Ansiedade atrapalha a gravidez? | Macetes de Mãe

ansiedade atrapalha a gravidez

Ansiedade atrapalha a gravidez?


6 de outubro de 2019

A gente sabe que sentir ansiedade demais pode nos atrapalhar e muito. E na gestação? Será que ansiedade atrapalha a gravidez? Se sim, quanto que atrapalha? Será que passamos esse sentimento para o bebê?

É bom a gente buscar conhecimento sobre isso, afinal a gestação é uma das fases mais importantes na vida da mulher. Então, como podemos fazer desse período uma fase tranquila, sem ansiedade?

Quem explica pra gente se ansiedade atrapalha a gravidez é o nosso colunista Dr. Alfonso Araújo, ginecologista e obstetra. Confira!

Ansiedade atrapalha a gravidez?

A gravidez é um momento especial na vida de qualquer mulher. Mas, este também é um período onde muitas dúvidas acabam surgindo. E uma das principais é se a ansiedade atrapalha a gravidez.

Há alguns meses atrás, uma paciente chegou até mim com dificuldades para engravidar, mesmo sendo considerada saudável e com boa fertilidade.

Foi então que em uma conversa detalhada a expliquei como questões emocionais podem desencadear mudanças físicas que atrapalham o processo de fecundação. E como essa é uma dúvida muito recorrente entre as mulheres, decidi fazer um post explicando mais sobre o assunto.

Como a ansiedade atrapalha a gravidez?

A ansiedade pode sim atrapalhar a gravidez. E isso acontece porque esse sentimento altera diretamente a produção de hormônios.

A ansiedade para ser mãe acaba gerando um desequilíbrio hormonal no corpo da mulher. E isso pode interferir em vários aspectos ligados a fecundação, tais como:

• Irregularidade nos ciclos menstruais;
• Queda na produção de hormônios importantes para a fertilidade;
• Inibição da ovulação.

Tudo isso ocorre porque a ansiedade aumenta a produção de Epinefrina, um hormônio que deixa o corpo bastante tensionado.

Consequentemente, isso dificulta a fecundação, uma vez que atrapalha a locomoção dos espermatozoides, bem como a fixação dos óvulos fecundados na parede uterina.

A ansiedade também pode atrapalhar a fertilidade do homem

Assim como ocorre nas mulheres, o homem também pode apresentar uma série de problemas decorrentes da ansiedade que comprometem a sua fertilidade, tais como:

• Desequilíbrios hormonais;
• Problemas de ejaculação;
• Disfunção erétil;
• Diminuição do ímpeto sexual.

Ou seja, o estado emocional de ambos os parceiros pode dificultar a fecundação, fazendo que a
gravidez demore cada vez mais.

Como evitar a ansiedade e suas consequências para a fertilidade

Agora que você já sabe como a ansiedade atrapalha gravidez, darei algumas recomendações para casais que estão ansiosos para ter um filho, e que estão em busca de técnicas de reprodução assistida para que esse sonho se torne realidade. Nesse caso, a primeira atitude que o casal deve tomar é:

Converse com especialistas

A informação é uma das coisas que vai trazer mais tranquilidade tanto para a mulher como para o homem. A maioria dos brasileiros que deseja realizar procedimentos como FIV (fertilização in vitro), por exemplo, não sabe realmente como funciona cada técnica de reprodução assistida, e isso aumenta a ansiedade.

Então procure especialistas. Dependendo do caso é indicado até mesmo procurar um psicólogo para que o casal consiga absorver melhor as informações sobre o processo.

Seja paciente

Para muitos casais, ter paciência é um dos pedidos mais difíceis, mas nesse caso o fator paciência é fundamental. Um casal totalmente saudável pode levar até 12 meses para conseguir engravidar. Por isso, não se deve perder as esperanças ou ficar extremamente ansioso(a) se no primeiro mês após o processo de tratamento, não houve um resultado positivo.

Mantenha uma rotina saudável

A rotina saudável é benéfica de duas formas. Primeiramente ela vai ajudar o organismo da mulher e do homem a se manter saudável e eficiente, inclusive no que diz respeito ao sistema reprodutivo. E além disso, a prática de exercícios físicos, em específico, aumenta a produção de serotonina. Esse é um hormônio de bem-estar e prazer que ajuda a reduzir os efeitos do cortisol, que é a substância responsável tanto pelo estresse como pela ansiedade. Ou seja, você terá mais tranquilidade.

A ansiedade atrapalha gravidez, mas, pode ser combatida com as dicas acima e também com orientações de profissionais. Por isso, meu maior conselho é que o casal que está interessado em ter um filho por meio de técnicas de reprodução assistida, procure uma clínica especializada para obter todas as orientações necessárias.

CONHEÇA MEU LIVRO: “GRÁVIDA E PRÁTICA – UM GUIA SEM RODEIOS PARA A MÃE DE PRIMEIRA VIAGEM”:

PARA COMPRAR O LIVRO, CLIQUE:

Amazon: https://amzn.to/2S6NI8P
Livraria da Travessa: http://bit.ly/2PMLj10
Venda online com entrega em todo o Brasil