Qual a posição mais segura para o bebê dormir

Qual a posição mais segura para o bebê dormir


11 de Março de 2015

Quando o Leo nasceu, eu fiquei neurótica com essa história dele ter que dormir de barriga para cima. Tudo que eu tinha lido e ouvido dizia que o bebê deve dormir de barriga para cima, já que, em outra posição, correria mais riscos de sofrer morte súbita.

Só que aí passei a ouvir também relatos de mães que moravam em outros países e elas falavam que lá a posição indicada era outra – quase sempre de lado. Ou então, o relato de avós, de mães que foram mãe em outra época, também dizendo que a posição mais segura no tempo delas não era essa de hoje.

qual a posicao mais segura para o bebe dormir
Photo Credit: Philippe Put via Compfight cc

Ou seja, cada uma estava dizendo uma coisa e o que, afinal, era o certo? Qual é, definitivamente, a melhor posição para o bebê dormir?

Confesso que bem que eu tentei, mas unanimidade mesmo não há nesse quesito. Alguns pediatras ainda preferem que o bebê durma de lado e estas recomendações mudam de tempos em tempos mesmo, conforme os avanços da ciência e da medicina, por isso que é bom ouvir as nossas tias, mães e avós, “pero no mucho”. O que é certo mesmo é que a posição de bruços está vetada.

Isso quer dizer que você pode ter um pediatra que diga que seu bebê pode dormir de lado, mas a maioria das informações que encontrei diz que, sim, o melhor é que ele fique de barriga pra cima.

É esta a recomendação da Academia Americana de Pediatria, de hospitais-maternidade como o Albert Einstein, em São Paulo, e o que está escrito também no site do Dr. Drauzio Varella, uma fonte bastante confiável.

Toda essa questão sobre a posição de dormir está ligada a um problema chamado Síndrome da Morte Súbita Infantil. É quando os bebês de até um ano – mas mais comumente até os quatro meses – morrem dormindo, sem causa aparente. É de cortar o coração pensar nisso, mas é um problema que mata entre 5 a 10 bebês a cada 10 mil crianças só no Brasil.

Pode parecer pouco, mas a dor dessas famílias é inimaginável, ainda mais por ser algo que a medicina ainda não conseguiu explicar totalmente. Acontece com bebês saudáveis e, mesmo depois dos exames de autópsia, os médicos não conseguem encontrar qualquer causa que explique essas mortes meio que misteriosas.

Analisando muitos casos pelo mundo ao longo de muito tempo, porém, descobriu-se que os riscos de isso ocorrer diminuem em 50% quando os bebês dormem de barriga pra cima. O medo das mães de quando nessa posição o filho engasgar com um vômito ou regurgitar e não conseguir respirar são mínimos, já que a cabecinha dos bebês tende a virar para o lado, evitando que isso ocorra. Além disso, se ele engasgar, provavelmente irá tossir ou chorar, você irá ouvir e terá tempo de acudi-lo.

Já virado de lado ele pode mais facilmente se movimentar para ficar de bruços e aí sim estão os perigos: ele se sufocar com o rosto no colchão, ele respirar constantemente o gás carbônico que ele próprio expirou e ficar sem oxigênio e a temperatura na região do rosto aumentar muito, todas situações que poderiam se agravar de maneira silenciosa e só percebidas tarde demais. Para que arriscar, não é mesmo? Deixe para treinar o equilíbrio e fixação do pescocinho colocando-o de bruços quando ele estiver acordado e você por perto.

Outro cuidado que se deve tomar é com o que está dentro do berço. Prenda bem lençóis e cobertor e evite deixar bichos de pelúcia ou um monte de cacarecos dentro quando o bebê estiver dormindo. Eles podem cair em cima do bebê, que ainda não consegue afastá-los. Os especialistas também alertam para o perigo do bebê dormir na cama dos pais. Com mais travesseiros, lençóis e pessoas, aumenta também o perigo de algo bloquear a respiração da criança.

Por fim, duas dicas sobre os cobertores. Não exagere nas roupinhas, passar calor é um risco para a ocorrência de problemas durante o sono. E deite seu bebê com os braços para fora do cobertor, de preferência com os pezinhos dele encostando nos pés do berço. Isso ajuda a evitar que ele escorregue para dentro do tecido e fique sem ar por lá.

>>> Confira o passo a passo para fazer a Técnica do Ninho que ajuda o bebê a dormir melhor: