Dica do exército Israelense para tirar areia dos olhos de criança

Dica do exército Israelense para tirar areia dos olhos de criança


18 de Maio de 2016

Nesse final de semana, estava brincando com os meninos numa pracinha perto de casa. Por acaso, chegou a mãe de um coleguinha do Leo e ficamos conversando. Num dado momento, Caê começou a chorar muito e logo percebi que ele havia jogado areia no rosto (ele brincava na caixa de areia da pracinha) e havia entrado nos olhos.

Na hora, me desesperei, pois na pracinha não havia uma torneira próxima e eu também não tinha levado água para poder lavar os olhos do Caê. E, imediatamente, a mãe do coleguinha do Leo me deu uma dica que eu nunca havia ouvido falar. Ela disse: “Shirley, lamba os olhos do Caê.”. Olhei para ela com uma cara tão surpresa que ela repetiu: “Isso mesmo, lamba os olhinhos dele. Passe a língua sobre os olhos. Isso irá tirar a areia que você não conseguirá tirar com a mão, com um paninho, com nada (talvez com água, se ali eu tivesse).”.

crianca chorando 3
Photo Credit: Phil Dragash via Compfight cc

Na hora, confesso que me deu um nojinho. Ou melhor, um nojão, afinal, era areia da caixinha de areia da praça que ia parar na minha boca. Mas entre eu ter que tomar remédio para vermes depois ou deixar o meu filho chorando com os olhos cheio de areia, escolhi a primeira opção. E lá fui eu lamber os olhos do Caê. E lambi uma, duas, três, mais vezes. Sob os olhos apavorados de quem estava em volta.

E querem saber? Funcionou 100%. Depois de umas boas lambidas eu tirei toda a areia dos olhos do Caê.

Sei que nesse momento vocês estão morrendo de nojo, mas me respondam: Que mãe não faz qualquer coisa para acabar com o sofrimento de um filho? E olha que areia nos olhos não é pouca coisa não. Incomoda e muita.

Depois, com mais calma, dei um jeito de encontrar uma torneira e lavei a boca. E essa semana vou tomar remédio para vermes. Simples assim.

E assim que a loucura havia passado, perguntei para a mãe do coleguinha do Leo de onde ela tinha tirado essa dica, e ela me respondeu: “Quem me disse para fazer isso foi uma amiga minha que era do Exército Israelense. Ela aprendeu lá.”.

Bom, funcionou e, então, resolvi compartilhar a dica com vocês aqui.

Se tiverem condições de lavar os olhos da criança com água quando acontecer um acidente como esse, melhor. Mas se não tiverem (estão na praia, sem água por perto), não tenham dúvidas: lambidas já! Sem peso na consciência (depois um vermífugo resolve tudo).

Detalhe importante: dei a dica no Snapchat (o perfil é “macetesdemae” para quem quiser seguir) e muitas seguidoras confessaram que os pais usavam essa técnica quando elas eram criança. Pelo visto, é tática antiga de pai e mãe que precisam se virar.