faz algumas refeições com sólidos.

A fruta favorita do Caê é pera. Ama de paixão e como tudo que a gente serve. :-)

Caê dorme mal à noite. Acorda várias vezes, quer peito, colo, carinho, aconchego. E a mamãe está lá para atendê-lo, pois essa de deixar criança chorando não é comigo (Leo só foi dormir uma noite inteira com 12 meses. Se aqui for assim, juro que até agradeço).

Caê é curioso e quer pegar tudo. Na hora que ele vai para a banheira e o trocador é um desafio. Muita coisa vai parar no chão.

Caê segura bem objetos e já passa-os de uma mão para a outra.

Caê adora brincar com os pés. Vive tirando os sapatos e as meias.

Caê leva tudo à boca (fase oral forte por aqui) e eu me derreto quando o que para por lá são os seus pezinhos.

Caê é calmo, mas não gosta de ficar sozinho e ama um colo. Se eu preciso de uns minutinhos de folga para fazer algo, tenho que deixá-lo com vários brinquedinhos por perto. E mesmo assim não dura muito.

Cae é sorridente e doce. Sorri até para estranhos.

Ele já me reconhece. Se está no colo de alguém e eu chego perto, falo com ele, ele se inclina para frente para vir para o meu colo.

Caê adora fazer biquinho e beicinho para chorar. E eu mooooooooorrrro quando ele faz isso!

cae pezinho
Caê fazendo biquinho, tentando tirar os sapatos e colocar o pé na boca.

Caê balbucia alguns sons e adora fazer “brrrrr” com a boca (imitando o som de carrinho). Fofo, fofo!

Caê tem a gargalhada mais gostosa da face da terra. Uma delícia de se ouvir.

Caê tem cócegas no pescoço. E é claro que eu o encho de beijos aí para ouvi-lo gargalhar.

Caê morre de amores pelo irmão. Quando o vê, abre aquele sorrisão e mexe os bracinhos animado.

Caê é um bebê alegre, conquistador e apaixonante. E a mamãe babona aqui morre de amores a cada nova descoberta ou travessura do pequeno.

 

Veja também esse video sobre introdução alimentar e sobre como preparar as primeiras papinhas: