Como escolher o sapato da criança no primeiro ano | Macetes de Mãe
sapato da criança

Como escolher o sapato da criança no primeiro ano


14 de junho de 2018

O bebê ainda está na barriga e já possui diferentes modelos de sapatos. Sim, a gente comete esses excessos, sobretudo com o primeiro filho. O problema é que, quando cometemos esses exageros, não sabemos ainda que o sapato da criança tem mais do que um valor estético ou de moda. Ou seja, a escolha do sapato, principalmente a partir do sexto mês de vida, representa um papel importante no desenvolvimento fisiológico dos pés do bebê.

Durante os primeiros seis meses, o bebê não precisa de sapatos. Nesse período, de fato, o sapato da criança tem apenas o valor estético ou, no máximo, serve para agasalhar o pezinho. Então, nesse período, o uso de meias são o bastante para proteger e manter os pés quentinhos.

Só que, logo que o bebê começa a engatinhar e depois dar os primeiros passinhos, o sapato passa a ter um papel fundamental. E é aí que o bicho pega, pois o que muita gente não sabe é que escolher o sapato da criança é uma tarefa muito importante, que precisa atender às necessidades de desenvolvimento fisiológico dessa parte do corpo.

Por isso, é fundamental tomar muito cuidado na hora de escolher o sapato da criança, pois ele precisa garantir conforto e contribuir para o movimento de pisada correta (não esqueça disso nunca!).

Tendo isso em mente, decidi fazer o post de hoje, onde compartilho com vocês algumas dicas para escolher o sapato mais adequado para seu filho, dos 6 até os 12 meses vida.

Qualidades a serem observadas ao escolher o sapato da criança no primeiro ano de vida

Dos 6 aos 9 meses

Nessa fase, é preciso ficar mais atento ao material do sapato. Ele deve ser produzido com material flexível, macio, leve e respirável. É indicado o formato ser arredondado porque deixa o pé mais livre para se mexer. E claro, precisa ser um sapato fácil de colocar e tirar.

Dos 9 aos 11 meses

Geralmente, por volta dos 9 meses, os bebês começam a engatinhar. O sapato precisa garantir flexibilidade e segurança. É muito importante escolher um sapato com sola macia e flexível. Precisa sustentar o movimento natural dos pés da criança enquanto ela engatinha explorando o ambiente.

A partir dos 12 meses

A partir dessa idade, os bebês começam a dar os primeiros passos e aí precisamos escolher o sapato ideal. Quando isso acontece, os pés começam a receber mais estímulo para o seu desenvolvimento motor. É, portanto, nessa fase que fortalecem os músculos e começa a formação correta do arco do pé. É fundamental escolher um sapato que tenha um solado flexível, porque ele precisa suportar o movimento correto do pé ao pisar. A palmilha também é outro item a considerar. Ela precisa estimular delicadamente a sola do pé do bebê, assim como é estimulada quando ele anda descalço. O sapato precisa, de certa forma, transmitir segurança aos pequenos e ajudar no movimento da pisada correta.

Vale para todas as idades

Os sapatos não devem apertar os pés da criança de forma alguma. Aquela regrinha de nossas mães e avós, é muito válida: quando você apertar a ponta do sapato da criança com seus dedos, tem que sobrar um espaço entre o dedão da criança e a ponta do sapato. Assim, evita que o dedão do pé fique apertado.

Os bebês crescem muito rápido. Portanto, a cada três meses verifique se o sapato ainda serve.

Em qualquer fase da vida de uma criança, a escolha do sapato é essencial e precisa, sobretudo, respeitar e apoiar o desenvolvimento fisiológico do pé.

Assista também esse vídeo no Canal MdM, esse vídeo com um gia completo sobre o engatinhar do bebê:

Se seu bebê está começando a andar, assista a esse vídeo com 10 dicas que estimulam esse processo: