Mensagem de dia das mães

Mensagem de dia das mães


12 de Maio de 2013

Tentar engravidar por meses, às vezes anos. Ver seu corpo mudar, semana a semana. Redecorar a casa. Muitas vezes trocar de casa. Comprar o enxoval, lavar o enxoval, guardar o enxoval. Ficar olhando para o enxoval e se emocionar imaginando como será a carinha do serzinho que está para chegar. Começar a dormir mal aos cinco meses de gestação e nunca mais voltar a dormir como antes. Ter desejo de jaca, da sopa da avó ou de um simples chá de camomila. Ou de nada disso. Enjoar meses a fio, de manhã, de tarde e de noite. Ou não ter um único enjôo sequer. Ver sua barriga crescer e sentir uma vida mexendo dentro de si. Se emocionar por tudo, chorar por nada, rir à toa. Sentir que o tempo voa durante oito meses e que se arrasta no nono. Contar as semanas, os dias, as horas. Aguardar a chegada do grande dia. Sentir as dores da contração, sentir seu coração sair pela boca, sentir seu corpo se separar em dois. Colocar uma nova vida no mundo. Amamentar, cuidar, acalentar. Chorar por não saber o que fazer. Chorar por não saber a causa do choro. Rir de alegria. Rir de nervoso. Acompanhar cada pequena mudança. Vibrar a cada pequena conquista. Lembrar qual foi o primeiro brinquedo. Saber qual foi brinquedo favorito. Entender o que os olhos dizem. Entender o que as palavras ainda não falam. Não saber mais ficar longe. Viciar no calor, no cheiro, na pele. Se emocionar com o primeiro dente, vibrar com o primeiro passo. Começar a temer o futuro. Começar a rezar por ele. Ter certeza que a vida nunca mais será a mesma. E ter uma certeza ainda maior, de que agora sim, ela vale a pena ser vivida.

Tudo isso, e muito mais que não se pode traduzir em palavras, é ser mãe!

Feliz dia das mães!

Com muito carinho, Shi e Léo. :-)