Sonecas na creche | Macetes de Mãe
Sonecas na creche

Sonecas na creche


16 de março de 2019

Bebês e crianças precisam de um lugar tranquilo para tirar aquela soneca revigorante. Em casa conseguimos esse espaço e quando vamos colocar nossos filhos no berçário, a maior preocupação é em relação à rotina. Como ficam as sonecas na creche? Será que ele vai conseguir dormir o tempo necessário para não ficar cansado?

Afinal, criança precisa repor as energias e sabemos do valor de uma boa soneca na vida deles. Nossa querida colunista, Marcia Hobarcio, especialista em sono materno-infantil, traz dicas preciosas para mães e pais que estão com seus bebês em fase de adaptação na creche.

Como adaptar as sonecas na creche

Hoje vou falar de um assunto que preocupa muitas mães quando chega a hora de colocar o neném na creche: as sonecas.

Se você está no momento de escolher uma creche para o seu filho, lembre que além de segurança, boa alimentação, e atividades, ele precisa de sono. O sono precisa ser prioridade para a escolinha de crianças que ainda precisam do sono diurno.

Se não há um ambiente separado das brincadeiras, ou se não é confortável e escurinho, e, se principalmente, você receber a informação de que lá o bebê é colocado para dormir sempre que começa a chorar de sono, pense duas vezes antes de matricular seu filho. Se ele não dormir bem na creche, e ficar cansado demais, pode passar a despertar mais à noite, acordar mais cedo, e até mesmo chorar mais para dormir.

Algumas instituições permitem que o bebê venha para a creche e faça as sonecas nos seus horários. Outras, procuram adequar o sono do bebê aos horários da soneca do grupo. E como fica quando o bebê ainda precisa fazer duas sonecas e o grupo só faz uma depois do almoço?

Seis dicas bem legais para ajudar nessa transição de sonecas na creche

1. Faça o ambiente lembrar a cama de casa

Leve o lençol, a naninha, o bichinho que ele não larga para dormir (o melhor é comprar outro e deixar na creche) e a cobertinha preferida. Isso vai ajudá-lo a lembrar de casa e a se entregar melhor ao sono.

2. Se a creche não disponibilizar um ambiente separado para sonecas

Considere levar um ruído branco (barulhinho de chuva, de ar condicionado ou até de coração batendo) e deixar perto da criança.

(se não for atrapalhar os outros, de preferência deixando baixo, mas numa altura que possa bloquear o barulho do grupo para o seu neném)

Lembre-se apenas que deve ficar a pelo menos 1 metro da cabeça do bebê porque é um aparelho eletrônico.

3. Se a escolinha for maleável, ensine como alongar sonecas do seu bebê

É muito comum que a criança que costuma dormir 1-2 horas em casa não consiga fazer o mesmo na creche. Principalmente, no período de adaptação. Se o bebê dorme na creche sonecas de 20-30 minutos, com certeza vai ficar cansado antes da hora de começar a próxima soneca. E isso pode fazer com que ele não consiga relaxar no próximo período de sono.

Então, diga para a cuidadora responsável tentar ninar o bebê de volta no berço mesmo se ela perceber que ele vai começar a se mexer. Ela pode falar “shhhh…” e tocar nele passando a mão com carinho. Ou pode até pegar no colo para fazer mais um pouquinho de sono no colo mesmo. É importante que seja feito antes dele acordar totalmente, quando apenas começar a suspirar ou mudar o ritmo da respiração. 

Leia também: 3 dicas para esticar as sonecas do bebê

Geralmente, as crianças que precisam de 2-3 sonecas são menores de 1 ano. E em salas com crianças menores, há mais cuidadoras do que em grupos de crianças mais velhas. Então, pode não ser tão difícil ter alguém disponível para alongar o sono.

4. Relate sobre a rotina de casa

Não esqueça de conversar sobre a rotina em casa para que a escolinha saiba que horários o bebê está acostumado a dormir. Informe também como o bebê gosta de dormir e quanto tempo de descanso ele geralmente precisa.

5. Durante a adaptação

Durante o período de adaptação na creche, considere colocar o bebê mais cedo na cama. Se ele dormia de 2-3 horas em casa e na creche está fazendo duas sonecas de 30 minutos, no final de uma semana esse déficit de sono vai se acumular e ele pode passar a ter despertares a noite que não existiam e até acordar muito cedo de manhã. Talvez durante esse período você tenha que retirar do ritual de sono uma ou duas atividades (por exemplo, o banho à noite) para que ele tenha tempo de dormir logo e não fique cansado demais. Não há problema em reduzir um pouco o ritual de sono se o bebê está exausto.

6. Se nada resolver, tente a mini-soneca

Se com todos os esforços o bebê não conseguir dormir o suficiente, considere fazer uma mini-soneca assim que chegar em casa. Acorde-o depois de meia hora ou quarenta minutos apenas para que não chegue tão cansado na hora de dormir. Se já passa das 18 horas, o melhor é esperar mais uns 30 minutos e colocar o bebê para dormir.

Esses conselhos são úteis para as mamães. Mas e os donos de escolinha, o que podem fazer para que os pequenos tenham um bom sono? Os cuidadores sabem que crianças mais descansadas ficam mais atentas, concentradas e se comportam melhor. Como podem ajudar?

Leia também: a importância das sonecas para o aprendizado dos bebês

As creches, principalmente aquelas que aceitam crianças menores de um ano, precisam saber que essas crianças ainda necessitam de duas sonecas por dia. E é uma necessidade primordial da criança que ela tenha esses dois sonos. Então, portanto, a primeira providência é separar local de brincar e dormir, e se possível, os lugares de dormir devem ser separados por idade. O local deve ser escurinho, fresco com uma temperatura entre 21-23 graus, a umidade entre 40-60%. E de preferência nesse ambiente deveria haver um barulhinho como o ruído branco que falei acima.

Tente combinar um bom ambiente, com conhecimento da rotina da criança em casa e disposição para ajudá-la a relaxar para dormir. Como resultado, isso já vai significar crianças mais comportadas e felizes. Não é tudo que todo mundo quer?

CONHEÇA MEU LIVRO: “GRÁVIDA E PRÁTICA – UM GUIA SEM RODEIOS PARA A MÃE DE PRIMEIRA VIAGEM”:

PARA COMPRAR O LIVRO, CLIQUE:

Amazon: https://amzn.to/2S6NI8P
Livraria da Travessa: http://bit.ly/2PMLj10
Venda online com entrega em todo o Brasil.