Enxoval do bebê - compras em Miami | Macetes de Mãe

Enxoval do bebê – compras em Miami


3 de abril de 2012

Uma das coisas que andam na moda ultimamente é fazer o enxoval do filhote nos Estados Unidos. Não tanto pelo glamour que isso envolve (pq não tem nenhum, na verdade), mas muito mais por uma questão de economia.

Miami é o paraíso das compras. Se for para fazer o enxoval de um bebê então, é de enlouquecer. Tudo menos de um terço dos preços do Brasil, de ótima qualidade e uma gracinha. Para se ter uma idéia, o carrinho Quinny Buzz, que é um dos mais comprados pela brasileirada lá fora, aqui custa R$ 4.000,00 e lá sai por 500 dólares.
Abaixo algumas dicas para quem quer investir alguns dias nessa jornada.

 

1. ANTES DA VIAGEM:
Sinceramente, eu sugiro que a viagem seja feita até o sexto mês de gravidez. Eu fui com 25 semanas e estava ok, mas a partir daí acho que já começa a ficar mais incômoda a viagem e muito mais cansativo por lá (sem contar que também é mais difícil de descansar por conta da viagem). É sempre importante dar uma passadinha no seu obstetra para ver se está tudo bem e para pegar o atestado que algumas companhias aéreas exigem para deixar a gestante embarcar. Eu liguei para o SAC da American que me informou que até 25 semanas não era necessário nenhum atestado, mas chegando no aeroporto a pessoa do checkin solicitou o tal atestado, provando o meu tempo de gestação. É um documento simples e qualquer obstetra fornece (alguns só dão o atestado em formulários impressos que são vendidos em farmácias – o meu, por exemplo. Eu procurei em várias e encontrei no Drogão da Praça Panamericana).

Também faça uma forcinha para chegar no aeroporto pelo menos 3 horas antes da partida do vôo para conseguir mudar seu acento para a primeira fileira. Essa fileira não pode ser reservada com antecedência, mas se vc puder mudar direto no check in vai fazer uma grande diferença (muito mais fácil para você ir várias vezes ao banheiro e você poderá esticar melhor as pernas). Também não esqueça de levantar e caminhar várias vezes durante o vôo.

 

2. COMPRAS VIA INTERNET:

Amazon: uma dica pessoal – compre tudo que puder antes, via internet, e mande entregar no hotel. Compre tudo pela Amazon e não irá se arrepender. Deixamos para comprar em Miami apenas roupinhas e alguns poucos itens que não eram comercializados pela Amazon e mesmo assim tivemos um trabalho danado. Comprando pela Amazon dá para escolher a marca com calma, pesquisar modelos e, principalmente, ler o reviews para ter certeza que está comprando algo bom (não deixe de fazer isso! É super confiável). Outras dicas importantes nas compras via Amazon:

1) compre sempre produtos que são vendidos e entregues pela própria Amazon e não por lojas parceiras que comercializam através dela, isso evitará atrasos na entrega;

2) atente para o prazo de entrega – a Amazon, por padrão entrega de 2 a 5 dias úteis (nossas compras chegaram em até três dias). Cuide isso para não mandar entregar as coisas muito antes no hotel (várias pessoas podem estar fazendo isso e suas coisas serem misturadas e perdidas) e nem para entregarem depois que você já tiver voltado;

3) escolha a forma de entrega que junta o maior número possível de itens para serem entregues juntos e não a forma que vai entregando conforme os itens ficam disponíveis, pois isso torna o frete mais barato;

4) se você se arrepender de alguma compra ou se não tiver como trazer o produto para o Brasil, em função do volume (isso aconteceu conosco) você sempre pode devolver o item comprado para a Amazon que ela faz o estorno descontando o valor do frete do valor total reembolsado. Para fazer a devolução é simples, basta acessar a sua conta Amazon, entrar no pedido do item e clicar na opção de devolução. Irá abrir na tela uma etiqueta de devolução que deverá ser impressa e fixada na caixa do produto (por isso, guarde algumas caixas quando vc receber as entregas da Amazon, elas podem ser úteis se vc precisar fazer uma devolução antes de voltar). Por fim, entregue o pacote na UPS mais próxima. Você não terá que pagar nada, o valor do frete será descontando do que você tiver que receber de reembolso. Fizemos isso com um brinquedo muito grande que foi comprado e deu super certo.

 

Carter`s: O que for roupinha básica, como bodies, pijamas, babadores, meias, macacõezinhos e outros itens de malha vale a pena comprar na loja da Carters (não sei como é o funcionamento do site e a entrega, mas vale a pena tentar descobrir). Deixei para escolher tudo isso lá, mas é tanta coisa para achar, escolher, decidir que vira uma confusão. Assim, fica a dica: tudo que for básico, ou seja, que for comprado na tradicional Carters, compre via internet que vai poupar trabalho e dinheiro (vai ter tempo de escolher, decidir e não se arrepender).

Alguns dos itens que comprei via internet e não me arrependi são: carrinho, bebê conforto, cadeirinha para carro (esses itens super indico comprar via internet pq não são tão fáceis de achar lá e vc poderá perder tempo rodando nas lojas até achar a marca e o modelo que quer), mamadeiras (Amazon vende a linha completa da Avent), itens de higiene e saúde (lenços umedecidos, pomada assadura, kit manicure,…), itens de cozinha (pratinhos, copinhos, talheres, esterilizador mamadeira,…), brinquedos, etc… Todos esses itens representam um volume significativo e vão fazer você perder bastante tempo se tiver que achar e escolher estando lá.

Outra dica importante: cadastre-se no site de algumas lojas/marcas com antecedência e receba no seu e-mail cupons de desconto que podem ser usados online ou em loja. Duas lojas que enviam cupons são a Carter“s e a OshKosh, duas lojas obrigatórias na compra de itens para bebês. A Bed Bath & Beyond também fornece cupons de 20% para quem se cadastra. Com certeza, você vai comprar algum item por lá (eu indico as space bags, para conseguir fazer caber tudo na mala. Explicarei isso melhor mais adiante).

 

3. TEMPO NECESSÁRIO PARA AS COMPRAS:

Eu indicaria, pelo menos, cinco dias de dedicação a essa tarefa: três para compras, um para tirar etiquetas, separar e guardar as coisas e um para descansar. Afinal, não dá para esquecer que nessa viagem a mamãe grávida está indo junto e é super cansativo. Tem que haver um tempinho livre para recuperar as forças no fim ou até no meio da aventura.

 

4. ONDE SE HOSPEDAR:

Super indico o hotel onde ficamos hospedados durante a nossa estada em Miami. Ele chama-se Daddy O Hotel (http://www.daddyohotel.com/) e fica em Bay Harbor Islands, ao norte de Miami (entre Miami Beach e Aventura). Ele tem excelentes reviews no sitewww.tripadvisor.com (está entre os 20 mais bem avaliados do site) e não nos decepcionou em nada. Sua localização é próxima da praia (3 quadras), do shopping mais elegante de Miami, o Bal Harbor (2 quadras) e de uma rua comercial com opções de restaurantes e serviços diversos (2 quadras). Pela localização, fica fácil de chegar ao outlet Sawgrass (a primeira parada para compras, definitivamente) e também a algumas lojas que vc irá passar, com toda a certeza, que ficam em Aventura (Babies R Us, Bed, Bath & Beyond, Aventura Mall, etc…).

Como ponto positivo do Daddy O eu destaco o serviço, que é muito bom, a possibilidade de fazer as compras via internet e entregar com antecedência no hotel (chegamos e as caixas já estavam todas no nosso quarto), o tamanho do quarto (tem que ser grande, pq você terá um volume absurdo de compras e precisará de espaço para guardá-las e manuseá-las) e a localização (o bairro é ótimo, tranquilo, e de fácil acesso a vários locais que precisamos ir).

O ponto negativo é o barulho se vc ficar hospedado em um dos quartos do primeiro andar. Você escuta tudo que acontece no andar de cima. Na primeira noite ficamos no primeiro andar (são só dois) e mesmo tendo que encarar escadas com as compras (não há elevadores, outro ponto não muito positivo) optamos por mudar para o segundo andar. Tirando esse inconveniente, nossa estada foi perfeita.

 

5. COMPRAS – OUTLETS, LOJAS E MARCAS:

 

SAWGRASS (http://www.simon.com/mall/?id=1262):

Como eu já comentei, a primeira parada DEVE SER o outlet Sawgrass. Você vai encontrar tudo de roupinhas aqui. Ele fica aberto de 10 a 21h30min de segunda a sábado e aos domingos de 11 a 18h. Ao chegar no outlet, alugue, por cinco cólares, um carrinho para carregar as compras e para você sentar e descansar um pouco enquanto vai de uma loja para outra (na frente tem uma cesta que vira um banquinho também. Eu ia de uma loja para a outra sentada ali, com o meu marido empurrando o carrinho. Coitado! Mas foi bom para não cansar muito).

Outra dica é procurar o centro de informações e comprar o caderninho de descontos. Você compra um bloco com vários cupons de desconto, por 10 dólares, e vai utilizando-os nas lojas. Em uma única compra você já tira o que foi investido. Vale super a pena.

As lojas que devem ser visitadas nesse outlet são as seguintes:

 

Carter`s (http://www.carters.com): se vc não comprar via internet, essa é a primeira parada. É onde vende o básico e as coisas mais sem gracinha. A organização da loja não ajuda muito no trabalho. É tudo meio confuso. Eles separam por tipo de roupa e não por idade, então pode confundir um pouco. Outro detalhe é que eles vendem uns kits, então se vc for com uma listinha de compras com as quantidades necessárias, isso irá confundir um pouco as coisas (mas os kits acabam sendo os mais bonitinhos e não dá para deixar de comprar). Eles também vendem babadores, meias, mantinhas de malha, etc… Enfim, é bem o básico, roupinha do dia a dia. Importante: no final da sua compra na Carter`s vc ganha cupons no valor de 10% da sua compra para gastar na sua próxima compra. Assim, não passe todas as suas compras de uma vez só. Calcule o total e deixe uns 10% para trás. Depois volte e compre esses itens com os cupons que vc tem. Outro detalhe, eles não fornecem carrinho de compras. Ou vc utiliza o carrinho que alugou na entrada do outlet ou pode pedir para separarem uma arara e aí vão colocando as roupinhas penduradas lá. As araras ficam identificadas com o nome do comprador. É uma opção prática.

 

OshKosh (http://www.carters.com/oshkosh): é outra marca da Carters que eu, particularmente, gostei mais. Como no Sawgrasse elas ficam muito próximas, quase que em frente uma da outra, antes de comprar todo o básico na Carters vale a pena dar uma passada na OshKosh para ver o que tem por lá. Muito do básico também tem nessa loja e é mais bonitinho que na Carters. Mas aqui também vende roupinhas mais charmosas e com certeza vc vai encontrar o que comprar (principalmente se seu bebê for um menino, tem coisas lindas). Funciona no mesmo esquema da Carter`s: você ganha 10% do valor da compra em cupons para gastar na próxima compra. Assim, não compre tudo de uma vez, deixe umas roupas para trás e volte em seguida para finalizar a sua compra utilizando os cupons que ganhou.

 

Children`s Place (http://www.childrensplace.com): quase como a Carters. Comprei pouca coisa aqui porque já havia feito as compras na Carters. Mas vale a passada pq é no mesmo corredor da Carters, quase ao lado, e vc vai encontrar aqui o que não encontrar na Carters. Informações no site do Sawgrass:http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=76635

Gymboree( http://www.gymboree.com): também vende algumas coisas básicas mas já vai melhorando e ficando mais diferenciadas as peças. É do ladinho da Carters, vale a passada, definitivamente. Informações no site do Sawgrass:http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=58888

Hartstring (http://www.hartstrings.com): é onde a gente começa a pirar. As roupas aqui são divinas, fabulosas, lindas! É uma marca super charmosa, estilosa e de ótima qualidade. Definitivamente, uma das minhas favoritas! Claro que o preço acompanha (as peças, como um macacão ou um conjuntinho, ficam em torno de 50 dólares), mas sempre dá para achar algumas opções com ótimos descontos. Quando estivemos lá, encontramos descontos que iam de 25 a 75%. Compramos muita coisa com 75% de desconto, então o que custaria U$ 50 saiu por U$ 12,50. Considerando a qualidade e o charme, foi o melhor custo benefício de todos. Informações no site do Sawgrass:http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=63865

 

Todas as lojas que eu citei acima ficam no mesmo corredor do Sawgrass, por isso eu indico começar a aventura por aqui e, inclusive, nessa ordem. Saindo desse corredor, ainda vale a pena passar nas seguintes lojas:

 

Polo Ralph Lauren Children`s Factory Store:(http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=60448): as roupas são uma graça, mas já são mais carinhas (claro que ainda bem mais em conta que aqui no Brasil). Fique de olho nas promoções e não esqueça que vc pode ter algum cupom de desconto lá no caderninho que comprou no início da aventura.

 

Tommy Hilfiger Kids (http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=68937): similar às roupas da Polo. Vale a pena passar. Informações no site do Sawgrass: http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=68937

Marshalls (http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=71293): aqui está uma dica imperdível, de quem já tem uma boa experiência de compras nos EUA. Essa loja vale a passada sempre que você estiver por lá. No quesito baby ela é excelente também. Vende diversas marcas, como Carters, Tommy, Polo, Calvin Kleinm só que com preços bem menores do que os do outlet das próprias marcas. Ou seja, roupas Polo aqui na Marshalls são bem mais baratas do que na própria Polo. Na verdade, é o local onde se encontram os melhores preços para roupas de crianças. Essa loja tem no Sawgrass e no Dolphin, outro outletm e também há algumas lojas de rua. Se tiver tempo, vá a mais de uma que vale a pena garimpar. O ponto negativo é que ela é bem bagunçada, então você pode perder um tempinho aqui. Mas como as roupas de bebês estão todas juntas, também não se torna um grande problema. Miami tem várias Marshalls, procure as mais próximas do seu hotel e VÁ. Você não vai se arrepender. A Ross e a TJ Max são outras duas lojas que seguem esse mesmo conceito (vende de tudo e mais barato que outlet), mas eu, particularmente, gosto muito mais da Marshalls. Informações no site do Sawgrass: http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=71293

Motherhood (http://www.motherhood.com/): loja de roupas para gestantes. As roupas não são muito bonitas, mas comprei duas calças jeans legais por menos de 40 dólares cada. Também comprei uma blusa de inverno e uma de verão que super valeram a pena. Só que tem que garimpar. Já que você estará no outlet mesmo, vale a pena a passada. Informações no site do Sawgrass: http://www.simon.com/Mall/TenantDetail.aspx?id=1262&tid=60414

DOLPHIN (http://www.shopdolphinmall.com/):

O Dolphin é o outro grande outlet de Miami. Vende todas as marcas de bebê que vende o Sawgras, mas os valores me pareceram mais caros e tem menos promoções. Nesse outlet, a melhor loja para mim foi a Marshalls, sem sombra de dúvidas. Se não tiver muito tempo na sua viagem, dê prioridade ao Sawgrass e deixe de fora o Dolphin.

 

OUTRAS LOJAS:

Babies R Us: ( http://www.toysrus.com/shop/index.jsp?categoryId=2255957&ab=BRU_Header:BRU-Logo:Home-Page) Vende tudo para bebês. Eu indico passar nela no segundo dia de compras, para comprar tudo que não foi comprado na Amazon. Alguns itens, como bomba de tirar leite, não encontrei na Amazon o modelo que eu queria (só vendida por um parceiro, mas aí não quis arriscar) aí fui comprar na Babies R Us. Outro sitens que não tem na Amazon são cremes para estrias, pomadas para seio, sacos para guardar leite congelado (itens das marcas Mustela e Lansinoh), etc… Para esses casos, quando não encontrar na Amazon, minha dica é ir direto na Babies R Us. Tem várias em Miami, nós fizemos as compras em uma próxima do shopping Aventura Mall. Lá encontramos tudo que precisávamos e a loja não era muito cheia, o que facilitou. Aqui também dá para comprar algumas roupinhas. Vende basicamente Carters, mas opções mais bonitinhas que as do Outlet. Como vira e mexe tem bons descontos, vale a pena também dar uma olhada nisso. Outro detalhe: eles também vendem pela internet, mas não sei como é o prazo de entrega (e o seu cumprimento, principalmente). Por esse motivo, prefiro continuar indicando a Amazon para compras online. Não tem erro.

 

Pottery Barn Kids (http://www.potterybarnkids.com): vende coisas fabulosas de decoração. Infelizmente, não tive tempo de passar nessa loja, mas super indico (pesquisei muita coisa antes pelo site). É um sonho.

 

Nini & Loli ( http://www.niniandloli.com/): é uma loja pequena de coisas para bebê, mas super charmosinha e que vende algumas coisas que vc não encontra com facilidade em outros lugares. Entre essas coisas estão carrinhos de bebê e forros para carrinhos. Uma amiga comprou ou carrinho aqui e eu comprei o forro/colchãozinho do carrinho Quinny. O Quinny é um dos modelos de carrinho mais vendido para brasileiros e é legal ter um ou dois forros/colchões para proteger o acento e até deixar mais confortável para o bebê (atualmente eles vendem na loja os forros da marca NiLo). Eles são vendidos via site da marca (não indico, em função do tempo de entrega) e também podem ser encontrados na loja da Nini & Loli. Essa loja também vende itens da marca Skip Hop, que foi uma marca que eu descobri nas pesquisas na Amazon e amei. Tudo é super charmoso e de ótima qualidade (confirmei quando vi ao vivo). Se precisar forro para o carrinho Quinny, o destino da compra é aqui. Endereço: 20335 Biscayne Boulevard L 22-23 Aventura, FL 33180

 

Destination Maternity (http://www.destinationmaternity.com/): é uma das melhores lojas para comprar roupa para gestantes. Não cheguei a ir, mas pelo que sei vende de tudo. Tem uma no Aventura Mall. Vende coisas melhores e os preços não chegam a ser baratíssimos, mas em se tratando de EUA, é sempre melhor que Brasil e pode haver ótimas promoções.

 

MARCAS:

Algumas marcas de produtos que me foram indicadas ou que descobri em minhas pesquisas e que vale a pena dar uma olhada quando for fazer as compras nos EUA:

Philips Avent: é uma das melhores e mais vendidas marcas de mamadeiras e outros itens relacionados. Comprei as mamadeiras, escovas de mamadeira, estirilizador de mamadeira, chupeta e copinho com alça dessa marca.

Skip Hop (http://www.skiphop.com/): itens de ótima qualidade, moderninhos, charmosos e “inteligentes”. Comprei deles o kit berço (foi o único que gostei do visual, pois era mais moderninho), brinquedos do tema do kit berço, trocador portátel, bolsa de fraldas (vale a pena dar uma olhada no modelo Bento, que tem um espaço para armazenar alimentos com proteção térmica e também um dispositivo para fixar a bolsa no carrinho), entre outros.

Safety First (http://www.safety1st.com): comprei deles principalmente itens de higiene e saúde, pois encontrei ótimos reviews da marca no site da Amazon. A compra acabei fazendo na Babies R Us, pq a venda na Amazon era através de parceiros, mas indico dar uma olhada nessa marca quando for fazer as compras (ela também me foi indicada por quem já a usa).

 

6. ONDE COMER:

Bom, essa é uma viagem de compras, mas todo mundo tem que comer e, principalmente gestantes não podem comer mal. Alguns lugares que descobrimos ou revisitamos e indicamos uma passada são:

 

No outlet Sawgrass:

Grand Lux Café (http://www.grandluxcafe.com): chegando no Sawgrass, antes de abrirem as lojas, tomamos um belo café da manhã no Grand Lux Café. É da mesma rede do Cheese Cake Factory e tem um bom custo benefício. Tudo delicioso. É o lugar que indico para comer no outlet Sawgrass.

 

Se você ficar hospedado em Bay Harbor Islands:

Há vários bons restaurantes nessa área, muito próximos do hotel Daddy O. Indico os seguintes:

Caffé Da Vinci (http://www.caffedavinci.com) – italiano: restaurante pequeno, super charmoso, com atendimento excelente e ótima comida. Fomos recepcionados pelo próprio cheff e dono, que é uma simpatia. Se quiser um prato leve, peça o raviolli com ricota, espinafre e molho de tomate. Mas se quiser algo memorável, peça o macarrão com molho de cogumelos e trufas. Delicioso! O custo benefício também é ótimo. (1009 Kane Concourse – Bay Harbor Island – FL, 33154)

Café Ragazzi (http://caferagazzi.com/) – italiano: outro ótimo italiano nas redondezas. Ótimo atendimento, ótima comida. Indico.

The Palm (http://www.thepalm.com/Miami) – steak house: é o restaurant que ficava junto ao nosso hotel. Não chegamos a jantar nele, em função da correria, mas nos foi super indicado. Ele existe desde 1926 e é considerado uma das melhores casas de carne de Miami. Sempre lotado, é necessário reserva. Não é um restaurante barato, então se estiver na correria e a intenção é apenas um jantar simples, vale a pena escolher um dos restaurantes acima. Aqui o jantar sai por U$ 60 a 80 por pessoa.

 

Aventura Mall:

The Cheesecake Factory (http://www.thecheesecakefactory.com/): como todos os restaurants Cheesecake Factory, sempre uma ótima pedida. Todos os pratos são super bem servidos e o valor não assusta. Se quiser, dá até para dividir e guardar um espacinho para o maravilhoso cheesecake deles.

 

Um bom café da manhã:

News Café (http://newscafe.com/): esse restaurante é 24h e serve ótimas opções de café da manhã. Fica em Miami Beach, em frente à praia. Super indico um prato que leva iogurte, frutas, granola e passas. É impossível comer inteiro e ele alimenta por horas! Sai em torno de 9 dólares. O suco de laranja deles também é uma delícia. Para quem quiser mais calorias, eles tem também o tradicional café da manhã americano: ovos, bacon, salsicha, paquecas e tudo mais.

Lincoln Road: outra opção para café da manhã são os cafés/restaurantes da Lincoln Road. Vale a pena passar por lá e escolher um para entrar. A rua é um charme e já dá para emendar um passeio.

7. EMPACOTANDO AS COISAS:

Guarde um dia só para fazer as malas, mas não deixe para fazer tudo num dia só e, principalmente, no último dia. Vá comprando e, se possível, já guardando e fechando algumas malas, porque toma muito tempo você organizar tudo direitinho de forma que ocupe o menor espaço possível. Lembre-se que todas as cias aéras permitem que você leve uma mala de mão + 2 malas de 32kg cada. Isso é pouco! Nós acabamos vindo com um volume a mais (fizemos milagre na hora de guardar as coisas) e a American nos cobrou U$ 75,00 por ele (sai mais barato trazer um volume extra, que custa 75 dólares do que pagar excesso de peso, que é 100 dólares por mala – isso na American. O único problema é que uma mala a mais chama mais atenção na Alfândega). Outro cuidado: cada cia aérea tem uma regra para o tamanho máximo dos volumes. Se vc não atentar para isso, pode chegar na hora e ter que abrir algum volume para tirar coisa de dentro ou reorganizar para caber nos padrões deles (passamos por isso).

 

Tire todas as etiquetas e cabides das roupas. Os cabides ocupam muito espaço e vc não precisa trazer as etiquetas mostrando quando aquilo custou. Para saber o quanto foi gasto, guarde as notas na sua carteira ou bolsa. Se você tiver que pagar algo, pode usar essas notas para provar o quanto aquele item custou (sem provar o preço o pessoal da alfândega pode arbitrar e até cobrar um valor maior).

 

Tente trazer tudo no menor número de volumes possível. Quanto mais malas, mais chama a atenção.

Se possível, não traga nada dentro de caixas, coloque em sacolas maleáveis se for o caso e passe aquelas proteções plásticas de aeroporto. As caixas chamam mais atenção na alfândega. Se não tiver escolha e tiver que trazer algo em caixa, aproveite todo o espaço livre dessa caixa para colocar coisas (roupas, principalmente). Além de proteger o que está dentro, você vai aproveitar o espaço livre que sobrará em outra mala).

 

Se você comprar um carrinho, veja se o seu modelo possui para venda também uma sacola de transporte/viagem. O Quinny tem. Nós compramos e trouxemos o carrinho dentro dessa sacola.

Ocupamos o resto do espaço da sacola com roupinhas e protegemos com plástico no aeroporto.

Mas, cuidado! Não proteja todas as suas malas com esses plásticos coloridos. Isso chama muita atenção na alfândega. Se você chegar totalmente protegido vai dar na cara que está transportando algo valioso e pode atiçar a curiosidade dos fiscais.

 

Cadeirinha de carro e bebê conforto são duas coisas que ocupam muito espaço. Se você for comprar os dois, tire-os das caixas e coloque-os dentro de alguma sacola/mochila grande de lona, assim, dois volumes viram um e você ocupa os espaços vazios com outros itens. Uma ótima opção para transportar esses dois itens (ou quaisquer outros itens grandes que vc for coprar) é comprar lá uma sacola do tipo caracol (aquelas sacolas enormes, de sacoleiro, que vc vai abrindo um ziper e elas vão ficando maiores). Essa sacola salvou a nossa vida, pois trouxemos dentro dela a cadeirinha, o bebê conforto e o trocador (esse item é grande e não cabe em nenhuma mala). Só tome cuidado ao colocar as coisas dentro. Se você ocupar 100% do tamanho da sacola, pelo menos desse modelo que a gente usou, ela não passará no limite de tamanho da cia aérea. Nós tivemos que organizar as coisas no checkin para o volume ser aprovado. Vale a pena checar o tamanho máximo com a cia aérea antes. * IMPORTANTE: quem for comprar essa mala em Miami poderá encontrá-la no seguinte endereço: 138 E. Flagler St, Miami, Fl 33131. O telefone da loja é o 305-371-805 e o preço é USD 20.00 (Nesta rua tem algumas lojas que vendem as malas. Uma na frente da outra).

Abaixo imagens de um dos modelos da mala caracol, para ficar mais fácil de encontrar quando for procurar:

Mala fechada.
Mala fechada.
Mala aberta.

Compre pelo menos uma ou duas space bags tamanho jumbo (http://www.amazon.com/Space-Bag-WBRS5402T-Vacuum-Seal-Space-Saver/dp/B000ETOG48/ref=sr_1_2?ie=UTF8&qid=1329998874&sr=8-2). Esse tamanho cabe perfeitamente dentro de uma mala grande. Tudo que for de tecido ou maleável (roupas, lençóis, kit berço, babadores, fraldas,…) vc coloca dentro dessa space bag e quando ela estiver bem cheia vc tira o ar para caber dentro da mala. Fazendo dessa forma, você consegue colocar duas malas dentro de uma. Só um detalhe, primeiro encaixe a space bag dentro da mala, depois coloque as coisas dentro dela. Se primeiro vc preencher a space bag e depois tentar encaixá-la na mala não dará certo. O bom dessa space bag é que depois você ainda a utiliza em casa, para guardar edredons, travesseiros, roupas… E se o lugar que vc estiver não tiver aspirador para tirar o ar da space bag, vc pode levá-la até um Bed, Bath & Beyond que eles fazem isso (apenas compre algum produto lá para “disfarçar” e peça esse favor).

Aproveite cada mínimo espaço! Nós enchemos todas as mamadeiras com meias e outras peças pequenas. Isso vai tomar um tempo danado, mas vai fazer A DIFERENÇA no volume da sua bagagem. Levamos em torno de 4 horas para fazer apenas duas malas, mas vale a pena o tempo investido.

8. ÚLTIMO DIA – DESCANSE!

Lembre-se que você está grávida e que acaba de participar de uma maratona bem desgastante. É uma delícia fazer compras, mas você provavelmente já está com uma barriga grandinha (algo não muito confortável) e teve que cumprir esta tarefa num tempo limitado, ou seja, certamente estará cansada, estressada e precisando um pouco de descanso antes de encarar 8h de volta ao Brasil.

Para descansar eu indico aproveitar um pouco de praia no último dia. E, na minha opinião, a melhor forma de fazer isso é aproveitar a estrutura do maravilhoso hotel Saint Regis, que fica na praia de Bal Harbor, em Bay Harbor Islands (http://www.stregisbalharbour.com/).

Vá até a praia entrando pela rua 96th Street (rua do shopping Bal Harbour). Deixe o carro estacionado na rua (não esqueça que há parquímetro e que vc tem que calcular quanto tempo ficará) e entre a pé. Ande para a sua esquerda e vá até as cadeiras e guarda-sóis do hotel Saint Regis. Ali, alugue um guarda-sol e duas cadeiras espreguiçadeiras por U$ 20,00 a diária. Será o dinheiro mais bem investido da sua viagem.

O atendimento é impecável e você aproveitar vários benefícios da estrutura do hotel: cada cadeira é preaparada com duas toalhas brancas super macias para ficar mais confortável, haverá garçons atendendo você todo o tempo, eles servem água gelada sem custo durante todo o dia, se você pedir qualquer lanche poderá pagar com cartão de crédito (as cadeiras e guarda-sóis tem que ser em dinheiro), os talheres que acompanham os lanches são de prata (um mimo a mais), de tempos em tempos uma pessoa distribui toalhinhas geladas aromatizadas para refrescar o corpo e ainda é possível utilizar o banheiro do hotel. Definitivamente, um programa que vale a pena se você estiver a fim de curtir uma praia (Importante: no dia 20 de maio de 2014, recebi um email de uma leitora dizendo que agora o hotel não oferece mais esse serviço para pessoas que não sejam hóspedes. Então, vale a pena ligar e checar isso antes).

Acredito que essas sejam as minhas principais dicas sobre compras de enxoval de bebê em Miami. Espero que sejam úteis. Se tiverem qualquer dúvida, postem um comentário que tento ajudar de alguma forma.
Bom proveito!

LEIA MAIS SOBRE ESSE TEMA AQUI NO BLOG:
Enxoval de bebê em Miami: lista completa de compras
Enxoval de bebê em Miami: oupas e calçados – marcas que valem a pena