Como iniciar uma conversa com meninas

Há muito tempo atrás, uma amiga me encaminhou um texto para eu ler e compartilhar no blog. Ela sabia que eu iria gostar e que seria bastante útil para várias outras pessoas (bom, isso, pelo menos, foi o que a gente pensou). Na época, eu estava super enrolada, com o Léo ainda bem novinho, e acabei não podendo fazer a tradução do texto para compartilhar aqui com vocês (ele havia sido publicado num blog gringo).Mas, há pouco tempo, me [...]

Continue lendo

8 Dicas do nosso Instagram

Quem acompanha o blog sabe que já há algum tempo eu e o Léo estamos também lá no Instagram.  :-) E, mais... que as dicas que eu compartilho lá são diferentes das que compartilho aqui e na página do Facebook. Por isso, hoje resolvi reunir aqui, nesse post, algumas informações bem relevantes que andei divulgando no Instagram, para vocês terem uma palhinha do que rola por lá. [...]

Continue lendo

Sobre castigo e educação

Semana passada eu li uma matéria muito boa da revista Pais & Filhos sobre o tema castigo. Gostei tanto que resolvi vir aqui, compartilhar com você os principais pontos abordados. Depois que temos filhos, uma das nossas principais preocupações é como iremos criá-los, educá-los, ensiná-los. Como iremos impor limites, dizer não, proibir essa ou aquela atitude. E nesse cenário é que entra a questão do castigo. [...]

Continue lendo

Sai a escolinha, entra a babá

Quem acompanha o blog já há algum tempo sabe que quando o Léo tinha oito meses e meio eu optei por colocá-lo na escolinha meio período. Isso porque eu precisava ter um pouco de tempo livre, precisava de tempo para trabalhar, produzir e me dedicar ao Macetes de Mãe (coisa que eu adoro!) e também achava que seria legal para ele conviver com outras crianças. [...]

Continue lendo

A medida certa do não

Quando nossos pequenos são bem pequenos mesmo, basicamente nossa função como pais limita-se a dar muito carinho e suprir suas necessidades básicas. Mas conforme eles vão crescendo, a nossa participação na vida desses serzinhos vai se tornando mais complexa.   Percebi uma mudança significativa na minha função como mãe quando o Léo adquiriu mobilidade. Ou seja, antes, quando eu o colocava sentadinho em algum lugar e ele lá [...]

Continue lendo

Um mês do Léo na escolinha

Está fazendo um mês que o Léo está na escolinha, e como prometido, voltei para contar como as coisas estão andando nesse período de pós adaptação. Como já comentei em outro post, a adaptação do Léo durou duas semanas (na verdade, seis dias, pois começou numa terça a na semana seguinte teve carnaval) e foi bem tranquila. Ele ficou super bem, não estranhou nada, e eu também encarei com naturalidade essa primeira experiência [...]

Continue lendo

O que levar em conta na hora de escolher uma escolinha para deixar o bebê

Como vocês já sabem, estou na semana cujo tema dos posts giram em torno do início do Léo na escolinha. Já fiz dois textos sobre isso, um falando sobre o processo de decisão que nos levou a optar por essa opção e outro comentando minhas impressões sobre o primeiro dia de adaptação do Léo. Pois bem, hoje é o dia de falar a respeito do que analisar na hora de fazer a escolha da escolinha que vamos deixar nossos babies. Essa escolha é [...]

Continue lendo

O primeiro dia do Léo na escolinha

Agora, quase 22 horas, paro e sento para escrever esse post. E acho que só nesse momento estou percebendo a importância do dia de hoje. As últimas 16 horas foram tão corridas que nem tinha me dado conta de que hoje eu comecei, realmente, a cortar o cordão umbilical que me liga ao Léo. Hoje, iniciei, de uma forma muito sutil, um processo extremamente importante e necessário na vida de qualquer mãe, pai e filho: o processo de dar ao filho [...]

Continue lendo

Hora de voltar ao trabalho. E agora? Babá, escolinha ou avó?

Acredito que, uma das primeiras grandes e importantes decisões que nós, mães e pais, temos que tomar após o nascimento dos nossos filhos é o que fazer com o bebê quando se volta a trabalhar. As opções não são muitas, basicamente as alternativas se resumem a babá, escolinha ou avós (ou algum outro parente), mas já é o suficiente para nos deixar doidas, sem saber exatamente o que decidir e o que é o melhor para nossos [...]

Continue lendo